Publicado originalmente no EGO

De acordo com a biografia da atriz, ‘Then Again: A Memoir’, ela sofria de bulimia.

Diane Keaton (Foto: Getty Images)

De acordo com a biografia de Diane Keaton, “Then Again: A Memoir”, que acaba de chegar às livrarias americanas, a atriz comia cerca de 20 mil calorias por dia e vomitava, pois sofria de bulimia. O jornal “Daily Mai”publicou com exclusividade alguns trechos do livro. Confira:

“No café da manhã todos os dias, ela comia uma dúzia de bolinhos de milho com manteiga, três ovos fritos com bacon, panquecas e quatro copos de leite com chocolate. Para o almoço: três bifes com manteiga, duas batatas assadas com creme de leite, torta de maçã e dois sundaes de chocolate com nozes. No jantar era um balde de frango frito, várias batatas chips, com queijo e catchup e de sobremesa chocolate com amêndoas, refrigerante e um quilo de amendoim, além de suco de manga, e torta de banana.”

Um trecho fala dos efeitos dessa dieta na saúde da atriz. “Com isso de comer cerca de 20 mil calorias por dia Diane tinha azia, indigestão, menstruações irregulares, pressão arterial baixa e 26 cáries nos dentes, além de bulimia”.

O livro fala ainda da relação com Al Pacino. “Em 1990, quando eles voaram para Roma para começar a filmar ‘O Poderoso Chefão 3’, ela deu um ultimato a ele: ‘Case-se comigo ou ao menos se comprometa com isso’. A resposta dele não foi o que ela esperava: eles romperam, voltaram a ficar juntos e romperam de novo mais uma dúzia de vezes. ‘Pobre Al. Pobre de mim – eu nunca parava de insistir’, diz ela. Quando eles voltaram para os EUA, uma crise familiar tirou Al Pacino da cabeça dela. Seu pai tinha sido diagnosticado com um tumor cerebral e morreu cinco meses depois.”

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments