Para ler na escola apresenta apresenta crônicas de Carlos Heitor Cony, revelando traços de uma infância que se revela em pequenas lembranças, seja o cheiro do primeiro estojo, ou a turma de bicões em festas. A leitura é tão agradável que devorei as 156 páginas do livro em um dia.


• Para ler na escola. Carlos Heitor Cony. Objetiva (156p.).

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments