Vitor Belfort lança livro motivacional falando de fé

Jarbas Aragão, no Gospel Prime

Ainda se recuperando da cirurgia feita para recuperar a fratura na mão esquerda, Vitor Belfort precisou cancelar a revanche contra Wanderlei Silva. Mas o lutador carioca do UFC não para e lançou nesta quinta-feira (5) um livro motivacional, que conta experiências marcantes de sua vida dentro e fora do octógono.

O título da obra é “Lições de Garra, Fé e Sucesso: Vitor Belfort”, mas não se trata de uma biografia. A intenção do treinador vencedor do reality show The Ultimate Fighter (TUF) Brasil, é “inspirar leitores a buscarem o sucesso pessoal, assim como ele fez em sua trajetória”. Ele explica ainda que tem com objetivo “ajudar os leitores a entender que a vida é repleta de lutas e que é possível superar os obstáculos e vencer”.

Em essência, trata-se de um livro motivacional, mas a publicação também contar em detalhes episódios marcantes da vida de Belfort, como o desaparecimento de sua irmã em 2004, no mesmo ano em ele que conseguiu o cinturão dos meio-pesados do UFC, se somando à conquista nos pesos pesados, confirmada no ano anterior.

Vitor Belfort decidiu usar sua própria história para mostrar a superação de obstáculos, abordando ainda suas vitórias e derrotas dentro e fora do octógono. Um dos elementos principais, como indica o título é mostrar que a fé em Jesus se tornou um combustível para seguir sempre adiante. Fala também sobre seu casamento com a ex-modelo Joana Belfort, com quem tem três filhos.

Um trecho da apresentação do material assevera ” aos 35 anos e com seu nome consolidado na história do MMA, Vitor Belfort se revela um homem exemplar, sempre colocando em primeiro plano sua família, que é o seu alicerce. Cristão, Belfort dedica todos os dias uma hora para fazer orações com a família evangélica, cita sempre passagens bíblicas e acredita que a fé nos ajuda a vencer os obstáculos da vida”.

“Contei a minha história de uma maneira gostosa, de maneira que todo mundo pode se identificar. Meu sonho era ser escritor, mas não deu”, disse o lutador de MMA durante o lançamento oficial em uma livraria na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.

 

Lançamento do livro de Vitor Belfort (Foto: Isac Luz/ EGO)

O livro, publicado pela editora Thomas Nelson Brasil, tem 15 capítulos, todos com título referente a expressões do mundo da luta. O pref[acio foi assinado pelo técnico de vôlei, Bernardinho. O último cap[itulo, que leva o título de “Improvável”, foi escrito nas vésperas do lançamento, onde Belfort comenta a frustração que passou por ter ficado fora do UFC 147, onde enfrentaria Wanderlei Silva.

Falando aos jornalistas sobre sua lesão, Belfort comentou que ainda está fazendo sessões de fisioterapia e avisou: “O meu médico inclusive esteve aqui hoje para saber como eu estou. Ele já me disse que mês que vem eu já estou liberado para lutar.”

Mesmo já tendo anunciado que deve se aposentar em breve para se dedicar mais à carreira de empresário, afirma que continua empolgado pelo desafio de enfrentar novamente seus desafetos Anderson Silva (de quem perdeu) e Wanderlei Silva (de quem ganhou). “O Anderson (que teria chamado Vitor de “amarelão”) andou falando umas bobagens, mas quem tem boca fala o que quer. Meu objetivo agora é pegar os Silva”, contou Vítor se referindo ao outros lutadores.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments