Sua Segunda Vida Começa Quando Você Descobre Que Só Tem Uma

Posts tagged Hbo

O Senhor dos Anéis: Amazon comprou os direitos e oficializou a série

0

Senhor-dos-Anéis-destaque

Já existe vencedor da disputa pelos direitos televisivos dos livros de “O Senhor dos Anéis”. Entre a Netflix, a Amazon e a HBO, a vencedora foi a Amazon.

Catarina Fernandes, no Magazine HD

No início do mês de novembro surgiu o rumor de que a Warner Bros. planeava expandir o sucesso da saga literária de J.R.R. Tolkien dos cinemas para a televisão. A Netflix e a Amazon Studios eram as principais concorrentes na compra dos direitos televisivos de “O Senhor dos Anéis”, com a segunda plataforma de streaming apontada como a favorita. Agora, o rumor tornou-se realidade.

Segundo o Deadline, a Amazon apresentou uma melhor proposta que os representante da HBO e da Netflix. O serviço pagou 200 milhões de dólares norte-americanos para transformar a obra numa série. Este valor não inclui quaisquer custos de produção, apenas os direitos.

A Amazon já aprovou a série para pelo menos duas temporadas. O site adiantou ainda que a produção televisiva não se trata de uma nova adaptação, mas de uma história que preencha as lacunas da história original, provavelmente do tempo passado entre “O Hobbit” e “O Senhor dos Anéis”. O acordo prevê também a possibilidade da criação de um spin-off

No cinema, a trilogia de “O Senhor dos Anéis” foi realizada por Peter Jackson e lançada entre 2001 e 2003.

A série ainda não tem previsão de estreia.

HBO trabalha em 4 possíveis spin-offs para “Game of Thrones”

0
GoT: não se sabe se as histórias ocorrerão antes ou depois dos fatos ocorridos em "Game of Thrones" (HBO/Divulgação)

GoT: não se sabe se as histórias ocorrerão antes ou depois dos fatos ocorridos em “Game of Thrones” (HBO/Divulgação)

Quatro roteiristas e o autor da série de livros de “Game of Thrones”, George R.R. Martin, estão envolvidos nesses potenciais spin-offs do universo

Publicado na Exame

Los Angeles – A “HBO” trabalha em quatro possíveis séries que dariam continuidade a “Game of Thrones“, um das produções de maior sucesso da história da emissora e que tem apenas mais duas temporadas, informou nesta quinta-feira o site especializado “The Hollywood Reporter”.

Quatro roteiristas e o autor da série de livros de “Game of Thrones”, George R.R. Martin, estão envolvidos nesses potenciais spin-offs do universo protagonizado por Kit Harington (John Snow), Emilia Clarke (Daenerys Targaryen), Peter Dinklage (Tyrion Lannister) e Lena Headey (Cersei Lannister).

Martin colaborará com Jane Goldman e Carly Wray em dois desses projetos. Max Borenstein e Brian Helgeland darão forma às outras duas ideias do autor da série fantástica.

Por enquanto, não se sabe se as histórias ocorrerão antes ou depois dos fatos ocorridos em “Game of Thrones”, ou se serão narrações derivadas da trama.

Os responsáveis por “Game of Thrones”, Dan Weiss e David Benioff, não estão envolvidos nos roteiros desses projetos, mas também entrariam como produtores executivos ao lado de Martin caso algum deles ganhe vida.

Considerada como a grande produção televisiva da atualidade, “Game of Thrones” estreia sua sétima e penúltima temporada no próximo dia 16 de julho. Entre outros recordes, a série é a mais premiada da história do Prêmio Emmy, com 38 estatuetas.

Com apenas sete episódios, a sétima temporada de “Game of Thrones”, a mais curta até agora, foi gravada em países como Irlanda do Norte, Islândia e Espanha.

Como o inverno chegou à história da série, a equipe de produção precisou de diferentes condições climáticas para gravar a sequência do programa, o que acabou atrasando a estreia.

“The Winds of Winter”, episódio que finalizou a sexta temporada, foi assistido ao vivo por 8,9 milhões de espectadores nos Estados Unidos.

Série baseada nos livros de Elena Ferrante é comprada pela HBO

0
Capa de 'A amiga genial', de Elena Ferrante - Reprodução

Capa de ‘A amiga genial’, de Elena Ferrante – Reprodução

 

Produção italiana será dirigida por Saverio Costanzo

Publicado em O Globo

RIO – A adaptação da tetralogia napolitana de Elena Ferrante para a TV já tem um lar. A HBO anunciou nesta quinta-feira que adquiriu os direitos de exibição da série, capitaneada pelas produtoras italianas Wildside (também responsável por “The young pope”) e Fandango. O primeiro livro, “A amiga genial”, será transformado em uma minissérie de oito episódios dirigidos por Saverio Costanzo.

As filmagens começam no meio do ano na Itália — a série será toda falada em italiano, aliás. As atrizes que interpretarão as amigas Lenu e Lila ainda não foram escaladas. No momento, Costanzo trabalha no roteiro ao lado da própria Elena Ferrante, além dos roteiristas italianos Francesco Piccolo (“Habemus papam”) e Laura Paolucci (“Gomorrah”).

“A série vai explorar a complicada intensidade da amizade entre mulheres”, disse Casey Bloys, presidente de programação do canal americano, que divulgou a sinopse da primeira temporada:

“Quando sua amiga mais importante desaparece sem deixar rastros, Elena Greco, agora uma mulher idosa, imersa em uma casa cheia de livros, liga o computador e começa a escrever a história da amizade das duas. Ela conheceu Raffaella Cerullo, a quem ela sempre chamou de Lila, no primeiro dia de aula em 1950. Passada na perigosa e fascinante Nápoles, a história das duas cobre mais de 60 anos da vida delas, tentando descrever o mistério de Lila, a amiga genial de Elena e, de certa forma, sua pior inimiga”.

