Com um cadastro simples e rápido, internauta se habilita a trocar gratuitamente livros pela internet

Vontade de “dar vida” aos livros já lidos e “estacionados” na estante de casa motivou o analista de sistemas Arley Lobato, 28 anos, a criar o site Trocando Livros, uma ferramenta virtual gratuita que permite comunicação entre os usuários cadastrados com objetivo de trocar livros, que posteriormente são enviados pelo correio.

No ar desde outubro de 2008, o site permite que internautas de todo o Brasil troquem livros disponíveis em um mega acervo de títulos disponíveis para troca. A “biblioteca” é criada pelos próprios usuários que, ao se cadastrarem, colocam à disposição de outros internautas os títulos que desejam trocar. “Queria achar uma forma econômica de fazer com que esses livros já lidos passassem por diversas mãos de forma econômica e ecologicamente correta”, conta Lobato.

Foi por meio do Trocando Livros que a maquiadora Eliana Grimm achou a solução para se desfazer dos livros que já tinha lido e ocupavam espaço dentro de casa. “Como a maioria dos meus livros são em inglês, tive muita dificuldade em arrumar alguém que se interessasse, mas esse problema foi resolvido assim que fiz o meu cadastro e postei os meus livros no site de trocas”, conta a maquiadora que já trocou pouco mais de 10 livros pelo site.

“Achei a iniciativa maravilhosa e coloquei um post em meu blog falando sobre o site e sempre divulgo em meu twitter também porque realmente vale a pena para quem gosta de ler e não quer gastar”, comenta Eliana.
Atualmente, o site possui cerca de 40 mil usuários e já promoveu a troca de mais de 30 mil livros, uma média de dois mil livros enviados por mês.

Estante Virtual Leia +.

fonte: Instituto Akatu [via Movimento Mais Cidadania]

kibado do Alunos Metô

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments