Saraiva, Artmed, Atlas e Gen criaram companhia para comercializar e-books; estratégia pode ser reação contra a Amazon que planeja investir no Brasil

Texto de Daniela Barbosa publicado originalmente na revista Exame

Saraiva fecha parceria com editoras para vender livros digitais

 A Saraiva anunciou, nesta segunda-feira (23/5), a parceria com as editoras Artmed, Atlas e Grupo Editorial Nacional (Gen). Juntas, elas criaram a Minha Biblioteca, companhia voltada para a edição, distribuição e venda de livros digitais. Segundo comunicado divulgado ao mercado, a Saraiva vai deter 25% da nova sociedade.

“Esse movimento estratégico agregará valor ao catálogo de produtos que oferecemos, que incluirá, além da tradicional e reconhecida qualidade dos livros impressos produzidos por seus diversos editoriais, também uma moderna plataforma de venda de conteúdo digital”, afirmou a companhia em nota.

A tática pode ser  também uma reação das editoras brasileiras para combater a Amazon. Segundo especulações de mercado, há interesse da companhia americana investir no mercado brasileiro e já existem conversas em andamento.

Na semana passada, a Amazon anunciou que já comercializa mais livros em formato eletrônico do que impresso. De acordo com a empresa, desde abril, foram vendidos 105 livros para o e-book Kindle para cada 100 livros em papel.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments