“A Grécia Antiga falou das virtudes da democracia. O judaísmo fala da democracia da virtude – o bem que é real porque feito por pessoas como nós.”

“Nós precisamos não apenas de livros didáticos, mas de pessoas que eduquem por meio de seus atos.”

“Confesso ter amor pelas efervescência contida nas ideias. São elas que modificam as pessoas, para melhor ou para pior.”

“As ideias influenciam nossa maneira de interpretar o mundo e afetam o que nos acontece. Transformam nosso horizonte imaginável, às vezes elevando pessoas a grandes alturas, outras vezes conduzindo-as à insensatez ou à violência.”

“Temos a tendência de esquecer que o chamado senso comum nada tem de comum e nem é, tampouco, meramente senso.”

Rabino Jonathan Sacks, em Para curar um mundo fraturado (Séfer).

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments