Imagem: pixabay

Selecionamos os livros mais vendidos e bem avaliados lançados nos últimos meses. Confira a lista e escolha o seu

Publicado no Infomoney

Todos os anos a promessa de “ler mais livros” compete com “praticar exercícios” pela posição de resolução de Ano Novo mais listada ao redor do mundo. Para te ajudar a cumprir pelo menos um dos objetivos da sua lista, selecionamos os melhores livros lançados recentemente, que conquistaram leitores ao redor de todo o mundo e figuram nas listas de mais vendidos e bem avaliados. Confira a seguir:

A Menina da Montanha – Tara Westover

Esse romance foi eleito o livro do ano de 2018 pela Amazon e também integrou a lista de melhores livros do ano de Barack Obama e Bill Gates. A Menina da Montanha é o relato autobiográfico de Tara Westover, uma americana criada nas montanhas de Idaho, onde a família vivia totalmente isolada da sociedade, sem ninguém para oferecer uma educação formal. Quando um dos irmãos da jovem conseguiu chegar à universidade e trouxe notícias da vida além das montanhas, Tara decidiu tentar um novo estilo de vida. Ela aprendeu, de forma autodidata, matemática, gramática e ciência, e conseguiu chegar à universidade, onde estudou psicologia, política, filosofia e história. Sua busca por conhecimento a transformou e a levou para Harvard e Cambridge.

21 lições para o século 21 – Yuval Noah Harari

O aclamado autor de Sapiens e Homo Deus, Yuval Noah Harari, lançou em 2018 “21 lições para o século 21”, que explora o presente e nos conduz por uma fascinante jornada pelos assuntos prementes da atualidade. Seu novo livro trata sobre o desafio de manter o foco coletivo e individual em face a mudanças frequentes e desconcertantes. Seríamos ainda capazes de entender o mundo que criamos?

A Economia das Crises – Nouriel Roubini

Trata-se do novo livro de Nouriel Roubini, conhecido como “Dr Apocalipse”, por ter previsto a última crise financeira muito antes de qualquer outro especialista. Ao contrário dos profissionais da área, Roubini não trata os desastres econômicos como eventos extravagantes, singulares e isolados, sem causa nítida. Décadas de pesquisas em todo o mundo lhe permitiram constatar que eles são previsíveis e passíveis de prognóstico. Roubini se une a Stephen Mihm e, ao compararem crises em diversos países e épocas, eles mostram que os cataclismos financeiros são tão antigos e onipresentes quanto o capitalismo.

Bad Blood: Fraude Bilionária no Vale do Silício – John Carreyrou

Bad Blood traz a história completa da ascensão meteórica e o chocante colapso da Theranos, uma startup multibilionária de biotecnologia. O livro foi escrito por John Carreyrou, premiado jornalista que divulgou a história em primeira mão e perseguiu-a até o fim, apesar da pressão de sua carismática CEO e das ameaças de seus advogados. Em 2014, a fundadora e CEO da Theranos, Elizabeth Holmes, foi amplamente vista como a versão feminina de Steve Jobs: uma brilhante ex-aluna de Stanford cujo “unicórnio” prometia revolucionar a indústria médica com uma máquina que tornaria os testes de sangue mais rápidos e fáceis. Em “Bad Blood”, John Carreyrou conta a história fascinante da maior fraude corporativa desde a Enron, um conto de ambição e arrogância em meio às promessas ousadas do Vale do Silício.

Breves respostas para grandes questões – Stephen Hawking

Um dos livros mais vendidos de 2018, “Breves respostas para grandes questões” traz textos inéditos do físico Stephen Hawking sobre as maiores perguntas da humanidade. Com o livro, somos conduzidos a suas reflexões sobre a origem do universo, a existência de Deus e a natureza do tempo, assuntos sempre submetidos a seu intelecto afiado de cientista. Aliado à curiosidade que o impulsionou por toda a vida, ele projeta seu olhar também para o futuro, buscando soluções para problemas que ameaçam hoje o mundo como o conhecemos, tais como o aquecimento global, a fome e a urgência de um desenvolvimento sustentável.

Minha História – Michele Obama

O livro é de autoria da ex-preimeira-dama dos Estados Unidos Michele Obama, que se se consolidou como uma das mulheres mais icônicas e cativantes de nosso tempo.Em suas memórias, um trabalho de profunda reflexão e com uma narrativa envolvente, Michelle convida os leitores a conhecer seu mundo, recontando as experiências que a moldaram — da infância na região de South Side, em Chicago, e os seus anos como executiva tentando equilibrar as demandas da maternidade e do trabalho, ao período em que passou no endereço mais famoso do mundo. Com honestidade e uma inteligência aguçada, ela descreve seus triunfos e suas decepções, tanto públicas quanto privadas, e conta toda a sua história, conforme a viveu.

Medo: Trump na Casa Branca – Bob Woodward

O autor do livro é Bob Woodward – um dos mais destacados repórteres políticos de todos os tempos. Com detalhes sobre a rotina de Trump, diálogos e documentação inédita, o livro abalou a política norte-americana. O autor se vale de centenas de horas de entrevistas com fontes primárias, atas de reunião, diários pessoais, arquivos e documentos para revelar a maneira atabalhoada como são tomadas as decisões na Casa Branca. De assuntos-chave da política internacional, como a Coreia do Norte, Afeganistão, Irã, Oriente Médio, China e Rússia, a pontos cruciais da política interna, como imigração e a violência racial em Charlottesville, MEDO retrata “o colapso nervoso do poder executivo do país mais poderoso do mundo”, afirma Woodward.

Como as democracias morrem – Steven Levitsky e Daniel Ziblatt

Ainda no cenário político, o livro faz uma análise crua e perturbadora do fim das democracias em todo o mundo. Afinal, democracias tradicionais entram em colapso? Essa é a questão que Steven Levitsky e Daniel Ziblatt – dois conceituados professores de Harvard – respondem ao discutir o modo como a eleição de Donald Trump se tornou possível. Para isso comparam o caso de Trump com exemplos históricos de rompimento da democracia nos últimos cem anos: da ascensão de Hitler e Mussolini nos anos 1930 à atual onda populista de extrema-direita na Europa, passando pelas ditaduras militares da América Latina dos anos 1970.

Do Mil ao Milhão. Sem Cortar o Cafezinho. – Thiago Nigro

O livro é leitura obrigatória para quem busca a independência financeira. Escrito por Thiago Nigro, criador do “O Primo Rico”, o livro ensina aos leitores os três pilares para atingir a independência financeira: gastar bem, investir melhor e ganhar mais. Por meio de dados e de sua própria experiência como investidor e assessor, Nigro mostra que a riqueza é possível para todos – basta estar disposto a aprender e se dedicar.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments