Lançamentos colocam LeYa e Santillana em 6º lugar no ranking das editoras

Cassia Carrenho, no PublishNews

Depois de muito tempo com o mesmo trio nos primeiros lugares, temos essa semana um intruso, mas não menos conhecido: A culpa é das estrelas (Intrínseca) ficou em 3º lugar na lista geral, deixando 1889 (Globo) em 4º lugar. Por sinal, o autor John Green ainda aparece mais duas vezes na lista de ficção, com Cidades de papel e O Teorema de Katherine , ambos da Intrínseca. Nada a perder 2 (Planeta) continua firme na primeira colocação, com seus mega lançamentos, e Kairós (Principium) em 2º lugar.

A semana teve várias novidades: em ficção, Promessas na escuridão (Companhia Editora Nacional), Estranho irresistível I (Universo dos livros), O herói discreto (Alfaguara) e Os últimos quartetos de Beethoven e outros contos (Objetiva), de Luis Fernando Veríssimo; em não ficção, Inclassificável (Rubra Editora), CafePhilo (Le Nouvel Observateur) e A filosofia explica as grandes questões da humanidade (Casa da Palavra/LeYa); em autoajuda, Pensar bem nos faz bem, volumes 1 e 2 (Editora Vozes) e Corpo novo, vida nova (Casa da Palavra/Leya).

No ranking das editoras, Sextante e Intrínseca empataram com 12 livros cada uma, e a Record ficou com 10. O destaque dessa semana foram LeYa e Santillana, ambas com 6 livros, que ficaram na 5º posição. Na semana passada, a LeYa tinha 4 livros e ocupava o 7º lugar, e o grupo Santillana, tinha 2 e estava em 13º lugar. Grandes saltos no ranking!

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments