Texto de Rachel Almeida publicado originalmente no Jornal do Brasil

Em janeiro do ano passado, sete meses depois da morte do astro Michael Jackson, a poetisa e editora Thereza Christina Motta foi apresentada ao livro A dança dos sonhos, única obra de poemas do músico (que também reúne fotografias, pequenas reflexões e letras de música, com prefácio de Elizabeth Taylor). “Percebi que a obra havia sido esquecida pelas grandes editoras, só os fãs de verdade sabiam de sua existência, e apostei na publicação. Talvez essa ausência tenha se dado pela dificuldade de tradução. Como eu sou poeta e tradutora de poesia, resolvi encarar o trabalho”, conta a dona da Ibis Libris, por onde vai sair a publicação bilíngue, que trabalhou seis meses na versão dos textos para o português. 

Michael Jackson: reflexões e poesia

Lançado originalmente em 1992, o livro foi apresentado a Thereza pelo DJ King, o Leo Lapagesse, admirador do cantor desde a infância, e os dois dividiram a compra dos direitos da editora americana do livro. Agora, é labutar para viabilizar o lançamento, que vai sair de qualquer jeito, e já está marcado para o dia 29 de agosto, aniversário do músico. Haverá apresentação do sósia Nikki Goulart, e do DJ King nas carrapetas, tocando sucessos inesquecíveis como Thriller e Billie Jean.

Por enquanto, os produtores estão se mobilizando no site de incentivo coletivo movere.me (www.movere.me), oferecendo recompensas para os incentivos que vão de R$ 10 (versão em pdf do livro) a R$ 300 (seis livros A dança dos sonhos na versão ilustrada). Caso não seja alcançado o valor de 56 mil, a editora vai comandar um esquema de impressão por demanda. 

 

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments