“Não é verdade que o céu seja indiferente às nossas preocupações e anseios. O céu está constantemente a enviar-nos sinais avisos e se não dizemos bons conselhos é porque a experiência de um lado e do outro, isto é, a dela e a nossa, já demonstrou que não vale a pena esforça a memória, que a todos a temos mais ou menos fraca. Sinais e avisos são fáceis de interpretar se estivermos de olhos atento”

” A cabo de três minutos, dormia. Estranho animal é esse bicho homem, tão capaz de tremendas insônias porcausa de uma insignificância como de dormir a perna solta na véspera da batalha. Assim sucedeu”

“Eu estava perdido no nevoeiro e foi a sua voz que me salvou”

José Saramago, em A viagem do elefante (Caminho)

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments