Publicado pela Bistrô Cultural

El Ateneo Grand Splendid já foi teatro e também cinema. Atualmente é um dos pontos turísticos mais visitados em Buenos Aires e uma das maiores e mais bonitas livrarias da América Latina. O prédio foi projetado pelos arquitetos Peró e Torres Armengol a pedido do empresário austríaco Max Glücksmann para abrigar as artes cênicas. Foi inaugurado em maio de 1919 e passou a funcionar como cinema em 1926, sendo um dos primeiros a exibir filmes sonoros.

A concorrência com as grandes redes acabou fechando o cinema, que foi vendido, em 2000, ao Grupo Ilhsa. O espaço foi adaptado, mas manteve sua estrutura fiel à original. As sacadas, os entalhes, as cariátides esculpidas por Troiano Troiani e o afresco da cúpula pintado pelo artista italiano Nazareno Orlandi foram preservados. Já as poltronas cederam lugar a fileiras de estantes, os camarotes passaram a servir de acolhedoras salas de leitura e o antigo palco, que já apresentou o mito do tango Carlos Gardel, foi transformado em um café.

A livraria oferece seção de música clássica, de literatura infantil e uma galeria de arte. E apesar das mudanças, ainda mantém o glamour de uma grande casa de espetáculos.

 

 

 

 

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments