Ansiedade 3 - Ciúme

Posts tagged Ceos

Veja os livros que alguns dos maiores CEOs do mundo estão lendo

0

A consultoria McKinsey perguntou a grandes CEOs para quais obras eles têm dado atenção ultimamente.

Publicado no G1

A consultoria McKinsey quis saber de alguns dos principais CEOs do mundo, como o brasileiro Fabio Schvartsman (Vale), com quais livros eles tem se mantido ocupados nos últimos tempos. A lista vai de clássicos de Honoré Balzac até biografias de grandes executivos. “Sapiens: Uma breve História da humanidade”, de Yuval Noah Harari, é citado em três listas.

Veja o quais livros os CEOs elencaram:

Alain Bejjani, da Majid Al Futtaim Holding

Serial Innovators: Firms That Change the World – Claudio Feser
Originais: Como Os Inconformistas Mudam o Mundo – Adam Grant
A Comédia Humana – Honoré de Balzac
O rochedo de Tanios – Amin Maalouf
Journaux: 1912-1940 – Stefan Zweig

General Nick Carter, do Exército Britânico

Churchill: The Power of Words – Martin Gilbert
Fighting Talk: Forty Maxims on War, Peace, and Strategy – Colin S. Gray
Sun Tzu: A Arte da Guerra para Gerentes – Gerald A. Michaelson e Steven W. Michaelson

Jamie Dimon, da JPMorgan Chase

Sapiens: Uma breve História da humanidade – Yuval Noah Harari

Tony Elumenu, da Heirs Holdings

Liderando Mudanças – John P. Kotter
Execução: A Disciplina para Atingir Resultados – Larry Bossidy e Ram Charan
Good to Great: Empresas feitas para vencer – Jim Collins

Herman Gref, do Sberbank

Grandes Decisões Sobre Pessoas – Claudio Fernandez Araoz
What Got You Here Won’t Get You There – Marshall Goldsmith
O Executivo e Sua Tribo – Dave Logan, John King e Halee Fischer-Wight
A Dieta da Mente: a surpreendente verdade sobre o glúten e os carboidratos : os assassinos silenciosos do seu cérebro – David Perlmutter
O Fim do Poder – Moisés Naím

Drew Houston, do Dropbox

Sam Walton: Made in America – Sam Walton
The Distracted Mind: Ancient Brains in a High-Tech World – Adam Gazzaley e Larry D. Rosen
Zen e a Arte da Manutenção das Motocicletas – Rober M. Pirsig

Gail Kelly, do Westpac

Lab Girl: A Jornada de Uma Cientista Entre Plantas e Paixões – Hope Jahren
Pachinko – Min Jin Lee
The Boys in the Boat: Nine Americans and Their Epic Quest for Gold at the 1936 Berlin Olympics – Daniel James Brown

Andrew Liveris, da Dow Chemical

A Terceira Medida do Sucesso – Nem Dinheiro Nem Poder: o Que Você Precisa Buscar Para Se Sentir Realizado – Arianna Huffington
O Simpatizante – Viet Thanh Nguyen
The Quantum Spy – David Ignatius

Francisdo Pérez Mackenna, da Quiñenco

O Projeto Desfazer – Michael Lewis
Why They Do It: Inside the Mind of the White-Collar Criminal – Eugene Soltes
O Fio da Vida – Kate Atkinson
A Vida No Limite: Como o Mundo Quântico Se Comporta Quando Ninguém Está Olhando – Jim Al-Khalili e Johnjoe McFadden
Boom Towns: Restoring the Urban American Dream – Stephen J. K. Walters

David McKay, do Royal Bank of Canada

Hillbilly Elegy: A Memoir of a Family and Culture in Crisis – J. D. Vance
Only Humans Need Apply: Winners and Losers in the Age of Smart Machines – Thomas H. Davenport e Julia Kirby
Sapiens: Uma breve História da humanidade – Yuval Noah Harari
Wild Ride: Inside Uber’s Quest for World Domination – Adam Lashinsky

Satya Nadella, da Microsoft

Satya Nadella, CEO da Microsoft, colocou uma obra sobre realidade virtual em sua lista. (Foto: Divulgação/Microsoft)

Satya Nadella, CEO da Microsoft, colocou uma obra sobre realidade virtual em sua lista. (Foto: Divulgação/Microsoft)

Leonardo da Vinci – Walter Isaacson
Dawn of the New Everything: Encounters with Reality and Virtual Reality – Jaron Lanier
Exit West – Mohsin Hamid
Evicted: Poverty and Profit in the American City – Matthew Desmond

