Patrícia Moribe na RFI

O escritor norte-americano Jack Kerouac (1922-1969).

Escrito aos 20 anos, o primeiro trabalho literário de Jack Kerouac, ícone da geração beat e autor de “Pé na Estrada”, acaba de ser publicado em inglês pela editora Penguin Classics. “The Sea is My Brother” (“O Mar é Meu Irmão”, em tradução livre) relata as aventuras de Wesley Martin, um homem “que tinha pelo mar um amor estranho, solitário”.

O romance era tido como perdido, até o manuscrito ser encontrado nos arquivos do escritor, que morreu em 1969. Em anotações feitas durante a redação do livro, Kerouac descrevia seu alter ego como alguém ‘em revolta contra a sociedade tal como ela é’. A obra foi escrita durante o período em que Kerouac trabalhou como marinheiro.

Jack Kerouac ficou conhecido com “Pé na Estrada”, um dos marcos da geração beat de artistas norte-americanos que marcou as décadas de 1950 e 1960, inspirando e se confundindo com o movimento hippie. O nomadismo, as viagens pela América profunda, o não-conformismo social, as drogas e o álcool eram parte do laboratório dessa geração.

O diretor brasileiro Walter Salles está preparando uma versão filmada de “Pé na Estrada”, a ser lançada no ano que vem, em coprodução francesa. O elenco conta com Kirsten Dunst (Palma de Ouro como melhor atriz no último festiva de Cannes), Sam Riley, Garrett Hedlund e Steve Buscemi.

 

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments