Praças da Cidade

Posts tagged Para Todos

Conheça 7 livros bizarros que você não acreditaria que existem

0

1

Matheus Mans, no Literatortura

Segundo Leonid Taycher, engenheiro da Google Books, já foram publicados quase 130 milhões de livros no mundo. Alguns desses se tornaram best-sellers. Outros foram incompreendidos e não fizeram sucesso algum. Porém, alguns deles mostraram que as páginas de um livro podem conter de tudo.

Abaixo estão listados os livros mais bizarros publicados até hoje. Ao ler o título, já somos surpreendidos com a improvável utilidade deles. Para os que se interessarem, todos eles estão disponíveis em inglês.

7. A Arte Zen do Pum

Reepah Gud Wan é um dos grandes mestres budistas. Dizem que fez esse livro “didático” para tentar explicar alguns conceitos abstratos de Buda.

Rapidamente, Reepah tinha centenas de novos seguidores aprendendo seus novos ensinamentos. E, claro, seu livro, incompreendido por muitos, acabou entrando na lista de mais bizarro do mundo.

6. Como Fazer Xixi em Pé: dicas para garotas descoladas

Este é um livro que traz várias dicas, teoricamente dedicados às garotas descoladas. Em meio a dicas de como sair do vermelho, como lidar com seu chefe, como conseguir passagens mais baratas, está a dica principal: como fazer xixi em pé. Com certeza, um livro de utilidade pública.

5. Como dar Adeus à Depressão: contrair o ânus 100 vezes ao dia pode ser um método eficaz

Este livro possui o título auto explicativo. O autor irá discorrer sobre o método e suas várias ‘benfeitorias’.

14. Como Fazer Sexo na Floresta

Este guia explica, detalhadamente, as maneiras de proceder se você quiser fazer sexo numa floresta. Alerta quanto aos cuidados para não tocar em folhas venenosas, como não atrair animais selvagens e como arrumar corretamente um espaço para dormir. Essencial.

1

3. Como Desaparecer Completamente e Nunca Ser Encontrado

Quem nunca quis desaparecer por algum tempo? Aposto que todos já tiveram essa sensação. Porém, o autor deste livro levou o tema muito a sério. Ele ensina métodos para fugir de pessoas. Mostra como aplicar vários métodos aos mais diversos modos de perseguição que o possível leitor dele possa ter.

2. Como Falar Sobre Livros Que Você Não Leu

Livros estão presentes nos mais diversos tipos de conversas. Desde aquela conversa informal com um desconhecido na livraria até em uma conversa com seu chefe. E como fazer se você não conhecer o livro debatido na conversa? Simples, leia este guia. O professor de literatura, psicanalista e autor deste livro revela diferentes métodos de entender um livro sem precisar ler o livro inteiro. Um paraíso para os preguiçosos. Ler um livro para nunca mais ler livro algum.

11. Como Iniciar seu Próprio País

Sabe quando você acorda de manhã e tem vontade de começar a criar seu próprio país? Erwin Strauss ensina a contemplar esse seu desejo, ensinado métodos de soberania, defesa nacional, diplomacia, aumento de receita, etc.

Parece ser bem fácil. São apenas 168 páginas. Pare de reclamar de seu país! Monte o seu.

10 motivos pelos quais você deveria ler todos os dias

7

Se você acha que a leitura é uma prática entediante, talvez seja hora de rever seus conceitos. Conheça 10 bons motivos para ler todos os dias e transformar isso em um hábito

Publicado no Universia Brasil

10 motivos pelos quais você deveria ler todos os dias

Crédito: Shutterstock.com
Livros com histórias envolventes são capazes de desligar você do mundo ao redor, fazendo com que sua atenção esteja inteiramente voltada para o que acontece na trama

Uma das práticas que os jovens consideram mais entediantes é a leitura. Não é raro ouvir reclamações sobre a obrigatoriedade da leitura, mesmo que algumas histórias surpreendam por atrair o interesse. Contudo, estabelecer o hábito da leitura pode trazer diversos benefícios para a vida, tanto no mundo acadêmico quanto na carreira. Confira a seguir 10 motivos pelos quais você deveria ler todos os dias:

1. Estímulo mental

O cérebro necessita treinamento para se manter forte e saudável e a leitura é uma ótima maneira de estimular a mente e mantê-la ativa. Além disso, estudos mostram que os estímulos mentais desaceleram o progresso de doenças como demência e Alzheimer.

2. Redução do estresse

Quando você se insere em uma nova história diferente da sua, os níveis de estresse que você viveu no dia são diminuídos radicalmente. Uma história bem escrita pode transportá-lo para uma nova realidade, o que vai distraí-lo dos problemas do momento.

3. Aumento do conhecimento

Tudo o que você lê é enviado para o seu cérebro com uma etiqueta de “novas informações”. Mesmo que elas não pareçam tão essenciais para você agora, em algum momento elas podem ajudá-lo, como em uma entrevista de emprego ou mesmo durante um debate em sala de aula.

4. Expansão de vocabulário

A leitura expõe você a novas palavras que inevitavelmente elas serão incluídas no seu vocabulário. Conhecer um número grande de palavras é importante porque permite que você seja mais articulado em seus discursos, de maneira que até mesmo a sua confiança será impulsionada.

5. Desenvolvimento da memória

Quando você lê um livro (especialmente os grandes) precisa se lembrar de todos os personagens, seus pontos de vista, o contexto em que cada um está inserido e todos os desvios que a história sofreu. A boa notícia é que você pode utilizar isso a seu favor, fazendo dos livros um treino para a sua memória. Guardar essa quantidade de informações faz com que você esteja mais apto para se lembrar de eventos cotidianos.

6. Habilidade de pensamento crítico

Já leu um livro que prometia um mistério confuso e acabou por desvendá-lo antes mesmo do meio da história? Isso mostra a sua agilidade de pensamento e suas habilidades de pensamento crítico. Esse tipo de talento também é desenvolvido por meio da leitura. Portanto, quanto mais você lê, mais aumenta sua habilidade de estabelecer conexões.

7. Aumento de foco e concentração

O mundo agitado de hoje faz com que sua atenção seja dividida em várias partes, de modo que manter-se concentrado em apenas uma tarefa torna-se um desafio. Contudo, livros com histórias envolventes são capazes de desligar você do mundo ao redor, fazendo com que sua atenção esteja inteiramente voltada para o que acontece na trama. Embora você não perceba, esse tipo de exercício ajuda você a se concentrar em outras ocasiões, como quando precisa finalizar um projeto urgente.

8. Habilidades de escrita

Esse tipo de habilidade anda lado a lado com a expansão do seu vocabulário. Assim como a leitura permite a você ser alguém mais articulado na fala, também vai ajuda-lo a colocar com mais clareza os seus pensamentos no papel. Isso vai dar a você a chance de produzir textos com mais qualidade, não apenas de vocabulário, como também correção gramatical e ideias mais ricas.

9. Tranquilidade

O fato de envolver você em uma história e livrá-lo do estresse cotidiano faz do livro uma ótima ferramenta para alcançar a paz interior. Nos momentos de estresse, procure se distrair do que acontece com uma história que atrai seu interesse. Isso vai acalmá-lo e ajudá-lo a melhorar seu humor.

10. Entretenimento a baixo custo

Muitas pessoas acreditam que o conceito de diversão está diretamente ligado aos altos custos de uma viagem ou mesmo de uma festa. Contudo, se você encontrar um livro que chame a sua atenção, poderá viajar sem sair da sua casa. E se você acha que os preços cobrados por um livro também são abusivos, pode baixar aqui mais de 1.000 títulos gratuitamente.

MEC descredencia 330 instituições superiores do ProUni

0

266 mantenedoras foram excluídas do programa por não comprovarem regularidade fiscal

Publicado por Estadão

O Ministério da Educação (MEC) desvinculou 266 mantenedoras de instituições do ensino superior do Programa Universidade para Todos (ProUni) por não comprovação de regularidade fiscal. Essas entidades são responsáveis pela administração de 330 instituições particulares.

A decisão foi publicada nesta segunda-feira no Diário Oficial da União. Segundo o MEC, não haverá prejuízos aos estudantes, que terão a matrícula preservada pelas mantenedoras.

“O ProUni é um grande programa de inclusão de estudantes carentes. Por isso, é doloroso para o MEC tomar essa decisão, mas é indispensável”, afirmou o ministro Aloizio Mercadante. “Precisamos ser rigorosos com as bolsas do ProUni e do Fies (Fundo de Assistência Estudantil).”

Por não apresentarem a quitação de tributos e contribuições federais em 2012, essas mantenedoras não puderam participar do processo de adesão ao ProUni neste primeiro semestre. Com isso, deixaram de oferecer cerca de 20 mil vagas.

No final de cada ano, as mantenedoras devem apresentar a quitação de tributos e contribuições federais administrados pela Secretaria da Receita Federal, sob pena de desvinculação do programa, como prevê a Lei nº 11.128, de 28 de junho de 2005. A exigência foi dispensada por lei até 2012, ano de criação do Programa de Estímulo à Reestruturação e ao Fortalecimento das Instituições de Ensino Superior (Proies).

O Proies estabeleceu critérios para que as instituições particulares renegociassem as dívidas tributárias com o governo federal. Elas poderiam converter até 90% das dívidas em oferta de bolsas de estudos ao longo de 15 anos e, assim, reduzir o pagamento a 10% do total devido.

As mantenedoras desvinculadas poderão recorrer da decisão em até cinco dias. Elas também podem pedir nova adesão se comprovarem a quitação de tributos e contribuições federais administrados pela Receita Federal.

Inclusão. Até o dia 6 de junho, as instituições particulares de educação superior interessadas em participar do ProUni devem emitir um “termo de adesão”, por meio da entidade mantenedora. O procedimento deve ser feito on-line, no Sistema Informatizado do ProUni (SisProuni).

As mantenedoras das instituições já participantes do programa devem emitir o termo aditivo ao processo seletivo do segundo semestre deste ano, também por meio do SisProuni.

Vinicius para todos: leituras do poeta em seu centenário

0

1

Fabricio Romano, no Capitu With Lasers

2013 é o ano do centenário de Vinicius de Moraes. Para marcar a celebração, o projeto Leia Vinicius compartilha leituras de textos do poeta realizadas pelo público.

O projeta conta com parceria da Companhia das Letras e idealização do site Catraca Livre. Cada participante seleciona um texto extraído de “Livro de sonetos”, originalmente publicado pela Editora de Portugal e tendo acrescidos 25 outros textos, em 1967, na segunda edição, pela editora Sabiá.

Para participar com a leitura de um dos sonetos, acesse a página oficial de inscrição e leia o regulamento.

dica do João Marcos

Dicas de livros para ler em um dia

0

Editora do blog “A series of serendipity”, Melina Souza (Mel) fez esse stop-motion com dicas para todos aqueles que são apaixonados por livros.

Go to Top