Pela primeira vez, autor jamaicano conquista o Man Booker Prize

Jamaican author Marlon James poses for a photograph at a photocall in London on October 12, 2015, ahead of tomorrow's announcement of the winner of the 2015 Man Booker Prize for Fiction. Marlon James' s "A Brief History of Seven Killings" is one of the six shortlisted books for this year's prize. AFP PHOTO / NIKLAS HALLE'N

Marlon James é agraciado com a principal honraria para romances em língua inglesa por livro sobre atentado a Bob Marley, “A Brief History of Seven Killings”

Publicado no Divirta-se

O escritor jamaicano Marlon James conquistou, nesta terça-feira (13/10), o prestigioso Man Booker Prize por “A Brief History of Seven Killings”, um romance inspirado em uma história real e que descreve como Bob Marley e sua equipe e sua equipe foram atacados antes de um show em 1976.

James, de 44 anos, é o primeiro jamaicano a ser agraciado com o prêmio da literatura em língua inglesa – entregue há 47 anos.

Concedido ao melhor romance original em língua inglesa, o Man Booker Prize é um dos mais importantes prêmios literários do mundo.

Os outros finalistas foram os britânicos Tom McCarthy por obra “Satin Island” e Sunjeev Sahota por seu primeiro romance, “The Year of the Runaways”, o nigeriano Chigozie Obioma por “The Fishermen” e as norte-americanas Anne Tyler (“A Spool of Blue Thread”) e Hanya Yanagihara (“A Little Life”).

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *