Marcelo Nova - o Galope do Tempo

Posts tagged Ediouro

Livros sobre ‘Animais Fantásticos e Onde Habitam’ serão lançados em português

0
'Animais Fantásticos e Onde Habitam' estreia em novembro de 2016 Divulgação

‘Animais Fantásticos e Onde Habitam’ estreia em novembro de 2016
Divulgação

 

Publicado no Meom

A editora britânica HarperCollins anunciou que vai publicar em diversos idiomas, inclusive o português no Brasil, livros sobre Animais Fantásticos e Onde Habitam, o filme com roteiro de J. K. Rowling, que estreia em novembro de 2016. Os novos títulos da HarperCollins serão focados no filme e suas sequências, assim como nos bastidores do longa, e incluirão detalhes sobre o processo de produção dos filmes, da arte e design, além de entrevistas com elenco e equipe, e formatos interativos como livros de colorir e postais.

O roteiro cinematográfico de Fantastic Beasts and Where to Find Them (título original) foi escrito por J.K. Rowling, transportando o público para o mundo mágico da Nova York dos anos 1920. O ganhador do Oscar Eddie Redmayne estrela como Newt Scamander, um “magizoologista”.

Os títulos tie-in (relacionados ao universo de Harry Potter e autorizados) da HarperCollins começarão a ser publicados no segundo semestre de 2016, e ainda não há informações sobre quantos livros serão lançados.

Fantastic Beasts and Where to Find Them começa em 1926, quando Newt Scamander acabou de completar uma excursão mundial para encontrar e documentar uma ampla gama de criaturas mágicas. Ao chegar em Nova York para uma rápida escala, ele poderia ter chegado e partido sem incidentes… Se não fosse por um não-maj (termo usado nos EUA para os “trouxas”, ou seja, as pessoas que não têm poderes mágicos) chamado Jacob, um caso não identificado de magia e a fuga de alguns animais fantásticos de Newt, que podem causar problemas tanto para o mundo mágico quanto para os não-majs.

O filme também conta com a participação de Katherine Waterston, Dan Fogler, Ezra Miller, Colin Farrell e muitos outros. Escrito por J.K. Rowling em sua estreia como roteirista, o longa também reúne grande parte da equipe da franquia Harry Potter, incluindo os produtores David Heyman, Steve Kloves, Lionel Wigram e a própria J.K. Rowling.

No Brasil, a HarperCollins Brasil é fruto da joint venture entre a HarperCollins Publishers e o Grupo Ediouro.

Ediouro sobe seis posições no ranking das editoras

0

Livro campeão do mês completa onze semanas na liderança e Ediouro empata em terceiro com a Record

Cassia Carrenho, no PublishNews

O livro A culpa é das estrelas (Intrínseca) acaba de completar onze semanas na liderança da lista geral dos mais vendidos e fechou o mês de março com 51.817 exemplares vendidos. Os três títulos que aparecem nas posições seguintes na lista geral da semana, repetem a dose na lista de março: Destrua esse diário (Intrínseca), com 32.180; Ansiedade: como enfrentar o mal do século(Saraiva), 19.860 e A menina que roubava livros (Intrínseca), 17.685. Por enquanto, a concorrência está longe de alcançar as estrelas. Já a Ediouro subiu vários degraus em direção ao céu da lista. Saiu da nona posição da semana passada para um terceiro lugar no ranking semanal das editoras, empatando com a Record, com dez títulos cada. Com isso, a Ediouro também subiu no ranking mensal: saiu do 13º lugar fevereiro, para o quarto lugar em março. Mais uma editora carioca que se junta ao trio Intrínseca, com 22; Sextante, com 20, e Record, com 15 no ranking mensal. Tá dominado, tá tudo dominado…

Lista politicamente incorreta

0

Lançamento da LeYa assume 1º lugar em não ficção

Cassia Carrenho, no PublishNews

Ficar em 1º lugar é sempre bom, mas alcançar esse lugar na semana de estreia é melhor ainda. Quase “politicamente incorreto” com os outros. O livro Guia politicamente incorreto da história do mundo (LeYa) alcançou o topo da lista de não ficção, com 2.019 exemplares vendidos, e entrou na lista geral, em 10º lugar. O livro é mais uma obra do autor Leonardo Narloch, que também tem outro livro na lista, Guia politicamente incorreto da história do Brasil.

A briga entre Inferno (Arqueiro) e o Kairós (Principium) continua apertada, mas Dan Brown continua levando vantagem, vendendo 9.366 exemplares na última semana.

