40 livros PARA MORRER antes de ler

Publicado por Revista Bula

Seguindo a ideia do post “Li­vros Para Ler Antes de Mor­rer”, publicado no site americano Good Reads, pedimos a colaboradores, leitores e seguidores, que apontassem, entre livros conhecidos de autores brasileiros ou estrangeiros, quais eram os piores que haviam lido. Das dezenas de citações que recebemos, foi elaborada uma lista sintetizando a opinião dos participantes. O resultado, embora seja uma brincadeira, não deixa de ressaltar a validade da célebre frase de Mark Twain: ”Aquele que lê maus livros não leva vantagem sobre aquele que não lê livro nenhum.” Eis o resultado baseado no nú­mero de citações.

O Código Da Vinci
Dan Brown

Iracema
José de Alencar

Crepúsculo
Stephenie Meyer

Marimbondos de Fogo
José Sarney

A Cabana
William Paul Young

Animais em Extinção
Marcelo Mirisola

Eclipse
Stephenie Meyer

A Caverna
José Saramago

O Sexo e a Cidade
Candace Bushnell

O Pêndulo de Foucault
Umberto Eco

O Diário de Bridget Jones
Helen Fielding

Não Há Silêncio Que Não Termine
Ingrid Betancourt

Anjos e Demônios
Dan Brown

A Moreninha
Joaquim Manuel de Macedo

Lua Nova
Stephanie Meyer

A Paixão Segundo G.H.
Clarice Lispector

O Enigma do Quatro
Ian Caldwell

De Volta à Cabana
C. Baxter Kruger

Ponto de Impacto
Dan Brown

Forrest Gump: o Contador de Histórias
Winston Groom

Uma Vida com Propósitos
Rick Warren

A Bússola de Ouro
Philip Pullman

O Caso Laura
André Vianco

Fortaleza Digital
Dan Brown

Montanha Gelada
Charles Frazier

Harry Potter e a Pedra Filosofal
J.k. Rowling

O X da Questão
Eike Batista

A Última Música
Nicholas Sparks

A Vida Sabe o Que Faz
Zibia Gasparetto

O Segredo
Rhonda Byrne

Sem Deus: A Igreja do Liberalismo
Ann Coulter

Carnaval no Fogo
Ruy Castro

O Caçador de Pipas
Khaled Hosseini

Diário de um Mago
Paulo Coelho

A Estrada da Noite
Joe Hill

O Último Templário
Raymond Khoury

O Amante
Marguerite Duras

Brida
Paulo Coelho

Escrito nas Estrelas
Sidney Sheldon

Mein Kampf
Adolf Hitler

Dica do Chicco Sal

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

8 thoughts on “40 livros PARA MORRER antes de ler

  • 23 de fevereiro de 2012 em 11:16
    Permalink

    O Rui Goiaba saiu na frente e fez o 1001 Livros para Morrer antes de Ler (http://morrienaoli.tumblr.com/). Lá como cá, vejo muito mais maldade e recalque do que qualquer outra coisa. Gostaria de ter a certeza de que todas as pessoas que votaram leram os livros que condenaram, ou pelo menos passaram os olhos. Caso típico: Sarney. No máximo as pessoas leram as diatribes (nem vou chamar de crítica) do Millôr. Ficariam extremamente embaraçadas se descobrissem quem é o verdadeiro autor das páginas bem pagas e assinadas pelo senador, e tivessem que execrá-lo com a mesma intensidade.

    Resposta
  • 23 de fevereiro de 2012 em 13:50
    Permalink

    Se Iracema fosse ruim não seria pedido no vestibular da Fuvest e José Saramago não ganhou o Nobel da Literatura à toa.
    Lixo de lista.

    Resposta
  • 23 de fevereiro de 2012 em 16:44
    Permalink

    Ah que triste!
    Não concordo com essa lista!
    Concordo com o Marcos “Gostaria de ter a certeza de que todas as pessoas que votaram leram os livros que condenaram, ou pelo menos passaram os olhos.”
    Não li todos da lista, mas os que eu li, gostei bastante!!!!!!
    Mas cada um tem um gosto não é verdade?!!!!

    beijãozão*

    Resposta
  • 24 de fevereiro de 2012 em 10:53
    Permalink

    Lista tristemente cômica… leram todos?????????? sei…

    Resposta
  • 26 de setembro de 2012 em 23:46
    Permalink

    Talvez o título da lista devesse ser “Livros para querer morrer antes de ler” haha ;p

    E acho que o que Mark Twain quis dizer é que o que importa realmente é a qualidade e não a quantidade: um excelente livro vale mais que 50 livros que em nada de bom acrescenta. E se um livro é bom ou não, vai do que cada um busca no momento, se queres algo útil para ler certamente terá seu próprio critério de escolha e não se limitará a indicações aleatórias; agora se apenas queres matar o tempo com alguma distração um pouco mais “elaborada” do que se deixar tragar pela televisão, essa lista é uma ótima opção – claro, se não te importas em gastar teu tempo miseravelmente, mas como dizem, viva intensamente cada momento, pois a vida certamente é muito curta! 😉

    Resposta
  • 27 de setembro de 2012 em 0:39
    Permalink


    Kay:

    E acho que o que Mark Twain quis dizer é que o que importa realmente é a qualidade e não a quantidade: um excelente livro vale mais que 50 livros que em nada de bom acrescenta. E se um livro é bom ou não, vai do que cada um busca no momento, se queres algo útil para ler certamente terá seu próprio critério de escolha e não se limitará a indicações aleatórias; agora se apenas queres matar o tempo com alguma distração um pouco mais “elaborada” do que se deixar tragar pela televisão, essa lista é uma ótima opção – claro, se não te importas em gastar teu tempo miseravelmente, mas como dizem, viva intensamente cada momento, pois a vida certamente é muito curta!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *