Contando e Cantando (Volume 2)

A Cabana (2)

0

“Vocês, humanos, são verdadeiramente cegos em relação ao seu lugar na Criação. Escolheram o caminho devastado da independência e não compreendem que estão arrastando toda a Criação com vocês.”

William P. Young, em A Cabana.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Os irmãos Karamazóvi

1

“(…) Penso às vezes: ‘Que é o inferno?‘ Costumo defini-lo como ‘o sofrimento de não poder mais amar‘. Uma vez, no infinito do espaço e do tempo, a um ser espiritual em sua estada na terra, foi dada a possibilidade de dizer: ‘Eu sou e eu amo‘. Em uma única ocasião lhe foi concedido um momento de amor ativo e vivo. (…) Fala-se do fogo do inferno no sentido literal, temo investigar esse mistério, mas penso que, mesmo se essas chamas tivessem existência material, os condenados apenas se alegrariam, pois os tormentos físicos fariam com que eles esquecessem, ao menos por um instante, a sua horrível tortura moral.”

Dostoievski em Os Irmãos Karamazóvi

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Os irmãos Karamazóvi

1

“(…) Penso às vezes: ‘Que é o inferno?‘ Costumo defini-lo como ‘o sofrimento de não poder mais amar‘. Uma vez, no infinito do espaço e do tempo, a um ser espiritual em sua estada na terra, foi dada a possibilidade de dizer: ‘Eu sou e eu amo‘. Em uma única ocasião lhe foi concedido um momento de amor ativo e vivo. (…) Fala-se do fogo do inferno no sentido literal, temo investigar esse mistério, mas penso que, mesmo se essas chamas tivessem existência material, os condenados apenas se alegrariam, pois os tormentos físicos fariam com que eles esquecessem, ao menos por um instante, a sua horrível tortura moral.”

Dostoievski em Os Irmãos Karamazóvi

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Livro vivo

0
Se ler um livro é uma forma de expandir os horizontes, ouvir um livro pode ser um jeito de acabar com o preconceito. Na Living Library (Bilblioteca Viva), é possível ouvir histórias, experiências de vida, pontos de vista. Porque os livros são pessoas, que tomamos emprestados por alguns minutos para conversar – “livros vivos”, que têm títulos como “mulher muçulmana”, “senhor cego”, “jovem imigrante”, “ex-presidiário”.
Trecho da coluna Mente Aberta, na Revista Vida Simples.
Para saber como organizar uma Biblioteca Viva clique aqui.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Livro vivo

0
Se ler um livro é uma forma de expandir os horizontes, ouvir um livro pode ser um jeito de acabar com o preconceito. Na Living Library (Bilblioteca Viva), é possível ouvir histórias, experiências de vida, pontos de vista. Porque os livros são pessoas, que tomamos emprestados por alguns minutos para conversar – “livros vivos”, que têm títulos como “mulher muçulmana”, “senhor cego”, “jovem imigrante”, “ex-presidiário”.
Trecho da coluna Mente Aberta, na Revista Vida Simples.
Para saber como organizar uma Biblioteca Viva clique aqui.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Go to Top