Já no ranking das editoras, a Sextante voltou a assumir sua primeira posição de forma enfática, com 17 livros, 5 a mais que a 2ª colocada, Intrínseca, com 12. Record e Vergara&Riba dividiram o 3º lugar, cada uma com 8. Mas briga boa mesmo foi a pelo 6º lugar, com 6 editoras empatadas com 4 livros: Companhia das Letras, Ediouro, Globo, LeYa, Novo Conceito e Santillana.

Sextante leva a tríplice coroa

0

Destaque em maio para ‘Kairós’, ‘Inferno’ e ‘O silêncio das montanhas’

Cassia Carrenho, no PublishNews

1aA editora carioca faturou o livro mais vendido da semana, o 1º lugar no ranking semanal das editoras e 1º lugar  no ranking mensal das editoras de maio. De boas vendas o inferno tá cheio!

Numa semana de poucas mudanças, o grande destaque foi o livro O silêncio das montanhas (Globo), de Khaled Hosseini, autor do bestseller O caçador de pipas, que assumiu a vice liderança com uma diferença de apenas 56 livros e desbancou Kairós (Principium). A Globo agradece, já que os dois títulos são do seu grupo editorial.

Já o lugar mais quente da lista continua com Inferno (Arqueiro), que vendeu 23.729 exemplares na semana.

No ranking das editoras, Sextante e Intrínseca continuam numa disputa que começou no mês passado. Nessa semana a Sextante ficou em 1º lugar, com 15 livros, e a Intrínseca, com 14. Vergara&Riba, com sua turma de bananas, ficou em 3º lugar e, empatados com 7 livros cada um, Ediouro, Globo e Record dividem o 4º lugar.

No mês de maio, Kairós (Principium) foi o grande campeão de vendas, com um total de 77.550 exemplares vendidos. Mais uma razão para a editora Globo “erguer as mãos e dar glória a Deus”.

O vice campeão veio mesmo de baixo, mas com um objetivo claro de dominar a lista mensal em breve. Inferno (Sextante) vendeu 44.827 no mês de maio. Vale lembrar que Kairós foi lançado no começo do de maio e Inferno só na segunda quinzena do mês.

No ranking mensal das editoras a Sextante também levou o 1º lugar, com 24 livros. A surpresa veio com a Companhia das Letras, que fez uma ação de desconto, e ficou em 2º lugar, com 20 livros. Em 3º lugar aparece a Intrínseca, com 17, e, empatados 4º lugar, Ediouro, Record e Vergara, com 11 títulos cada.

Companhia das Letras assume 1º lugar

0

Sextante mantém o primeiro lugar no ranking mensal

Cassia Carrenho, no PublishNews

1Era uma novidade já esperada. A editora colocou 300 títulos com 50% de desconto nas principais livrarias, entre os dias 23 e 25 de abril. Para alegria dos intelectuais de plantão, a lista aparece recheada de nomes como José Saramago, Friedrich Nietzsche, Hannah Arendt entre outros. Com essa ação a Companhia das Letras assumiu o 1º lugar no ranking das editoras, com 19 livros, que somados venderam 14.405 exemplares. Na semana anterior a editora emplacou 5 livros, com uma venda total de 5.902 exemplares. É, talvez isso mostre (se ainda não ficou claro) que preço e qualidade podem (e devem) andar juntos.

Mas, para acabar com a alegria dos fiéis seguidores da chamada alta literatura, o padre mais vendido do Brasil voltou, e em 1º lugar. Kairós (Principium), do Padre Marcelo Rossi estreou na lista da semana vendendo 8.230 exemplares. Do mesmo grupo editorial, Globo, e com um título menos angelical, o livro do ex-jogador Casagrande e seus demônios manteve o 1º lugar em não ficção, fazendo uma dobradinha em autoajuda e não ficção. Ou seja, entre padres e demônios, o que vale é vender.

Na lista mensal de abril, após vários meses cinzentos, O lado bom da vida (Intrínseca) levou a melhor, vendendo 16.227 exemplares, seguido de Cinquenta tons de cinza, também da Intrínseca, com 15.504 e Casamento blindado (Thomas Nelson) 14.087.

No ranking mensal das editoras, a Sextante manteve o 1º lugar, com 22 livros. A briga boa ficou entre Record, 15, Ediouro, 14 e Saraiva, 13. Vale lembrar que a Saraiva também fez ação promocional no mês de abril, o que refletiu nesse ótimo desempenho.

Go to Top