BKO WAVE SAÚDE

Posts tagged BBC

Casual Vacancy | Série baseado em livro da mesma autora de Harry Potter estreia no Brasil

0

Vitor Caires, no NerdSite

A série produzida pela HBO em parceria com a BBC, Casual Vacancy, baseado no livro “Morte Subita” será exibido no Brasil no próximo dia 25 de setembro, às 22h, ao canal MAX.

Escrita por J. K. Rowling, a mesma autora dos livros de Harry Potter, a série mostra os enfrentamentos e as divisões em uma pequena cidade inglesa depois que uma morte inesperada deixa vaga uma cadeira no governo municipal. Ao longo da trama, a produção aborda temas relevantes, como violência familiar, sexo na adolescência, dependências químicas e assédio escolar.

Quando Barry Fairbrother (Rory Kinnear) morre inesperadamente aos quarenta e poucos anos, os habitantes de Pagford ficam muito abalados. A bucólica comunidade inglesa, com suas ruas de paralelepípedos e sua abadia ancestral, não é o que parece. O que se esconde sob sua bela paisagem é uma comunidade em guerra: os ricos contra os pobres, os filhos contra os pais, as mulheres contra os maridos, e os professores contra os alunos. E o lugar que ficou vago com a morte de Barry rapidamente se torna o catalisador da maior batalha que Pagford já viu. Quem vencerá as eleições municipais alimentadas pelo fanatismo, pelas mentiras e pelas revelações surpreendentes?

Casual Vacancy conta com um elenco de estrelas encabeçado por Michael Gambon, Rory Kinnear, Emily Bevan, Julia McKenzie, Rufus Jones, Monica Dolan e Keeley Hawes. Por seu trabalho nesta minissérie, Michael Gambon recebeu indicações de Melhor Ator em Minissérie ou Filme para TV nos Critics Choice e nos Satellite Awards.

A minissérie tem produção executiva de J.K. Rowling, Neil Blair e Paul Trijbits, e produção de Ruth Kenley-Letts. A direção é de Jonny Campbell e os roteiros são assinados por Sarah Phelps.

Strike | Série baseada nos livros de J.K. Rowling é renovada

0

strike-760x428

Cesar Gaglioni, no Jovem Nerd

A BBC decidiu renovar Strike, série baseada nos livros de J.K. Rowling (sob o pseudônimo de Robert Gailbraith), para mais uma temporada, que estreia em 2018.

Strike chegou às telinhas britânicas em agosto, adaptando os dois primeiros livros: O Chamado do Cuco e O Bicho da Seda. A terceira temporada vai abordar os acontecimentos de Vocação Para o Mal, terceiro romance da série.

O programa acompanha as investigações de Cormoran Strike, um ex-veterano de guerra que agora atua como detetive particular. Tom Burke (Guerra e Paz) vive o protagonista e Holliday Grainger (Cinderela) interpreta a assistente Robin.

Harry Potter vai ganhar documentário da BBC

0

hp-1-760x428

Cesar Gaglioni, no Jovem Nerd

A BBC anunciou um documentário que vai celebrar os 20 anos de Harry Potter. Intitulado Harry Potter: A History of Magic, o filme vai explorar o processo criativo de J.K. Rowling na escrita da série de livros e também mostrar os bastidores da exposição de mesmo nome que será inaugurada na British Library, em Londres.

A exposição, que começa em 20 de outubro, dá a possibilidade do público ver pela primeira vez os manuscritos originais da série, desenhos assinados por Rowling, objetos que inspiraram elementos vistos na franquia e até mesmo um pergaminho do século 16 assinado por George Ripley e que mostra a suposta fórmula para se obter a Pedra Filosofal.

O documentário não tem data de exibição definida.

“Sherlock Holmes da vida real” dá dicas para dominar arte da dedução

0
Sherlock

Sherlock

 

Renan Guerra, no Observatório do Cinema

O último episódio da temporada de Sherlock foi exibido no domingo (15), agora os fãs terão uma espera longa pela frente. Porém, o cientista forense Colin Cloud, conhecido como o “Sherlock Holmes da vida real”, está dando lições sobre dedução e observação.

Colin fez fama com seus poderes de adivinhar o que você comeu no café da manhã ou mesmo o nome de seu primeiro cachorrinho. O cientista pesquisa a arte da dedução desde a infância e entrou em um programa universitário de investigação forense logo aos 15 anos de idade.

“Eu certamente não sou um paranormal…”, esclarece Colin ao jornal The Independent. “Nada do que eu faço é um truque – é tudo baseado no conhecimento e prestando muita atenção.”

“Você vê, mas você não observa”, é uma das falas favoritas de Sherlock. E é uma observação que Colin provavelmente faria sobre a maioria de nós. Mesmo assim, o cientista acredita que as habilidades do detetive criado por Sir Arthur Conan Doyle podem ser desenvolvidas por qualquer um que se dedique ao estudo com esmero.

“Você tem que se treinar para ver as coisas de forma diferente e descobrir o que você pode aprender sobre alguém”, diz ele. “Muitas vezes conversamos com as pessoas e não prestamos atenção a coisas como sua respiração, o quanto elas estão piscando, a maneira como elas estão sentadas ou de pé – e todas essas pequenas coisas que revelam muito sobre uma pessoa”.

“Eu fui inspirado por ele”, continua Colin sobre Sherlock. “Eu folheava as páginas dos livros e o via deduzindo coisas sobre as pessoas, fazendo coisas fascinantes com sua memória e ele sempre era capaz de demonstrar como fez essas descobertas. De qualquer forma, eu rapidamente descobri que não era tão fácil como ele fez parecer.”

“Eu acho que eles tentam fazer as deduções de forma mais lógica possível, e eles são ótimos nisso”, comenta ele sobre a série da BBC. “É claro, é ficção, então eles têm a liberdade de criar cenários que são, em última instância, perfeitos para o personagem conseguir o que quer que eles queiram”, finaliza.

De qualquer forma, Cloud diz que é tão fã da série quanto dos livros: “A escrita é simplesmente fenomenal”, elogia. “Eu acho que cada episódio é, simplesmente, uma obra-prima”.

Colin Cloud, o Sherlock Holmes da vida real

Colin Cloud, o Sherlock Holmes da vida real

Benedict Cumberbatch é parente de criador de Sherlock Holmes

0
Martin Freeman (esq.) e Benedict Cumberbatch em cena da série "Sherlock"

Martin Freeman (esq.) e Benedict Cumberbatch em cena da série “Sherlock”

 

Publicado na Folha de S.Paulo

Pesquisadores especializados em genealogia descobriram que o ator Benedict Cumberbatch, que vive Sherlock Holmes em série produzida pela inglesa BBC e exibida no Brasil pela TV Cultura, é um parente distante de sir Arthur Conan Doyle, escritor que criou o personagem do famoso detetive.

Cumberbatch seria primo de 16º grau de Conan Doyle (1859-1930), segundo o site Ancestry.com.

Segundo o porta-voz do site, Dallin Hatch, a pesquisa não foi encomendada, os pesquisadores investigaram porque gostam da série e de desafios que envolvam história.

O ancestral em comum dos dois seria um dos filhos do rei Eduardo 3º, que viveu no século 14.

Go to Top