Felino foi adotado por músico sem-teto e tem até cartão para viajar de graça no metrô

Publicado no R7

Desde que entrou para a vida do músico sem-teto James Bowen, o gato vira-lata Bob se transformou em seu companheiro inseparável, nas ruas de Londres

A vida de Bob é cheia de reviravoltas. Tanto que ele conta suas aventuras nas 320 páginas de um livro, lançado nesta semana em Londres (Inglaterra). Detalhe: Bob é um gato.

Após uma briga com outro animal de rua, o bichano foi encontrado bem machucado pelo músico James Bowen, também um sem-teto, em seu abrigo, no ano de 2007.

Comovido com o estado do gatinho, Bowen resolveu cuidar dele, com a ajuda de funcionários de uma entidade de proteção a animais da cidade. Mas ele não imaginava que seria “adotado” pelo bichano.

Desde então, a dupla se tornou inseparável. Juntos, Bob e Bowen conquistaram uma legião de fãs com suas apresentações musicais na entrada da estação Angel do metrô londrino, nos trens e nos ônibus da capital britânica. Enquanto o inglês toca seu violão, o bichano “arrecada” a gorjeta do público.

São tantas histórias, nesses quatro anos de convivência, que Bowen resolveu escrever o livro A Street Cat Called Bob (em tradução livre, “Um gato de rua chamado Bob”). Segundo a imprensa britânica, a obra tem de tudo para se transformar em filme de sucesso.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments