2 de janeiro, nasce Isaac Asimov, mestre da ficção científica

Isaac_Asimov_9

Publicado no PT Jornal

Hoje é dia de lembrar Isaac Asimov, escritor russo que nasceu a 2 de janeiro de 1920. Asimov assina obras de ficção e também trabalhos de divulgação científica na área da bioquímica

Também escreveu livros de mistério e fantasia, bem como outros trabalhos que não se inserem na área onde se tornou mestre: a ficção científica.

Ao todo, Isaac Asimov escreveu mais de 500 volumes, mais de 90 mil cartas ou postais e obras em cada categoria importante do sistema de classificação bibliográfica de Dewey, exceto em filosofia.

É considerado um mestre da ficção científica, considerado um dos três grandes escritores desta área, ao lado de Robert A. Heinlein e Arthur C. Clarke.

Em 1981, um asteroide foi batizado com o seu nome, como forma de homenagem: 5020 Asimov. O robô humanoide ‘ASIMO’, da Honda, também é uma homenagem ao autor.

Em inglês, o nome do robô significs “Advanced Step in Innovative Mobility”, sendo que em em japonês “ashi mo” quer dizer “também com pernas”, um jogo de palavras relativo à movimentação do robô.

Nasceram a 2 de janeiro Urbano Duarte, militar, jornalista, cronista, humorista e teatrólogo brasileiro (1855), e Isaac Asimov, escritor e bioquímico russo (1920).

Nasceram também Daisaku Ikeda, escritor, filósofo e poeta japonês (1928), Henrique Mendes, apresentador de televisão português (1931), José Vera Jardim, político português (1939), e Débora Duarte, atriz e poetisa brasileira (1950).

Morreram neste dia Johann Kaspar Lavater, filósofo, poeta e teólogo suíço (1801), Marechal Emílio Luís Mallet (1886), Edward Burnett Tylor, antropólogo britânico (1917), David R. Ross, escritor e historiador escocês (2010), e Eliseu Resende, político brasileiro (2011).

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *