Publicado no Adoro Cinema

Começa hoje no Rio de Janeiro a mostra Um Livro, Um Filme, que exibirá seis longas que foram baseados em livros. Após as sessões, acontecerão debates com diretores, escritores, roteiristas e poetas, que irão analisar e discutir as obras literárias e cinematográficas.

Adaptação de livro homônimo de Chico Buarque, Budapeste foi escolhido para abrir o evento às 17h dessa sexta-feira, 6 de janeiro. A projeção será seguida de um debate com o diretor Walter Carvalho e com a escritora Regina Zappa.

Na segunda-feira (9), também às 17h, será a vez de Capitães da Areia, cuja sessão será acompanhada pela diretora Cecília Amado, neta de Jorge Amado, autor do livro que inspirou o filme. No mesmo dia, às 20h, Um Romance de Geração levará ao público a história criada por Sérgio Sant’Anna. O cineasta David França Mendes conversará com as pessoas presentes.

A partir de terça-feira (10), as sessões passam a acontecer sempre no mesmo horário: 19h10. No dia será exibido A Pele que Habito, de Pedro Almodóvar, que foi inspirado no romance “Tarântula”, de Thierry Jonquet. O debate contará com as presenças dos poetas Omar Salomão e Ericson Pires.

Quarto longa do consagrado diretor Louis Malle, Zazie no Metrô (1960) será o destaque da programação na quarta (11), que trará ainda uma bate papo com o poeta Carlito Azevedo.

Para fechar a mostra, na quinta-feira (12), os organizadores reservaram o inédito Precisamos Falar Sobre o Kevin (foto), de Lynne Ramsay. Estrelada por Tilda Swinton e John C. Reilly, a obra é uma adaptação de livro homônimo de Lionel Shriver. A mesa de conversas será conduzida pelo escritor Arnaldo Bloch.

As sessões acontecerão no Estação Sesc Botafogo (Rua Voluntários da Pátria, 88, Botafogo) e os ingressos custam R$ 10,00.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments