Antropólogo pede exumação do corpo de Shakespeare para verificar se o escritor era usuário de drogas

Agência Pavanews, com informações de Fox NewsMother Jones

Liderado pelo antropólogo Francis Thackeray, diretor do Instituto de Evolução Humana, em Joanesburgo, África do Sul, um grupo de cientistas, pediu formalmente à Igreja da Inglaterra autorização para a exumação do corpo do escritor. Shakespeare está enterrado desde 1616 em uma igreja na cidade de Stratford-upon-Avon. O objetivo é determinar a causa de sua morte e, entre outras coisas, se o dramaturgo tinha vestígios de maconha em seu corpo.

Esta não é a primeira tentativa. Vem mais de uma década depois de Thackeray e a Polícia Sul-Africana descobrirem evidências sugestivas de cannabis e sinais do que parece ser cocaína “em cachimbos de barro encontrado no jardim da antiga casa de Shakespeare.

Thackeray argumenta que a repetição de imagens sombrias e longas peregrinações mentais nos textos de Shakespeare podem corresponder à descrição de visões provocadas pelo consumo de haxixe. “Uma minuciosa leitura de seus sonetos e de outros textos leva a pensar que Shakespeare pode ter experimentado essas imagens”, escreveu Thackeray em sua tese.

Shakespeare tinha horror à ideia de que violassem sua sepultura, a ponto de ter pedido para escreverem em sua lápide: “Blessed be the man that spares these stones/ And cursed be he that moves my bones” (em tradução livre, “Abençoado o homem que poupar estas pedras/ Maldito seja o que mexer nos meus ossos”).

Mesmo assim, Thackeray insiste que seu estudo será uma “profanação livre”. “Temos técnicas incríveis”, explicou o antropólogo, destacando a intenção de sua equipe em utilizar exclusivamente “uma análise não destrutiva”. Após a digitalização dos ossos do escritor, seria feita uma reconstrução do corpo em imagens 3-D para ajudar a “demonstrar seu histórico de saúde completo”.

Embora ainda não tenha recebido autorização, esta pode ser a primeira vez que alguém consiga provar algo tão forte sobre a vida de um homem tão misterioso como Shakespeare. Com o lançamento recente de Anonymous, filme baseado na teoria de que Shakespeare era uma fraude e nunca escreveu os livros atribuídos a ele, parece que o bardo inglês não conseguirá descansar em paz.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

3 thoughts on “Antropólogo pede exumação do corpo de Shakespeare para verificar se o escritor era usuário de drogas

  • 27 de junho de 2011 em 15:28
    Permalink

    Sinceramente, acho que é muito trabalho para pouca (ou nenhuma) utilidade. Mas a nível de curiosidade acho que seria interessante descobrir detalhes de uma personalidade tão conhecida e ao mesmo tempo tão misteriosa.
    Beijos

    Resposta
  • 27 de junho de 2011 em 16:11
    Permalink

    Pelo amor, pq n gastam esse dinheiro todo com a fome, saúde do mundo?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *