Cinco fatos sobre Harry Potter que só vieram à tona após o fim da franquia

Crédito: Warner/Divulgação. Imagens de divulgação do filme Harry Potter e as Relíquias da Morte.
Crédito: Warner/Divulgação. Imagens de divulgação do filme Harry Potter e as Relíquias da Morte.

Com o site Pottermore e mais um livro relacionado a história, J.K. Rowling aproveitou para manter a história do bruxo Harry Potter viva

Adriana Izel, no Diário de Pernambuco

O último livro relacionado ao universo do bruxo Harry Potter foi lançado em 2007, enquanto o último filme da adaptação cinematográfica foi exibido nos cinemas em 2001. No entanto, nada isso impediu que a autora J.K. Rowling mantivesse a história do personagem viva por meio de novos contos envolvindo personagens da franquia.

Confira abaixo cinco fatos sobre Harry Potter que só vieram à tona após o fim dos sétimo livros e dos longa-metragens. A maioria das informações surgiu por meio do site Pottermore, um portal em que a escritora publicada contos com a temática, além disso há a obra Animais fantásticos e onde habitam, o livro didático usado em Hogwarts, a Escola da Magia em que Harry Potter, Hermione e Rony estudaram.

1. O motivo do ódio dos tios de Harry Potter
Sempre foi difícil entender porque os tios do bruxinho, os personagens Válter e Petúnia, odiavam tanto o sobrinho de apenas 11 anos. No texto, publicado recentemente em Pottermore, J.K. Rowling explica que Petúnia tinha ciúmes da irmã Lilian, que era mais valorizada pelos pais por estudar na Escola de Magia. Já Válter pegou raiva de Tiago Potter durante um jantar para os casais se conhecerem e como Harry sempre pareceu com o pai, o tio transferiu a raiva para o sobrinho.

2. A personagem Dolores Umbridge era filha de trouxa
A professora Dolores Umbridge, que foi inserida na história apenas no livro A ordem de fênix (2003), era filha do bruxo Orford Umbrigde com a trouxa Ellen Cracknell. A ironia é que a personagem odiava os chamados “trouxas”, os não-bruxos. A crônica ainda revela detalhes da vida de Dolores, como que a personagem obrigou o pai a se aposentar mais cedo para que ele saísse de cena no Ministério da Magia, para que ela pudesse subir de cargo.

3. Dolores Umbrigde foi inspirada em uma pessoa real
J.K. Rowling revelou também que a personagem, que é uma das mais detestadas da franquia, foi inspirada em uma professora que ela não gostou. Ela não deu muitos detalhes (por motivos óbvios), mas disse que a instrutora era afeiçoada por acessórios melosos, como tiaras de laços.

4. Harry Potter, Rony Weasley e Hermione Granger continuaram amigos
Em mais um dos textos de Pottermore, a autora publicou uma material da jornalista de fofocas Rita Skeeter sobre Harry Potter, já aos 34 anos. Ele estava acompanhando uma partida da Copa Mundial de Quadribol, em que o Brasil enfrentava a Bulgária na final. O texto mostra que Harry, Rony e Hermione permaneceram amigos e também deu alguns detalhes do trio. Harry ficou grisalho e se tornou um auror famoso; Hermione estava no cargo de Chefe do Departamento de Execução das Leis da Magia; e Rony teve a sorte de envelhecer menos que os amigos e continuar casado com a melhor amiga Hermione.

5. Antes do sucesso Crepúsculo, vampiros estavam na história de HP
A autora publicou um conto com os vampiros como personagens principais. Apesar dos seres nunca terem tido destaque em seus livros, ela fez questão de dizer que eles sempre existiram no mundo criado por ela mesma, inclusive, há uma menção em O enigma do príncipe. A publicação ainda desmente qualquer possibilidade de professor Snape fosse um vampiro, apesar de sua palidez e a capa negra com calda longa.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *