Vitrali Moema

Posts tagged US

Casa onde viveu o verdadeiro “Lobo de Wall Street” está à venda e com descontão

0

Anderson Antunes, no Glamurama

À venda desde março do ano passado, a mansão em que viveu o verdadeiro “Lobo de Wall Street” acaba de ganhar um descontão. A princípio, o atual dono do imóvel localizado em Long Island, no estado de Nova York, pedia US$ 3,4 milhões (R$ 13,3 milhões) para fechar o negócio. Mas, como não apareceram muitos interessados, ele baixou o preço há alguns dias para US$ 2,89 milhões (R$ 11,3 milhões), um corte generoso de 15%.

A propriedade conta com mais de 800 metros quadrados de área privativa, cinco quartos e vários espaços de lazer, como piscina, jardim, sala de jogos e quadra de esportes. Era lá que Jordan Belfort – interpretado por Leonardo DiCaprio no filme de 2013 – passava os fins de semana nos anos em que aplicou um dos maiores golpes financeiros da história, que rendeu um prejuízo de US$ 110 milhões (R$ 430,6 milhões) para centenas de pessoas.

Belfort acabou sendo preso e condenado no fim dos anos 1990, e a mansão foi leiloada em 2001 pela justiça dos Estados Unidos como parte de um plano para tentar ressarcir as quase 1,5 mil vítimas dele. O lance vencedor foi dado por um investidor imobiliário de identidade não revelada até hoje, que é o mesmo que está tentando vendê-la agora.

Apesar de não aparecer no longa, o pied-à-terre é retratado nele na cena em que o personagem da vida real vivido DiCaprio chega em casa de helicóptero, praticamente inconsciente em razão de uma alta dose de tranquilizante que tomou, tirada do livro de memórias escrito por Belfort em 2007 e adaptado para a telona por Terence Winter com direção de Martin Scorsese.

Universo de Blade Runner vai continuar em novos livros

0

Claudio Gabriel, no Observatório do Cinema

Foi divulgada uma parceria comercial entre a produtora Alcon Entertainment e a Titan Books, na qual revelou que o universo de Blade Runner irá continuar em livros novos feitos para expandir o mundo.

A notícia vem depois do último filme da franquia, Blade Runner 2049, ter sido um fracasso comercial, já que arrecadou US$259 milhões mundialmente, valor baixo comparado ao orçamento de US$150 milhões.

Nick Landay e Vivian Cheung, criadores da Titan, disseram em comunicado sobre a felicidade com o projeto:

“Estamos extremamente entusiasmados com a publicação dos quadrinhos e livros de Blade Runner. O universo de Blade Runner mal foi explorado; há muito mais lá. É uma honra estar trazendo esse mundo à vida de novas maneiras para um novo público – e para revelar contos daquele universo que você nunca viu antes.”

O filme original foi lançado em 1982. Já a continuação saiu no último ano.

Série de O Senhor dos Anéis pode ser focada na versão jovem de Aragorn

0

Tayná Garcia, no Jovem Nerd

O site TheOneRing.net reportou que várias fontes anônimas revelaram que a primeira temporada da série de O Senhor dos Anéis pode ser focada em uma versão mais jovem de Aragorn, mas não deu mais detalhes além disso. Veja:

Nós confirmamos através de várias fontes que a primeira temporada da série de O Senhor dos Anéis da Amazon Studios será focada em uma versão mais jovem de Aragorn. Vamos discutir o que está disponível e como isso aborda a Legendarium de Tolkien.”

O que se sabe até agora é que a Amazon pagou US$ 250 milhões para garantir os direitos globais de O Senhor dos Anéis, vencendo a disputa contra a Netflix. Mas isso foi só para garantir os direitos. Calculando os custos com elenco, efeitos visuais e a produção de maneira geral (locações, etc.), a série deve custar US$ 1 bilhão para a empresa de streaming.

A nova série derivada dos livros de J.R.R. Tolkien não contará a mesma história da trilogia de Peter Jackson, sendo descrita como uma espécie de prequel, e segue sem previsão de estreia.

Hotel de gelo inspirado em “Game of Thrones” inaugura na Finlândia

0

Snow Village (Foto: Reprodução/Instagram)

Foi necessário apenas um mês para a construção, que contou com escultores de gelo profissionais da Rússia, Polônia e Letônia

Publicado na Época Negócios

Há alguns dias, os fãs de Game of Thrones receberam a confirmação de que a oitava e última temporada da série vai estrear apenas em 2019. Porém, quem estiver de passagem pela Finlândia nas próximas semanas vai poder se aproximar do universo da trama em um novo hotel de gelo inaugurado no país.

O Lapland Hotels Snow Village construiu um hotel totalmente em gelo, em parceria com a HBO da Escandinávia, inspirado em Game of Thrones. De acordo com a People, foi necessário apenas um mês para a construção, que contou com escultores de gelo profissionais da Rússia, Polônia e Letônia.

Os quartos são equipados com diversos elementos da trama, como a Parede dos Homens sem Rosto de Braavos, os Caminhantes Brancos e o Dragão de Gelo. Os quartos têm uma temperatura de -5° Celsius e, por isso, os hóspedes têm direito a muitos cobertores.

A entrada no hotel custa US$ 18 (cerca de R$ 59) apenas para visitar as áreas comuns. Já quem quer se hospedar em um quarto tem de gastar, no mínimo, US$ 200 (algo como R$ 644) por diária. O hotel ainda conta com cinema, restaurante e um bar de gelo. O Snow Village abriu na última sexta-feira, 5, e ficará em funcionamento até o dia 8 de abril – quando as temperaturas começam a subir.

‘Tartarugas até lá Embaixo’ será o novo livro de John Green nos cinemas

0

tartarugas-até-lá-embaixo

Publicado no Cineset

A baixa repercussão de “Cidades de Papel” não desanimou a 20th Century Fox em investir de novo em uma adaptação dos livros de John Green. A mais recente obra do escritor, “Tartarugas até lá Embaixo” será o próximo romance do escritor a ganhar versão para os cinemas. As informações são do site da Variety.

“Tartarugas até lá Embaixo” acompanha a jornada de Aza Holmes, uma menina de 16 anos que sai em busca de um bilionário misteriosamente desaparecido – quem encontrá-lo receberá uma polpuda recompensa em dinheiro – enquanto lida com o transtorno obsessivo-compulsivo (TOC). Ainda não há nomes definidos para o elenco (as fãs, claro, desejam ver Ansel Elgort no elenco).

“A Culpa é das Estrelas” segue sendo o grande sucesso cinematográficos de John Green nos cinemas: o romance faturou US$ 307,2 milhões ao redor do planeta contra US$ 85,5 milhões de “Cidades de Papel”.

Go to Top