eu te dedico1 (Foto: Reprodução)
Tumblr ‘Eu te dedico’ (Foto: Reprodução)

Fabrício Vitorino, no TechTudo

No mercado, o debate entre aqueles que acham que os livros estão com os dias contados e os que garantem que o papel nunca sera substituído continua quente. Mas entre pilhas de argumentos de ambos os lados, um ainda faz a balança pesar para o lado dos românticos: como ficam as dedicatórias no mundo dos e-readers? Enquanto a resposta não vem, o tumblr “Eu te dedico” traz para o mundo virtual algumas das páginas mais bonitas das vidas de algumas pessoas que, por acaso, foram parar em livros.

Criadora da página, a designer mineira Mariana Guglielmelli conta que a ideia surgiu aleatoriamente: “Mexendo em livros antigos, fiquei pensando em como deve haver dedicatórias (e histórias que as acompanham) escondidas, esquecidas ou perdidas por aí”, conta. E o tumblr – um formato de microblog que privilegia as imagens – se tornou o ideal para tirar as dedicatórias das estantes. “As mais interessantes, geralmente, ficam guardadas em casa. As pessoas não se desfazem delas”, diz a designer.

E, apesar de encantadora, a iniciativa parece tomar muito tempo de sua criadora. Afinal, é preciso manter um ritmo frequente de atualizações, além de um esquema para atender o recebimento diário de material. Guglielmelli admite que, sim, a página “dá um certo trabalho”, sobretudo se levarmos em consideração que ela recebe material – fotografado ou digitalizado – praticamente todos os dias.

Mas, e com relação à polêmica dos livros digitais x livros impressos, como ficam as dedicatórias? Para Guglielmelli, elas continuarão sendo escritas, ainda que com ajuda de aplicativos específicos, que funcionam bem para autores. Já para quem presenteia, ela diz ainda não saber como isso irá funcionar. “Os e-books estão se popularizando rapidamente, mas ainda não como presente. Imagino que eles serão o reduto das dedicatórias de autor e os livros tradicionais, das escritas por conhecidos”, diz.

A página tem agora pouco mais de 4 meses e conta com grande repercussão – já são mais de 300 dedicatórias recebidas. Apesar de ter deixado sua dona surpresa, o sucesso parece não incomodar. Aliás, pelo contrário. Mariana já faz planos para o futuro: “Gostaria que o Tumblr rendesse outros frutos, virasse livro, exposição…”

Mas a pergunta que, naturalmente, todo mundo gostaria de fazer à autora é: qual foi a dedicatória que mais te emocionou? Ela se esquiva e diz que prefere que os leitores escolham sua favorita. Mas revela que prefere os pedidos de desculpa. “Posso citar uma que encontrei por acaso, na minha estante. Me lembrava do livro, que foi o meu primeiro, mas não da dedicatória, e foi um segundo presente achá-la:

Para a Mariana
aprender a gostar de ler,
com amor

Dindinha Lelé
07-03-82”

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments