Autora e colunista da CAPRICHO fala sobre A Menina Que Colecionava Borboletas

bruna-vieira-entrevista-livro-novo48651

Bruno Dias, no site da Capricho

Bruna Vieira está com livro novo! A autora do blog Depoisdosquinze e colunista da CAPRICHO acabou de lançar seu terceiro trabalho como escritora, A Menina Que Colecionava Borboletas, novamente pela Editora Gutenberg.

A Menina Que Colecionava Borboletas traz crônicas e pensamentos de Bruna, que resolveu colocar todas as “borboletas que colecionou dentro do peito” para fora. Mas claro que sobraram algumas, né?

A CAPRICHO disponibilizou o primeiro capítulo do livro pra download (só clicar aqui e baixar) e ainda conversou com a Bruna Vieira.

CAPRICHO – De onde veio a inspiração para este novo livro?
Bruna Vieira – No livro falo sobre vários assuntos, mas no geral a inspiração vem das coisas que acontecem ao meu redor. Acho que esse foi o jeito que encontrei de absorver, entender e lidar com as situações mais delicadas, sabe? Vou lá e escrevo sobre. Conversar com a melhor amiga é legal, mas às vezes o que a gente precisa mesmo é se ouvir um pouco. O A Menina Que Colecionava Borboletas reúne esses meus diálogos diários e não mais secretos.

Qual das crônicas do A Menina Que Colecionava Borboletas você mais ama? Dá pra escolher uma?
Uma das minhas crônicas preferidas é a “Corpão”. Escrever sobre o amor é uma delícia, meu tema preferido, mas hoje sei que estar em um relacionamento não é tudo. Antes de querer ser feliz com alguém, precisamos estar feliz com nós mesmos. Nesse texto falo sobre padrões de beleza, exposição e insegurança. Temas que ganharam muita força depois das redes sociais e principalmente dos blogs.

Na internet todo mundo quer dar opinião o tempo todo, mas isso não justifica esse ódio e agressão gratuita que vejo no meu feed diariamente. Existe alguém do outro lado da tela e é uma pessoa de verdade com defeitos, qualidades, limitações, traumas e preferências. O filtro do Instagram é o mesmo, mas graças a Deus somos todos completamente diferentes.

É maldade ver uma foto de alguém na rede e achar que isso te dá o direito de deixá-la triste. Isso é coisa de quem tem a vida chata e vazia. Em resumo: do meu corpo e dos meus gostos pessoais cuido eu. Da sua louça suja na pia, você. Pelo menos deveria ser assim, né?

Na descrição do livro diz que você “libertou todas as borboletas que estavam dentro de você”. Não sobrou nenhuma mesmo?
Sempre sobra. Aliás, elas é que vão me guiar para os próximos livros e projetos. Usei essa metáfora pra escolher o título porque considero a borboleta um inseto muito bonito e raro. A gente não costuma ver borboletas voando por aí todo dia, né? Pois com os sentimentos realmente sinceros também é assim. Com o tempo e as experiências vividas inevitavelmente vamos criando essa resistência pro amor.

Você disse que a primeira tiragem já acabou e uma segunda está a caminho. O que as meninas estão te falando sobre esse novo livro? A resposta tem sido tão positiva quanto as vendas?
Esse é livro é muito especial pra mim porque ele diz bastante sobre a pessoa que me tornei depois de mudar para São Paulo sozinha. Às vezes é complicado saber se estamos fazendo a coisa certa com a nossa vida, se vale a pena continuar abrindo mão de um monte de coisa para realizar os nossos sonhos, e sem dúvidas, a aceitação do público me motiva e serve como bússola.

Apesar do lançamento oficial ser só no final de semana, algumas leitoras já compraram o livro e enviaram mensagens no Twitter dizendo que leram em menos de um dia e amaram. Isso me deixa tão feliz! É como se elas tivessem lido meu diário. No colégio só as minhas melhores amigas faziam isso.

Quais são seus próximos projetos?

Na Bienal de São Paulo, que acontece em agosto, publicarei a continuação do De Volta Aos Quinze. Antes do final do ano prometo surpreender os leitores com um outro projeto, mas esse eu ainda não posso contar. O blog continua com os posts diários e agora estou me aventurando no Youtube também. Não tem jeito, a internet é a minha casa!

Beijooooo!

Próximos Lançamentos

Rio de Janeiro – dia 16/02, às 16h – Travessa do Shopping Leblon – Av. Afrânio de Melo Franco, 290 – loja 205 A

Brasília – 22/02, às 14h (com bate papo) – Cultura do Shopping Casa Park – Sgcv, 22 – Guará, Brasília – DF

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments