Garota de 15 anos escreve livro de quase 300 páginas em segredo

O lançamento aconteceu em setembro deste ano, na Livraria Cultura do Conjunto Nacional (Foto: Arquivo pessoal)
O lançamento aconteceu em setembro deste ano, na Livraria Cultura do Conjunto Nacional (Foto: Arquivo pessoal)

Publicado na Folha de S.Paulo

Beatriz Gandolfi, 15, sempre gostou de escrever, mas surpreendeu familiares, amigos e professores quando revelou que tinha terminado o seu primeiro livro, “Só Mais um Espetáculo”, em fevereiro deste ano.

“Sempre tive muita vergonha, fazia e guardava para mim”, conta. Por isso, nos seis meses em que escreveu, não contou à ninguém sobre sua nova empreitada (só para sua irmã de 9 anos, que dava dicas e ajudava com os nomes dos personagens).

“Quando eu comecei, não tinha a intenção de publicar, nem achava que ia terminá-lo”, diz. Mas recebeu o incentivo de seus pais e avós e resolveu tentar. O livro foi lançado em setembro deste ano pela Chiado Editora, de Portugal.

“As editoras aqui do Brasil pediam um valor muito alto para publicar. Pela Chiado, eu consegui adquirir menos cópias e pagar mais barato”, explica. Os livros podem ser comprados pelo site da editora Chiado (€ 11, aproximadamente R$ 35) ou da livraria Cultura (R$ 41). “Na noite de lançamento vendi mais de 100 cópias”, diz.

A ideia do livro surgiu quando uma professora de história disse que, para ter uma vida completa, é necessário plantar uma árvore, criar um filho e escrever um livro. Uma outra professora já tinha lhe dito que um dia leria um livro dela.

“Acabei sonhando com a história do livro e fiquei com aquilo na cabeça. Até que comecei a escrever como um passatempo”, conta.

A história é sobre uma garota de 16 anos que não conhece o pai e é convidada para participar de uma importante e decisiva apresentação de balé no final do ano em sua escola.

HIGH SCHOOL

Apesar de nunca ter morado fora do país, Beatriz criou uma história que foge da realidade brasileira. A protagonista do seu livro se chama Connie, vive na cidade de RoseVille, onde neva, e sua escola, Juditch’s High School, tem grupinhos de líderes de torcida e jogadores de futebol americano.

“Acho que isso aconteceu pela minha proximidade com livros, filmes e séries norte-americanos”. Ela, fã do autor Nicolas Sparks e das sagas Crepúsculo e Percy Jackson, também ama neve. “Vi pela primeira vez em 2012, em uma viagem a Bariloche, foi mágico.”

“E eu adoro essa miscigenação de culturas e línguas. É impressionante como hoje conseguimos conversar com pessoas do Canadá, Estados Unidos, Austrália”, diz a garota, que mantêm amigos, que conheceu pelas redes sociais, em outros países. No futuro, ela pretende fazer um intercâmbio. “Quero passar pelo menos um mês na Europa.”

Depois do lançamento do livro, a vergonha diminuiu. “Eu acabei gostando da sensação de conseguir escrever e do reconhecimento”, diz.

Há poucos dias, foi até abordada por uma leitora. “Estava na pré-estreia de um filme e uma menina me perguntou se eu era Beatriz, autora do livro, e se não podíamos marcar para eu autografar o dela”, conta.

“O que também me incentivou mais foi pensar que, lendo meu livro, as pessoas poderiam se esquecer dos problemas, da vida agitada e perceber que a vida pode estar difícil, mas vai melhorar.”

Agora que o medo passou, ela pretende escrever outros livros. E o próximo está a caminho. “Até julho do ano que vem acho que consigo finalizá-lo.”

esc2

esc3

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

2 thoughts on “Garota de 15 anos escreve livro de quase 300 páginas em segredo

  • 21 de janeiro de 2015 em 1:33
    Permalink

    Olá! Eu sou a autora do livro hahaha muito obrigada pela matéria, significa muito para mim!!
    Um enorme abraço com muito carinho,
    Bia 🙂

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *