“Este é o mundo da seleção natural de Darwin. O forte sobrevive, o fraco perece. Homino homini lupus est – O homem é lobo para o homem.”

“O mundo é um vale onde são feitas as almas. Você não percebe quão necessário é um mundo de dor e de aflição para disciplinar a inteligência e fazer dela uma alma” (Keats).

“Deus existe. Logo, a injustiça não existe.”

“Fazer o melhor para os outros pede certa dose de distanciamento, pede a empatia silenciada, a solidariedade anestesiada, porque a estrada para a felicidade ou saúde ou paz às vezes atravessa uma paisagem de dor, sofrimento e morte.”

“Uma historiadora do Holocausto certa vez entrevistou um sobrevivente dos campos de extermínio. Surpreendentemente, ele parecia ter passado pelo vale das sombras da morte mantendo sua fé intacta. Ainda podia sorrir. A historiadora perguntou: ‘O senhor não quis fazer perguntas a Deus, tendo visto o que viu?’ ‘Si’, ele disse. ‘Claro que quis. Eram perguntas tão eloquentes que, não tenho dúvidas, se as fizesse Ele me convidaria para ir pessoalmente aos céus puvir as respostas. E eu prefiro ficar aqui, na terra, com as perguntas a estar nos céus com as respostas’.”

Rabino Jonathan Sacks, em Para curar um mundo fraturado (Séfer).

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments