Se ler um livro é uma forma de expandir os horizontes, ouvir um livro pode ser um jeito de acabar com o preconceito. Na Living Library (Bilblioteca Viva), é possível ouvir histórias, experiências de vida, pontos de vista. Porque os livros são pessoas, que tomamos emprestados por alguns minutos para conversar – “livros vivos”, que têm títulos como “mulher muçulmana”, “senhor cego”, “jovem imigrante”, “ex-presidiário”.
Trecho da coluna Mente Aberta, na Revista Vida Simples.
Para saber como organizar uma Biblioteca Viva clique aqui.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments