Renata Pinheiro, na Veja Online

Quando o tédio assombra a casa, hora de sacar o livro permitido a cada brother levar para o confinamento. As escolhas, agora que conhecemos um pouquinho de cada um dos participantes, não impressionam.

Renata, que só pensa naquilo, anda lendo o livro Pare de Beijar Sapos. Na sinopse, uma identificação forte com a situação atual da loura na casa: “O livro conta o motivo de tantas mulheres inteligentes e bonitas se interessaram por homens ‘sapos’ além de trazer dicas para se afastar deles e encontrar o príncipe.”. Uma boa ação de marketing da editora seria tirar imediatamente o livro do reality com o maior ibope da tv brasileira.

João Carvalho, o menos desequilibrado, mantém a compostura com a ajuda de O Poder da Cabala. João Mauricio (foto abaixo) está agarrado ao livro Inteligência emocional, de Daniel Goleman, mas está na hora de pedir o livro de Renata emprestado e, quem sabe, entender um pouco melhor sobre as mulheres.

Monique, a deduzir por sua leitura, está focada no prêmio. A gaúcha dedica uma pequena parte do seu tempo livro para ler Pai Rico, Pai Pobre, de 156 páginas. O livro também passou pelas mãos de Laisa, mas ela prefere aplicar a literatura de Renata e João Maurício, juntas, na prática, com Yuri.

A abstinência de internet e informação de Mayara (foto à direita) está sendo suprida com o livro 44 Cartas do Mundo Líquido Moderno, de Zygmunt Bauman. O livro ensina, veja só, como separar o que é importante e significativo do que é supérfluo e descartável – não é à toa que a moça anda tão confusa no confinamento.

dica da Judith Almeida

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments