Cantos do Pássaro Encantado (1)

“Nosso pecado original não é moral. É o vazio dolorido que mora em nós. Vivemos a vida toda à procura de algo que preencherá esse vazio e nos completará. Quando isso parece acontecer, como na experiência do apaixonado, encontramos a felicidade. Estamos completos. Mas o que é isso que encontramos – ou imaginamos encontrar – na pessoa amada?”

“O coração tem as suas razões, muito embora a razão as desconheça.”

“O amor ignora os abismos do tempo.”

“A distância não apaga, ela acende o amor.”

Rubem Alves, em Cantos do Pássaro Encantado (Verus Editora).

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

One thought on “Cantos do Pássaro Encantado (1)

Deixe uma resposta para Wellington Albertini Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *