Concurso Cultural Literário (93)

capa o misterioso lar

LEIA UM TRECHO

Victoria é sempre impecável. Seus cabelos e unhas brilham, seu quarto não tem nada fora do lugar, sua rotina é precisa. Se há algo que ela pode considerar como um defeito em sua vida é Lawrence, que parece seu oposto: é preguiçoso, desorganizado, anda com a roupa desgrenhada e vive sonhando no mundo da música. Ela nem entende como eles vieram a se tornar amigos. Mas, exceto por isso, sua vida é perfeita na cidade de Belleville.

Até que Lawrence desaparece. Ela começa a investigar, e percebe que ele não é o único a sumir na pequena cidade. Por trás de suas ruas tranquilas, há segredos sombrios e assustadores, e as pistas que Victoria encontra parecem apontar para um lugar em especial: o Lar Cavendish. As pessoas entram lá mas saem… diferentes. Ou então não saem.

Ignorada pelos adultos, ela se vê como a única capaz de tentar resolver o mistério e trazer seu amigo de volta. Mas, para isso, terá de abrir mão de sua vida perfeita.

Vamos sortear 3 exemplares de “O misterioso Lar Cavendish“, lançamento da Gutenberg.

Para concorrer, responda na área de comentários: Os opostos se atraem ou se repelem?

Se responder pelo Facebook, por gentileza deixe seu e-mail de contato.

O resultado será divulgado dia 7/10 neste post.

Boa sorte! 🙂

***

Parabéns aos ganhadores: Jennifer GabrielleLeonardo Triandopolis VieiraRogério Acioli. \o/

Por gentileza enviar seus dados completos para [email protected] em até 48 horas.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

26 thoughts on “Concurso Cultural Literário (93)

  • 19 de setembro de 2014 em 10:47
    Permalink

    “Os opostos se distraem; os dispostos se atraem” – Teatro Mágico.

    Resposta
  • 19 de setembro de 2014 em 13:44
    Permalink

    Os opostos se atraem no início, depois se distraem.

    Resposta
  • 19 de setembro de 2014 em 15:08
    Permalink

    Os opostos se atraem ou se repelem?
    Depois de pensar bastante, é certo dizer que os opostos podem se atrair, assim como também podem se afastar. Algum sal, outro doce, uma chuva, um sol, ela primavera, ele outono, como peças de um quebra cabeça, duas partes diferentes podem se completar e darem um final feliz ao jogo do amor, assim como corações distintos podem explodir pelo contato imediato. As relações dão certo quando há um equilíbrio, pois o muito salgado faz mal e o doce demais enjoa, dias apenas com chuva inundam tudo e semanas de sol queimam e dói, a primavera não faz brotar flor o ano todo, precisa descansar no outono. Deve-se ter em mente que quando se quer, dar um jeito, mesmo quando ela adora um pagode e ele só ouve rock, quando ela passa o fim de semana lendo e ele prefere jogar vídeo game. Imagino que também os opostos podem se repelir quando o amor não é suficiente para sobrepor a confusão de diferenças, há mais brigas do que paixão, nesse caso a distancia é a melhor coisa para não se machucar mais.Pois como os personagens de O misterioso Lar Cavendishde, Victoria e Lawrence tem personalidades opostas, mas isso não impediu que se tornaram amigos, como os polos negativos de uma bateria atraem os polos positivos de outra bateria. Então, basicamente, acredito que depende das pessoas envolvidas, sendo jovens ou mais experientes, tem que pesar os prós e os contras e lutar pela felicidade dos dois.

    No googl como Diário Empoeirado ([email protected])
    Curtindo no Facebook da minha irmã Kavellin Leal (Porque tive que apagar o meu)
    @tindaciana
    [email protected]

    Resposta
  • 19 de setembro de 2014 em 21:49
    Permalink

    Na prática os opostos se repelem.Tomemos como exemplo o conceito para escolha de seus amigos,você sempre andará com pessoas que seguem a mesma de linha de pensamento,gostos ou crenças.

    Resposta
  • 20 de setembro de 2014 em 11:08
    Permalink

    Os opostos se atraem ou se repelem?
    De acordo com a física, eles se atraem. Mas há na vida os opostos que se repelem.
    Sempre vai existir alguém com que você realmente não vai colar, porque ela é muito diferente de você, e simplesmente não dá pra conviver com algo tão contrário.
    Mas também há os opostos que se atraem, onde um é tão oposto ao outro que há um complemento de opostos.

    Resposta
  • 20 de setembro de 2014 em 16:14
    Permalink

    Os opostos se atraem, pois por serem um diferente do outro eles acabam sentindo vontade, desejo e “curiosidade” de conhecer esse outro lado, acabam sendo atraīdos como um imã, tenho como exemplo, “eu mesma”!

    Resposta
  • 20 de setembro de 2014 em 20:00
    Permalink

    Para mim, inicialmente, os opostos se atraem – todo aquela história de novidade, histórias novas – mas com o tempo, se os opostos não se tornarem parecidos, se repelem.

    Resposta
  • 21 de setembro de 2014 em 0:00
    Permalink

    Os opostos se atraem ou se repelem?

    Não tem regra pra isso.
    Porém, cada pessoa é única ou seja: não existe iguais.

    Resposta
  • 21 de setembro de 2014 em 20:49
    Permalink

    Acho que os opostos se atraem – digamos que uma pessoa se sente atraída pelo seu oposto em busca de novas experiências e vice versa. 🙂

    Resposta
  • 23 de setembro de 2014 em 0:39
    Permalink

    Os opostos se atraem, mas também se repelem.

    Resposta
  • 24 de setembro de 2014 em 10:49
    Permalink

    Os opostos se atraem ou se repelem nas diferenças, pois às vezes falta coragem ou autoestima para mudar, então nos defrontamos com o diferente, o arrojado aquilo que talvez pudesse dar um novo sentido a nossa existência, mas o medo e ainda mais a acomodação de ser e estar nos impede de mudar. De certa forma encontramos conforto em ser como somos, e quando nos confrontamos com o diferente o medo de mudar faz com que critiquemos aquilo que o outro é, ou seja, os oposto se atraem ou repelem nas diferenças.

    Resposta
  • 24 de setembro de 2014 em 14:52
    Permalink

    os oposto se atraem

    Resposta
  • 24 de setembro de 2014 em 15:02
    Permalink

    Os opostos se atraem pois juntos eles se completam!
    Tudo que eh demais ou de menos nunca eh bom mais os opostos juntos caminham para perfeiçao!

    Resposta
  • 25 de setembro de 2014 em 17:47
    Permalink

    Acho que os opostos se atraem mesmo. 🙂

    Resposta
  • 26 de setembro de 2014 em 11:36
    Permalink

    O Dr. Flávio Gikovate – psicoterapeuta de São Paulo – diz que: “os opostos se atraem mas não se entendem”.

    Resposta
  • 28 de setembro de 2014 em 12:14
    Permalink

    Depende. Imãs de polaridades opostas se atraem, mas se estamos falando de pessoas aí já não concordo muito. Nunca conheci ninguém que tivesse me falado que ao conhecer outra pessoa tenha se interessado por ela por serem totalmente opostas. As afinidades são as coisas que nos fazem nos aproximar, embora algumas amizades são de pessoas bem diferentes em seu jeito e gosto. Para mim essa história de atrai ou nao atrai é relativo. As pessoas se olham e muitas vezes sabem que aquela outra vai ser sua cara metade ou seu amigo eterno.

    Resposta
  • 29 de setembro de 2014 em 19:50
    Permalink

    Se atraem por causa da curiosidade um do outro mas quando acaba esse interesse ,se repelem por falta de gostos em comun porque é um saco ouvir sobre coisas das quais não gosta .

    Resposta
  • 1 de outubro de 2014 em 23:39
    Permalink

    De acordo com a Lei De Coulomb os opostos se atraem. Mas eventualmente, essa pode ser quebrada. Duas pessoas completamente diferentes podem se apaixonar um pela outra, violando a lei de Coulomb, mesmo que a natureza tente afasta-las. Não há nada no mundo que separe um amor verdadeiro, se for um amor verdadeiro. Exceto a morte, mas as vezes nem ela. Da mesma maneira que duas pessoas completamente diferentes podem se atrair, duas pessoas completamente iguais podem se repelir. Quando se fala de amor, não há “os opostos se atraem e os iguais se repelem”, há apenas amor <3

    Resposta
  • 3 de outubro de 2014 em 20:05
    Permalink

    Os opostos se atraem, o diferente abre possibilidades não cogitadas, ainda que nem sempre as melhores.

    Resposta
  • 6 de outubro de 2014 em 10:33
    Permalink

    Os opostos se atraem, pois é a curiosidade e a vontade de conhecer e controlar que move o mundo

    Resposta
  • 6 de outubro de 2014 em 13:43
    Permalink

    Os opostos se atraem ou se repelem?
    Se atraem quando duas pessoas querem e se repelem do mesmo jeito. Ninguém é igual, cada um tem sua personalidade, então em uma relação todo mundo é oposto. O que cabe a cada um é, saber se o amor é tanto que esse paradigma não interessa.

    Resposta

Deixe um comentário para rafaela monteiro Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *