State Ibirapuera

Posts tagged netflix

Netflix anuncia novas adaptações animadas de Willy Wonka, Matilda, The BFG e outros livros de Roald Dahl

0

Netflix anuncia novas adaptações animadas dos livros de Roald Dahl

 

As adaptações de Dahl serão “séries de eventos e especiais”, em vez de shows em andamento, com produção prevista para começar em 2019.

Fernanda Beling, na Oficina da Net

Os populares livros infantis de Roald Dahl estão prestes a ganhar uma nova vida na Netflix, com o serviço de streaming anunciando uma “nova série de eventos animados originais” baseada nos romances icônicos do autor, incluindo Charlie e a Fábrica de Chocolate, Matilda, The BFG, The Twits e mais.

Muitos dos livros de Dahl foram adaptados para live-action antes, desde o icônico Willy Wonka 1971 e a Fábrica de Chocolate, junto com o remake decididamente menos icônico de 2005, o filme Matilda de 1996 e a versão mais recente e grande orçamento da Disney. O BFG, para citar apenas alguns. Mas o acordo da Netflix criará versões animadas dessas propriedades pela primeira vez.

Uma nova perspectiva de negócios da plataforma, versões animadas das histórias de Dahl parecem um passo natural para a Netflix competir com as ofertas de animação de concorrentes como a Disney, com suas alas Pixar e Disney Animation Studio e a Universal’s Illumination, que já adotou uma abordagem semelhante minerando os trabalhos do Dr. Seuss de novas maneiras, incluindo o recém-lançado The Grinch.

A lista completa dos títulos de Dahl incluídos no acordo Netflix são: Charlie e a Fábrica de Chocolate, Matilda, The BFG, Os Filhinhos, Charlie e o Grande Elevador de Vidro, a Maravilhosa Medicina de George, Garoto: Contos da Infância, Indo Solo, O Enorme Crocodilo , A girafa e o Pelly e eu, a história maravilhosa de Henry Sugar e Six More, Billy e os Minpins, o dedo mágico, Esio Trot, Sujo Beasts e Rhyme Stew. Segundo o anúncio da Netflix, as adaptações de Dahl serão “séries de eventos e especiais”, em vez de shows em andamento, com produção prevista para começar em 2019.

Esse formato faz sentido para o trabalho de Dahl, especialmente alguns dos livros mais curtos, é difícil imaginar esticando o livro ilustrado de 32 páginas que é o Enorme Crocodilo em um épico de várias temporadas. E o formato da série também poderia dar alguns dos trabalhos mais longos de Dahl, como Matilda ou os livros de Charlie, mais espaço para expandir suas histórias.

Notavelmente ausente do acordo é The Witches, que assistiu a uma adaptação cinematográfica em 1990, e tem um remake atualmente em obras. Robert Zemeckis é indicado para dirigir, embora poucos detalhes tenham sido anunciados. Os fantásticos Fox e James e o Pêssego Gigante também já foram adaptados para filmes, e ainda podem ser terceirizados de maneiras que colocam questões de direitos, embora isso seja em grande parte especulação.

Fonte: The Verge

Drácula | Série com criadores de Sherlock é confirmada

0

Produção será da BBC e terá distribuição pela Netflix

Julia Sabbaga, no Omelete

Drácula, o livro de Bram Stoker, ganhará uma adaptação para TV pela BBC, comandada pelos criadores de Sherlock, Steven Moffat e Mark Gatiss. A informação é da Variety, que informa também que a produção será distribuida pela Netflix para territórios além do Reino Unido.

A BBC encomendou três episódios de 90 minutos. A produção contará a história do conde sedento por sangue da Transilvânia, e sua ida à Londres.

Moffat e Gatiss, que escreverão o programa, comentaram: “Sempre existiram histórias sobre o mal. O que é especial em Drácula é que Bram Stoker deu ao mal o seu próprio herói. Não há nada como sangue fresco”.

Dracula será o primeiro projeto da dupla após a conclusão de Sherlock em janeiro. O seriado estrelado por Benedict Cumberbatch e Martin Freeman teve quatro temporadas e um especial de ano novo, todos disponíveis da Netflix. Um retorno ainda não foi oficializado.

“A Casa da Praia”: livro derivado de “A Barraca do Beijo” chega 1º ao Brasil

0

Renata Nogueira, no UOL

O Brasil será o primeiro país a publicar em versão física o livro “A Casa da Praia”, derivado de “A Barraca do Beijo”. A novidade foi contada pela própria autora, a britânica Beth Reekles, em seu Instagram.