Ao todo, a série deve ter 32 episódios de 50 minutos cada, que cobrirão os quatro livros. Recentemente, um jornalista italiano causou polêmica ao investigar transações bancárias na tentativa de descortinar o verdadeiro nome por trás do fenômeno, chegando até a tradutora Anita Raja. A informação nunca foi confirmada.

“As personagens são tão bem contadas, com tantos detalhes, que todos nos identificamos com elas e com o desejo de elas se emanciparem. Elena Ferrante deu um jeito de contar em primeira pessoa coisas que são muito íntimas, arriscadas, coisas que todos nós sentimos, mas que precisam de muita coragem para se admitir”, disse Costanzo.

Segundo o diretor, a série será feita “como um grande filme”. “Para mim a diferença entre a TV e o cinema é muito sutil. As grandes séries atuais são cinematográficas”.

O quarto e último volume da saga de Elena, “A história da menina perdida”, será lançado no Brasil ainda no primeiro semestre deste ano pela editora Biblioteca Azul.

Em 2017 vamos poder beber o vinho oficial de “A Guerra dos Tronos”

0

gerra-754x394

A HBO juntou-se a uma empresa vinícola dos Estados Unidos para lançar uma uma linha de vinhos inspirado na série.

Adriano Guerreiro, no NIT

“A Guerra dos Tronos” vai ter uma linha oficial de vinhos. Esta é com certeza a melhor notícia para Tyrion Lannister, uma das personagens que não passa sem um copo de vinho. “Tudo fica melhor com vinho no estômago”, “é isto que eu faço: bebo e sei coisas”, “eu sou o Deus das mamas e do vinho”, foram algumas das frases ditas por Tyrion e que a “Entertainment Weekly” compilou.

giphy-2-1

A HBO juntou-se à Santa Rosa Winery, da Vintage Wine Estates, para lançar uma linha oficial de vinhos da série. Ao todo vão ser três as garrafas com rótulos especiais. São eles um tinto, um Cabernet Sauvignon e ainda um Chardonnay. Os vinhos vão ser postos à venda na primavera de 2017 e segundo o site “Food and Wine” vão custar entre 18,80€ e 47€.

Esta não é a primeira vez que a série inspirada nos livros de George R. R. Martin dá origem a produtos. A Brewery Ommegang já tinha criado um conjunto de cervejas com os nomes dos vários reinos e em 2012 foi lançado um livro de receitas oficial de “A Guerra dos Tronos”. Já em 2014 foram colocados à venda vinhos não oficiais da série pela The Wines of Westeros na altura da quinta temporada.

Game of Thrones: Maisie Williams revelou o motivo de não ter lido os livros

0

A atriz que vive Arya Stark, aparentemente, nunca leu a obra que originou o seriado. Entenda o porquê

Stef M. Nunes, no Blasting News

Maisie Williams nunca leu 'As Crônicas de Gelo e Fogo'

Maisie Williams nunca leu ‘As Crônicas de Gelo e Fogo’

Uma das personagens mais queridas pelo público e pela legião de fãs da série ‘#Game of Thrones’ – e que continua viva, é claro – é Arya Stark. Sem dúvida, a intérprete Maisie Williams, e sua exímia atuação, imprimiram a personalidade forte, força e coragem que a personagem demanda. Mas você sabia que a atriz nunca leu os livros de George R.R. Martin – “#As Crônicas de Gelo e Fogo” – que deram origem ao seriado de televisão?

Não foi por falta de interesse da jovem, acontece que, quando foi selecionada para o papel, em 2010, ela tinha apenas 12 anos, e quando a primeira temporada foi exibida pela primeira vez, em 2011, ela tinha 13 anos, e sua mãe não permitiu que ela lesse.

Game of Thrones é famoso, principalmente, por seu conteúdo adulto, e cenas explícitas, ou seja, impróprio para a grande parte do elenco que foi escalado quandro criança e cresceu diante das câmeras, como por exemplo, os atores que viveram os irmãos de Arya Stark, Sophie Turner (Sansa Stark), Isaac Hempstead-Wright (Bran Stark) e Art Parkinson (Rickon Stark).

Em recente entrevista cedida ao Telegraph, Maisie Williams revelou que, embora quisesse ler a saga para melhor entender sua personagem, sua mãe a proibiu: “Minha mãe julgava imprópria a temática das crônicas. Eu era uma atriz inexperiente, e não insisti porque nunca fui apaixonada pelo hábito da leitura. Eu apenas fui Arya quando eu era mais jovem, e parece que esse caminho deu certo”, contou.

Contudo, a jovem afirmou que, hoje, gostaria de ter assimilado a Arya dos livros nestes anos de atuação.

“Eu incorporei o que eu sou para vivê-la, e estou muito contente com o que estranhamente criei para Arya agora. Seria realmente ótimo se eu pudesse voltar no tempo e recriar minha interpretação baseada nos livros, e ver como ela deveria de fato ser”, expôs Maisie.

A atriz ainda foi comentou, bem-humorada: “Eu fico imaginando como seria hilário se alguém me visse pelo metrô Londrino, lendo o primeiro livro ‘As Crônicas de Gelo e Fogo: O Jogo dos Tronos'”.

Maise Williams já pode ficar tranquila, a personagem que ela criou foi extremamente bem recebida.

Go to Top