Maria Ramos, da Barclays Africa

O Gene – Siddhartha Mukherjee
Superintelligence: Paths, Dangers, Strategies – Nick Bostrom
O Ministério da Felicidade Suprema – Arundhati Roy

Fabio Schvartsman, da Vale

Fabio Schvartsman, presidente da Vale, citou a autobiografia do criador da Nike em sua lista. (Foto: Divulgação/Klabin)

Fabio Schvartsman, presidente da Vale, citou a autobiografia do criador da Nike em sua lista. (Foto: Divulgação/Klabin)

Sapiens: Uma breve História da humanidade – Yuval Noah Harari
A Marca da Vitória: A Autobiografia do Criador da Nike – Phil Knight
Sigmund Freud na sua época e em nosso tempo – Elisabeth Roudinesco

Martin Sorrell, do WPP Group

Powerhouse: The Untold Story of Hollywood’s Creative Artists Agency – James Andrew Miller
Universal Man: The Seven Lives of John Maynard Keynes – Richard Davenport-Hines
Elon Musk: Como o Ceo Bilionário da Spacex e da Tesla Está Moldando Nosso Futuro – Ashlee Vance

Dominic Barton, da McKinsey

The Inevitable: Understanding the 12 Technological Forces That Will Shape Our Future – Kevin Kelly
Easternisation: War and Peace in the Asian Century – Giden Rachman
Homo Deus: Uma breve história do amanhã – Yuval Noah arari

30 livros indicados pelos CEOs das maiores empresas do mundo

0

size_810_16_9_executivo-lendo

Publicado na Exame

São Paulo – Já pensou se você pudesse perguntar aos presidentes das maiores do mundo quais livros de negócios ele leram e indicam?

Foi exatamente isso que Grant Hensel e Julia Wittrock, recém graduados na universidade Wheaton College fizeram. Eles escreveram cartas para todos os CEOs das companhias reunidas na lista Fortune 500 e tiveram reposta de 150 deles.

O resultado foi uma lista de 52 títulos, divulgada pelo site da revista Inc.

Os dois também elaboraram um compilado com resumos desses livros, disponível na internet para compra.

Abaixo, conheça as 30 obras mais recomendadas, elencadas de acordo com a quantidade de indicações. Entre elas, há teorias de gestão elaboradas por gurus e até biografias.

1. Empresas feitas para vencer, de Jim Collins. Editado pela HSM, preço em torno de 70 reais.

2. Execução, de Larry Bossidy e Ram Charam. Editado pela Campus, preço em torno de 52 reais.

3. Vencedoras por opção, de Jim Collins. Editado pela HSM, preço em torno de 50 reais.

4. The Outsiders, de William Thorndike. Editado pela Harvard Business Review Press, em inglês, preço em torno de 17 dólares.

5. Vantagem competitiva, de Michael Porter. Editado pela Campus, preço em torno de 102 reais.

6. Feitas para durar, de Jim Collins. Editado pela Rocco, preço em torno de 35 reais.

7. O gestor eficaz, de Peter Drucker. Editado pela LTC, preço em torno de 58 reais.

8. Lincoln, de Doris Kearns Goodwin. Editado pela Record, preço em torno de 12 reais.

9. A velocidade da confiança, de Stephen Covey e Rebecca Merrill. Editado pela Campus, preço em torno de 18 reais.

10. A maior de todas as vantagens, de Patrick Lencioni. Editado pela Campus, preço em torno de 60 reais.

11. A Bíblia. Editoras variadas, preço em torno de 16 reais.

12. Moneyball: o homem que mudou o jogo, de Michael Lewis. Editado pela Intrínseca, preço em torno de 12 reais.

13. Os Inovadores, de Walter Isaacson. Editado pela Companhia das Letras, preço em torno de 35 reais.

14. Steve Jobs, de Walter Isaacson. Editado pela Companhia das Letras, preço em torno de 35 reais.

15. In search of excellence, de Tom Peters e Robert Waterman. Editado pela Harper USA, em inglês, preço em torno de 97 reais.

16. Os 7 hábritos de pessoas altamente eficazes, de Stephen Covey. Editado pela Franklinn Covey, preço em torno de 57 reais.

17. Pipeline da liderança, de Ram Charam, Stephen Drotter e Jim Noel. Editado pela Campus, preço em torno de 31 reais.

18. Gestão management, de Peter Drucker. Editado pela Agir, preço em torno de 30 reais.

19. Liderar é uma arte, de Max DePree. Editado pela Best Seller, preço em torno de 5 reais, em sebos.

20. Quem disse que os elefantes não dançam?, de Louis Gerstner. Editado pela Campus, preço em torno de 64 reais, em sebos.