A Astral Cultural, mesma editora que publicou “A Barraca do Beijo”, comprou os direitos da obra depois do grande sucesso do primeiro livro de Beth com o público brasileiro. Foram 40 mil cópias vendidas até agora. É o segundo livro mais vendido no ranking mensal da Publishnews. A autora esteve na Bienal do Livro de São Paulo, em agosto, e falou ao UOL sobre o sucesso da obra.

Assim como fez com seu primeiro best-seller, Beth Reekles publicou a história na plataforma Wattpad. “A Casa da Praia” se passa em um verão depois de toda a história contada em “A Barraca do Beijo”. Elle, Lee e Noah curtem as férias juntos na praia antes de um deles partir para o seu primeiro ano de faculdade.

A autora Beth Reekles na Bienal do Livro de SP Imagem: Iwi Onodera/UOL

Junto com a editora do Brasil, a primeira do mundo a apostar no livro, a autora Beth Reekles adaptou a história para a publicação em português. Dessa forma a obra não será apenas uma tradução da original publicada no Wattpad, e sim uma nova versão. Beth ainda destaca que “A Casa da Praia” não é uma continuação de “A Barraca do Beijo”, mas sim um derivado que segue explorando os três personagens.

Em “A Barraca do Beijo”, a trama gira em torno de Elle, uma adolescente que tem uma amizade com Lee desde a infância e acaba se apaixonando pelo irmão mais velho dele, Noah  Flynn. Em “A Casa da Praia” ela terá que se esforçar para manter a amizade com Lee inabalável e, ao mesmo tempo, aproveitar os possíveis últimos momentos ao lado do namorado Noah, além de conviver com a família deles.

Primeiro livro da carreira de Beth Reekles, “A Barraca do Beijo” chamou a atenção da Netflix, que comprou os direitos da obra depois que ela estourou na plataforma independente Wattpad, onde já soma mais de 19 milhões de acessos e 40 mil comentários. Depois de virar filme na plataforma de streaming, a obra ganhou atenção especial do público brasileiro, o que trouxe a autora Beth  Reekles para o Brasil, onde ela agora lança seu segundo livro.

“Stranger Things” ganha livro sobre bastidores da série

0

Cena da série: lançamento do livro está previsto para 30 de outubro (Netflix/Divulgação)

 

A Netflix se uniu à editora de livros Penguin Random House para produzir o livro

Publicado na Exame [via Estadão]

A Netflix se uniu à editora de livros Penguin Random House para produzir o livro Stranger Things: Worlds Turned Upside Down (Stranger Things: mundos virados de ponta cabeça, em português).

Com lançamento previsto para 30 de outubro, o livro trará detalhes exclusivos dos bastidores da série, rascunhos de roteiro, entrevistas com membros do elenco e até uma prévia do que deve acontecer na terceira temporada da série, marcada para meados de 2019.

Autor de Caixa de Pássaros e Piano Vermelho lança mais um livro no Brasil

0

Victor Tadeu, no Desencaixados

Josh Malerman, cantor, escritor e compositor teve o seu primeiro livro publicado no Brasil em 2015, pela Editora Intrínseca. Com o título Caixa de Pássaros o livro foi um dos mais lidos em seu ano de lançamento, porém dividiu opiniões por ser um thriller psicológico e muito conturbador, porém o mesmo ganhou uma adaptação cinematográfica, na qual, está em processo de desenvolvimento e em breve será distribuído pela Netflix. Porém em 2017 o mesmo lançou mais uma obra chama Piano Vermelho pela mesma editora, também bastante lida em seu ano de lançamento.

O autor é muito conhecido e remunerado dentro do gênero que produz histórias, ou seja, os thrillers. Porém foi divulgado recentemente pela Editora Intrínseca o seu próximo lançamento que carrega o título de Uma Casa no Fundo de um Lado, a história conta sobre Amelia e James, duas pessoas com sentimentos recíproco, e que marcam um encontro para conhecerem um ao outro. Porém, durante esse encontro, que foi decidido ser um passeio de canoa, eles encontram uma casa perigosamente misteriosa debaixo d’agua, mas, após aprofundarem nos mistérios daquela residência, as suas vidas acabam não sendo as mesmas.

Uma Casa no Fundo de um Lago, de Josh Malerman contém apenas 160 páginas e foi traduzido por Fabiana Colasanti, o seu lançamento foi ontem, dia 25 de julho de 2018, porém alguns críticos literários já fizeram a leitura e você pode as críticas pesquisando no Google. Esse promete ser mais um best-seller de Malerman, a Intrínseca liberou um trecho da obra e para fazer a leitura é só clicar aqui.

Go to Top