Canal Pavablog no Youtube

Posts tagged encontrado

Diário inédito de José Saramago é encontrado em computador

0

José Saramago, em 2005: diário inédito do autor foi encontrado em uma pasta de seu computador – Custódio Coimbra / Agência O Globo

Escrito em 1998, texto do Nobel de Literatura português será publicado em outubro

Publicado em O Globo

LISBOA – Oito anos após a sua morte, um diário até então desconhecido do autor português José Saramago foi encontrado em seu computador. Uma edição será publicada em outubro em Portugal e na Espanha, anunciou nesta terça-feira, sua viúva, Pilar Del Rio.

A obra, escrita em 1998 quando ganhou o prêmio Nobel de literatura, é o sexto e último volume de “Cadernos de Lanzarote”. O nome da série é uma referência à ilha Lanzarote, do arquipélago das Canárias, onde Saramago morou até sua morte em 2010, aos 87 anos.

O volume foi encontrado escondido em uma pasta dentro do computador do romancista, revelou Del Rio, que chefia a Fundação José Saramago em Lisboa.

“Eu pensava que tudo já tinha sido publicado. Fiquei perplexa quando me dei conta que ninguém sabia da existência desse livro”, contou a também escritora e tradutora.

Ainda em vida, Saramago fez referência uma vez a esse diário em 2001.

“Eu não gostaria que, justamente no ano em que algo de notável me aconteceu (seu prêmio Nobel), alguém venha me dizer que eu não o fiz”, brincou o autor em alusão à uma sequência da série durante uma apresentação do quinto volume de “Cadernos de Lanzarote”.

A publicação dessa obra inédita marca, assim, os 20 anos da premiação com o Nobel de Literatura de Saramago, autor de “O Evangelho segundo Jesus Cristo” e de “Ensaio sobre a cegueira”.

Poeta paraibano é encontrado morto no Pará

0
(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

Jénerson Alves, para o Livros e Pessoas

Reconhecido como o maior poeta cordelista da atualidade, Manoel Monteiro, 77, foi encontrado morto em um quarto de hotel na cidade de Belém do Pará. O corpo foi encontrado na manhã do sábado, dia 7. Monteiro morava em Campina Grande, na Paraíba, e estava desaparecido desde o dia 30 de maio. Entretanto, foi constatado a morte ocorreu mediante causas naturais. Manoel Monteiro tinha diabetes e há alguns meses padeceu de um enfarto.

De acordo com informações, quando o poeta desapareceu de Campina, viajou de transporte alternativo até o Recife-PE, e depois soube-se que havia embarcado em um ônibus para “o norte do país”.

A notícia foi recebida com tristeza no meio poético nordestino. “É uma tristeza imensa para todos nós que amamos a poesia, perdermos o nosso amigo assim. Eu tenho esperança na ressurreição e por isso clamo a Deus todo poderoso que o guarde são e salvo e que o acolha em sua eterna morada meu caro Manoel Monteiro”, comentou o poeta Varneci Nascimento.

Trabalho

O legado de Manoel Monteiro para a poesia é relevante, sobretudo pela abordagem pedagógica que dedicou à literatura de cordel. Membro da Academia Brasileira de Literatura de Cordel (ABLC), ele é o ícone maior do movimento denominado ‘novo cordel’ (com temáticas conectadas às demandas do século XXI). Poetas como Moreira de Acopiara, Luciano Dionísio, Marco Aurélio e Arievaldo Viana também são expoentes nesse estilo.

Concurso Cultural Literário (64)

28

capa ed. vestígio 1

LEIA UM TRECHO

Algumas garotas escondem terríveis segredos…

Sarah Kent é uma estudante brilhante e leva uma vida tranquila em meio à elite da universidade de River Falls, uma cidadezinha perto das Rochosas, no estado norte-americano de Washington. Mas tudo muda numa manhã de primavera: Amy Paich e Lucy Barton, as duas melhores amigas de Sarah em sua cidade natal, são encontradas no fundo de um lago, terrivelmente mutiladas. As duas não falavam mais com Sarah, mas tinham mandado um estranho convite para a amiga dois dias antes dessa tragédia.

A vida de Sarah se transforma num pesadelo. Seria ela a próxima vítima do assassino? A garota parece esconder um terrível segredo, como se um laço misterioso ainda a ligasse a Amy e Lucy… Mistérios que o xerife Mike Logan tentará resolver, com a ajuda de Jessica Hurley, sua ex-namorada e famosa profiler do FBI. Eles pensam estar na pista certa, mas seu adversário é perverso e os manipula com facilidade…

capa ed. vestígio 2

LEIA UM TRECHO

Nesse início de outono, dois assassinatos cometidos um após o outro vêm perturbar a relativa tranquilidade de River Falls, que começava a se restabelecer da sórdida sequência de crimes de alguns meses antes.

O primeiro assassinato causa estardalhaço: Robert Gordon, um advogado brilhante, conhecido por sua filantropia, é encontrado eletrocutado na banheira
de sua luxuosa mansão em Golden Hill, o bairro rico da cidade. Tudo indica que o assassino tentou disfarçar o crime em suicídio, mas de maneira descuidada. No mesmo dia, o corpo de um mendigo, coberto de hematomas e encontrado no rio, chega ao necrotério, sem causar maior comoção. A priori, nenhuma ligação entre os dois casos.

O xerife Mike Logan, com a ajuda de sua companheira, a célebre profiler Jessica Hurley, terá de elucidar
os assassinatos.

Tem início um inquietante mergulho nas regiões obscuras da alma humana que revelará segredos devastadores.

Vamos sortear 2 kits com os sucessos de Alexis Aubenque: “Sete dias em River Falls” e “Um outono em River Falls“, publicados pela Vestígio.

Para participar, use a área de comentários para completar a frase: “Curto ler romances policiais porque…” (use no máximo 3 linhas).

Se usar o Facebook, por gentileza deixe seu e-mail de contato.

O resultado será divulgado dia 21/5 às 17h30 neste post.

Participe! 🙂

***

Parabéns aos ganhadores: Daniela Campos e Henrique Rodrigues.

Por gentileza enviar seus dados completos para [email protected] em até 48 horas.

Cabine Literária: Lançamentos de julho

0


x
Sempre numa deliciosa vibe bem-humorada, Danilo Leonardi e Gabriel Utiyama apresentam lançamentos recentes. Visitem o Tumblr dos caras. #recomendo

Go to Top