21. A pirâmide do sucesso, de John Wooden. Editado pela Évora, preço em torno de 49 reais.

22. Nosso iceberg está derretendo, de Jonh Kotter e Holger Rathgeber. Editado pela Best Seller, preço em torno de 30 reais.

23. Liderando mudanças, de John Kotter. Editado pela Campus, preço em torno de 83 reais.

24. As 5 tentações de um CEO, de Patrick Lencioni. Editado pela Best Seller, preço em torno de 26 reais.

25. Autenticidade, de Bill George. Editado pela Saraiva, preço em torno de 39 reais.

26. American Icon, de Bryce Hoffman. Editado pela Crown Business, em inglês, preço em torno de 66 reais.

27. Liderança segundo Abraham Lincoln, de Donald Philips. Editado pela Landscape, preço indisponível.

28. A estratégia do oceano Azul, de W. Chan Kim e Renee Mauborgne. Editado pela Campus, preço em torno de 33 reais.

29. Strengths Finder, de Tom Rath. Editado pela Gallup, em inglês, preço em torno de 100 reais.

30. Titan, the life of John D. Rockefeller, Sr, de Ron Chernow. Editado pela Vintage Books, em inglês, preço em torno de 114 reais.

FGV é a melhor universidade brasileira na formação de CEOs, segundo ranking internacional

0

Instituição ficou com a 35ª posição em listagem de revista britânica
A UFRJ também aparece no levantamento com a 62ª posição

FGV formou profissionais que atuam entre as principais empresas do mundo Ana Branco / AGÊNCIA O GLOBO

FGV formou profissionais que atuam entre as principais empresas do mundo Ana Branco / AGÊNCIA O GLOBO

Publicado em O Globo

RIO – A Fundação Getúlio Vargas (FGV) é a melhor instituição brasileira na formação de CEOs, segundo ranking internacional divulgado pela revista britância Times Higher Education (THE). A outra representante do país a aparecer na lista é a UFRJ, que ficou com a 62ª posição. Intitulado “Índice Alma Mater: Executivos Globais”, o levantamento foi publicado na noite desta quarta-feira e traz a Universidade de Harvard na primeira posição (veja a lista completa aqui).

Para produzir o ranking, a THE partiu de uma listagem com as 500 maiores empresas de 2013, produzida pela revista Fortune Global. Na sequência, por meio da análise do currículo dos CEOs destas corporações, a publicação pode catalogar as 100 instituições de ensino mais recorrentes na formação destes profissionais.

A FGV concedeu diplomas a três CEOs que atuam em empresas que estão na lista da Fortune Global. Juntas, essas corporações reúnem uma renda de US$ 222,9 bilhões. Já a UFRJ contribuiu com a formação de dois profissionais com atuação nestas companhias que juntas reúnem US$ 183.9 bilhões.

Veja as 10 primeiras posições:
1 – Universidade Harvard (EUA)
2 – Universidade de Tóquio (Japão)
3 – Universidade Stanford (EUA)
4 – Escola Politécnica (França)
5 – HEC Paris (França)
6 – École Nationale d’Administration (França)
7 – Universidade da Pensilvânia (EUA)
8 – Instituto de Tecnologia de Massachusetts (EUA)
9 – Universidade Keio (Japão)
10 -Universidade Nacional de Seul (Coreia do Sul)

Livro aponta as 10 profissões com maior incidência de psicopatas

1

CEOs lideram a lista

Publicado no Administradores

Será que existe algum psicopata trabalhando neste momento ao seu lado? Um livro lançado nos Estado Unidos tenta jogar luz sobre esse tema e aponta, entre outras coisas, as profissões com maiores índices de psicopatia.
O psicólogo Kevin Dutton, autor do livro “The wisdom of psychopaths: lessons in life from saints, spies and serial killers” (A sabedoria dos psicopatas: lições em vida de santos, espiões e serial killers) afirma que a carreira com mais psicopatas é a de CEO. Advogados e comunicadores sociais completam o pódio. Mas a lista de dez mais tem ainda cirurgiões, policiais até os sacerdotes religiosos.

O livro aponta também a lista das profissões com menos psicopatas. Entre elas estão os agentes de saúde, enfermeiros, terapeutas e artistas em geral.

Foto: divulgação

(mais…)

Go to Top