Estudantes recebem moedas na sala de aula e têm direito de escolher obras na máquina para irem formando sua própria biblioteca.

Publicado no G1

A Escola Arthur O. Eve, em Buffalo, no estado americano de Nova York, instalou uma máquina de venda automática, como aquelas que normalmente oferecem doces e bebidas, mas cheia de livros, para incentivar a leitura entre seus alunos.

Máquina de livros foi instalada em escola de Buffalo, nos EUA — Foto: Reprodução/Twitter/Dee Romito

O vice-diretor Unseld Robinson contou à afiliada local da rede NBC que o primeiro passo após ter a ideia foi conseguir os US$ 3 mil necessários para comprar a máquina. A diretora do colégio apoiou a iniciativa e, um ano depois, a máquina está instalada na biblioteca da escola. Os livros são escolhidos para desafiar os alunos à medida que progridem pelos diferentes níveis de leitura.

Outro objetivo é ajudar os alunos a desenvolver suas próprias bibliotecas e incentivá-los a ler em casa com seus próprios pais. Os estudantes recebem moedas na aula e podem depositar na máquina para comprar um livro. Cada série terá a oportunidade de pegar livros na máquina uma vez por mês.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments