Novo Kindle Oasis: o primeiro e-reader da Amazon com proteção à prova d'água

Novo Kindle Oasis: o primeiro e-reader da Amazon com proteção à prova d’água

Versão de luxo do e-reader da marca já está em pré-venda no Brasil, com preço de R$ 1.150, e começará a ser entregue nas próximas semanas aos primeiros compradores

Claudia Tozetto, no Estadão

A gigante do comércio eletrônico Amazon anunciou nesta quarta-feira, 11, a nova geração do seu leitor eletrônico de livros digitais Kindle Oasis. Considerado o modelo de luxo entre os e-readers da marca, o novo Kindle Oasis é o primeiro da linha a ganhar uma tela maior, de sete polegadas, além de proteção à prova d’água, o que permite ler na banheira ou piscina, sem se preocupar com eventuais “mergulhos” do aparelho. No mesmo dia do lançamento mundial, o produto já inicia pré-venda no Brasil e deve chegar às mãos dos primeiros compradores nas próximas semanas. Ele custa R$ 1.150, abaixo dos R$ 1,4 mil estabelecidos para a primeira geração do modelo lançada em 2016.

O novo Kindle Oasis também marca os dez anos do Kindle, e-reader que foi lançado pela Amazon em 19 de novembro de 2007, e impulsionou o mercado de leitura digital em todo o mundo. O dispositivo era considerado um sinal da morte iminente dos livros físicos. Contudo, a tal revolução não aconteceu. Após um pico de vendas desses dispositivos em 2011, quando 23,2 milhões de unidades de e-readers foram vendidas no mundo, os números desse segmento só caem — em 2016, segundo dados compilados pelo site Statista, apenas 7,1 milhões de leitores eletrônicos foram vendidos globalmente.

Com o Oasis, a Amazon quer conquistar os apaixonados pela leitura digital que, segundo Alexandre Munhoz, gerente-geral da Amazon para o Kindle no Brasil, são os melhores clientes. “O Kindle traz para a Amazon um consumidor que lê mais”, diz o executivo. “Quem investe no aparelho, tem um hábito de leitura maior, mas o grande volume de leitores vem por meio dos aplicativos.” Além do Kindle, a Amazon oferece um aplicativo de leitura para iOS e Android com várias das funcionalidades encontradas no aparelho.

A nova tela do aparelho, uma polegada maior do que a da primeira versão do Oasis — lançada no ano passado — faz o leitor ter contato com 30% mais palavras em uma única página por vez. Apesar do aumento na tela, o aparelho é o mais fino já fabricado pela marca, com 3,4 milímetros de espessura na parte mais fina e pesa apenas 194 gramas. O design é o mesmo da versão anterior, com uma lombada que facilita para o leitor segurar o produto com apenas uma mão, mas ganhou acabamento em alumínio na parte traseira. Ele mantém dois botões físicos na parte frontal, mas também tem tela sensível ao toque.

Em relação à proteção à prova d’água, o novo Kindle Oasis tem classificação IPX8, que suporta imersão de até doi metros em água por até uma hora. O aparelho tem memória de 8 GB para armazenar livros digitais, o dobro de memória da versão anterior do aparelho. Há duas opções de capas protetoras para o dispositivo: uma impermeável, vendida por R$ 170, e uma de couro, comercializada a R$ 200 (elas são vendidas separadamente).

O software do dispositivo também recebeu algumas melhorias, como novos tamanhos de fonte e ajustes da intensidade do negrito. Existe também a possibilidade de inversão das cores preto e branco na tela, caso o leitor tenha sensibilidade à luz. Isso permite que a tela do dispositivo fique preta, com as letras em branco. Agora é possível ler também com o texto alinhado à esquerda e não justificado, como em versões anteriores. A iluminação da tela passou a ser ajustada automaticamente, graças a sensores de luz.

Os novos recursos de software serão disponibilizados, via atualização automática, para outros modelos do Kindle que já estão no mercado. A atualização começa a ser liberada nesta quarta-feira, 11. São compatíveis os modelos a partir da sexta geração do Kindle Paperwhite, lançada em 2013. O lançamento do novo Kindle Oasis não modifica a linha de produtos vendida no País, que vai do Kindle mais básico (vendido a R$ 300) até o Kindle Voyage (vendido a R$ 900).

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments