Ao contrário do muita gente pensa as obras literárias precisam de atenção mesmo quando não estão sendo usadas.

Publicado no Satoweb

“O ideal é deixar os livros em um lugar onde não peguem sol, um local arejado e que não tenha umidade”, afirma a assistente administrativa de biblioteca, Nagila Guedin Abdenur.

Além do local, outra preocupação é com o manuseio e o próprio uso. “Tem que pegar com cuidado, não pegar pela capa. Enquanto está lendo o livro evite usar clips para marcar a página, pois ele pode enferrujar e manchar. Não use aqueles marcadores que vem na capa, pois danifica o livro. O certo é usar marcador avulso”, relata Nagila.

Mesmo com todos os cuidados o livro por ser danificado por acidente. Os casos mais simples podem ser resolvidos em casa. “Quando rasga na ponta da página dá para fazer uma emenda com pedaço de papel. Quando uma folha cai dá para fazer um filete de folha e unir a página que caiu no livro”, fala a assistente.

De acordo com a assistente de restauração documental, Selma Leepkaln Dassi, muitas vezes é melhor nem mexer no estrago. “Se a pessoa não sabe restaurar é melhor não tentar, pois quando um profissional for mexer isso pode dificultar”, informa.

Quando o livro é molhado é necessário seguir alguns passos. “Quando molhar o ideal é deixar o livro secar fechado com algum peso em cima”, afirma a assistente.

Segundo Selma, os livros mais velhos devem ser guardados deitados. “Os mais antigos já estão com a costura fraca, as folhas finas e capa já não suportam mais o peso do livro, por isso o ideal é guardar ele em pé”, conta.

O estudante Guilherme Fabro, possui aproximadamente 40 livros. Para ele é importante cuidar das obras literárias. “Guardo eles em uma estante, só mexo quando vou ler. Sempre tomo cuidado como pego e manuseio”, relata.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments