Originalmente publicado em O Girassol.

 

Eliane Brum é conhecida no jornalismo pela sensibilidade e força do seu texto. Cronista do cotidiano, ganhadora de mais de 40 prêmios nacionais e internacionais de reportagem, há mais de 20 anos dedica-se a desvelar o extraordinário que habita vidas supostamente comuns. Sem medo de dizer o que pensa, a autora é famosa por analisar, sem véus nem máscaras, a sociedade que enxerga.

Depois de publicar Coluna Prestes – O Avesso da lenda, O olho da rua e A vida que ninguém vê – obra que lhe rendeu o Prêmio Jabuti 2007 –, Eliane Brum publicará pela LeYa Brasil seu aguardado primeiro livro de ficção, o romance intitulado Uma Duas.

Quais são os laços que unem mãe e filha? Que tipo de influência uma exerce uma sobre a outra? O romance de Eliane busca compreender essas questões. O leitor acostumado a clichês e eufemismos, porém, pode assustar-se com esse retrato expressionista de uma relação tão dramática quanto nauseante, tão surpreendente quanto peculiar.

Dotada de um humanismo quase visceral, a autora entrelaça os narradores do mesmo modo que o acaso embaralha integrantes de uma família numa teia de subjetividades. Qual parte da filha é dela mesma? E da mãe? Obra de abalar as estruturas, sejam elas quais forem, Uma Duas é literatura escrita com sangue.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments