“Por trás da ética da responsabilidade existe uma ideia ousada: ainda maior do que nossa fé em Deus é a fé que Deus deposita em nós.”

“No judaísmo, esperança é isso: recusar-se a abandonar os próprios ideais mais caros e recusar-se a dizer, em um mundo ainda desfigurado pelo mal, que o Messias já veio e esse mundo está salvo.”

“O judaísmo é uma religião de protesto e que Herbert Schneidau chamou de ‘sagrado descontentamento’.”

“‘O mal que faz o homem sobrevive ao homem’, disse Marco Antônio nas palavras de Shakespeare, ‘o bem está enterrado com seus ossos’.”

“No judaísmo, nós nos sentamos em banquinhos baixos durante uma semana – shivá – para chorar a perda de um parente próximo, e é costume universal que a família, os amigos e a comunidade venham visitar e confortar os enlutados durante esse período.”

Rabino Jonathan Sacks, em Para curar um mundo fraturado (Séfer).

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments