‘1984’, de George Orwell’ é um dos livros mais influentes da história (Foto: Toby Melville/Reuters)

Uma pesquisa entre livreiros do Reino Unido identificou os 20 livros proibidos mais importantes da história; público vai votar no livro mais influente

Maria Fernandes Rodrigues, no Estadão

Como parte da programação da Academic Book Week, que está sendo realizada no Reino Unido esta semana, livreiros especializados em livros acadêmicos indicaram os 20 livros censurados mais influentes da história. Agora a votação foi aberta no site do evento e o público pode, até o dia 9, ajudar a escolher qual foi o livro proibido mais influente.

Quase todos os títulos foram traduzidos para o português.

Livros censurados

1984, de George Orwell

Um Panorama Visto da Ponte, de Arthur Miller

Amada, de Toni Morrison

Admirável Mundo Novo, de Aldous Huxley

Country Girls, de Edna O’Brien

His Dark Materials, série de Philip Pullman

Eu Sei Por Que o Pássaro Canta na Gaiola, de Maya Angelou

O Amante de Lady Chatterley, de D H Lawrence

Ratos e Homens, de John Steinbeck

A Origem das Espécies, de Charles Darwin

Os Direitos do Homem, de Thomas Paine

Versos Satânicos, de Salman Rushdie

O Apanhador no Campo de Centeio, de JD Salinger

A Cor Púrpura, de Alice Walker

As Vinhas da Ira, de John Steinbeck

A Metamorfose, de Franz Kafka

O Sol é Para Todos, de Harper Lee

Ulisses, de James Joyce

Esperando Godot, de Samuel Beckett

A Riqueza das Nações, de Adam Smith