O Kindle, e-reader da Amazon, garantiu uma quota de 41,5% do mercado de leitores eletrônicos no terceiro trimestre de 2010. A Pan Digital, com o seu Novel, garantiu a segunda colocação – muito distante da Amazon, com 16,1% do mercado. A Barnes and Noble e o seu Nook ocupam a terceira posição do ranking, com 15,4% de market share.

Segundo a IDC, foram exportados 2.7 milhões de leitores eletrônicos no terceiro trimestre, mais de 40% do que no ano anterior. O mercado americano é responsável por 75% das vendas globais dos e-readers.

Na tabela abaixo, é possível conferir o desempenho destes dispositivos no ano passado. Lembrando que os tablets (como o iPad e o Galaxy) não são considerados e-readers pois possuem outras funções.

Fonte: Olhar Digital

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments