A FedEx Express, maior empresa de transporte expresso do mundo, enviará mais do que pacotes em 2010. Até 30 de abril, a FedEx recolherá livros com o seu Programa FedEx Entrega. O programa tem o objetivo de estimular o amor pela leitura e o aprendizado para aqueles que têm acesso limitado ou nenhum acesso a livros.
 
O FedEx Entrega é um programa regional de doação de livros, novos ou usados, criado para estimular a consciência da necessidade de plantar o amor pela leitura em crianças. Alguns exemplos de bons livros para doar são contos de fadas, poesia ou literatura infantil tradicional de autores conhecidos na América Latina.
A FedEx trabalhou com organizações sem fins lucrativos em toda a América Latina a fim de estimular e promover a educação para crianças carentes. No Brasil, os livros coletados serão doados à Casa Hope, e aqueles que não forem destinados à biblioteca infantil vão compor um bazar em benefício da própria instituição. A FedEx recolherá livros em todos os Centros de Serviço Mundial espalhados por todos os estados, mas principalmente nos locais onde a FedEx está presente diretamente com centros de distribuição: São Paulo, Campinas (Viracopos), Rio de Janeiro, Porto Alegre e Blumenau.
 
“Temos orgulho em lançar o FedEx Entrega pelo segundo ano consecutivo, pois a FedEx Express reconhece que a educação é uma ferramenta importante para o avanço e o desenvolvimento de nossas comunidades”, diz Eduardo Mezei, gerente de Recursos Humanos da FedEx Express para o Mercosul. “Este programa tem como objetivo promover a leitura como uma atividade divertida e oferecer uma oportunidade para que crianças carentes aprendam, explorem e descubram o mundo através dos livros” finaliza.
 
De acordo com Claudia Bonfiglioli, presidente da Casa Hope, a organização uniu seus esforços à FedEx para apoiar uma causa que aborda uma das maiores necessidades de nosso país – a educação. “Queremos estimular o hábito da leitura, que não deve ser promovido somente nas escolas, mas também em casa e por meio de campanhas como a FedEx Entrega”, diz Claudia.
 
Este esforço complementa a recente divulgação de um estudo do The Economist Intelligence Unit (EIU), encomendado pela FedEx Express e a Dell Inc. chamado Habilidades para competir: educação superior e sustentabilidade negócios na América Latina, que revelou que os estudantes da América Latina não possuem habilidades necessárias para atuar no mercado global e competitivo de hoje, o que pode minar suas chances de sucesso em longo prazo, além da sustentabilidade das empresas da região.
 
Em 2009, a FedEx lançou o FedEx Entrega em sete países: Argentina, Brasil, Colômbia, Costa Rica, México, Panamá e Porto Rico, coletando 9.500 livros em toda a região. Este ano, o programa também chegará pela primeira vez à Guatemala e à Venezuela.
 
 
Para quem se interessou, segue o link onde se pode encontrar os postos de coleta da FedEx
 
Fonte: ABERJE

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments