Canal Pavablog no Youtube

Posts tagged enem 2014

Futebol inspira memes na internet sobre divulgação das notas do Enem

0

Usuários fizeram piadas e brincadeiras sobre a prova nas redes sociais.
MEC divulgou desempenho dos candidatos nesta terça (13).

meme4

Publicado no G1

nternautas se inspiraram no futebol para postar novos memes na internet sobre a divulgação das notas de cada um dos quase 6,2 milhões de candidatos que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2014). O Ministério da Educação liberou na noite desta terça-feira (13) a consulta individual das notas no site sistemasenem2.inep.gov.br/resultadosenem.

Para ver o resultado, o candidato deve inserir seu número de inscrição do Enem e a senha de acesso ou CPF e senha.

Logo após a publicação das notas, a página de acesso do Inep apresentou lentidão devido ao grande volume de tráfego.

Os mais de 6,2 milhões de estudantes que fizeram as provas poderão ver a nota que tiraram nas provas objetivas (ciências humanas, ciências da natureza, linguagens e matemática) e na redação.

Dúvidas podem ser solucionadas pelo telefone de auxílio do Enem: 0800 61 61 61. O exame foi realizado nos dias 8 e 9 de novembro de 2014.

Veja outros memes sobre a divulgação das notas do Enem 2014:

meme5

meme3

meme2

meme6

Veja os principais memes e piadas sobre as provas do Enem 2014

0

No sábado Miley Cyrus acabou em montagem com questão de física.
No domingo, tema da redação foi adivinhado horas antes no Twitter.

Publicado no G1

A edição de 2014 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) chegou aos temas mais comentados nas redes sociais tanto no sábado (8) quanto neste domingo (9). Internautas que fizeram ou não as provas bolaram memes e piadas no Twitter e no Facebook. Além dos temas que caíram nas questões, teve até montagem com a cantora Miley Cyrus e um misterioro tuíte publicado na manhã deste domingo (9), onde uma usuária adivinhou o tema da redação que seria divulgado horas depois.

A hashtag #AprendiNoEnem, que em outros anos também foi usada pelos candidatos após as provas, passou o fim de semana entre as mais usadas no Twitter.

Publicidade infantil?
Eita, Giovana! Teve gente que “descer, subir, empinar e rebolar” para conseguir escrever uma boa redação sobre o tema ‘Publicidade Infantil’. Teve gente que foi esperta e não deixou o forninho cair.

Eita, Giovana, o forninho caiu... (Foto: Reprodução/Instagram)

Eita, Giovana, o forninho caiu… (Foto: Reprodução/Instagram)

Falou sobre propagandas famosas.

♫ Gostoso pra chuchu, chuá, chuá, uh, uh ♫ (Foto: Reprodução/Twitter/FrasesdoRedex)

♫ Gostoso pra chuchu, chuá, chuá, uh, uh ♫ (Foto: Reprodução/Twitter/FrasesdoRedex)

Reclamou de programas de prêmios.

Playstation, playstation, playstation... (Foto: Reprodução/Twitter/junowerlang13)

Playstation, playstation, playstation… (Foto: Reprodução/Twitter/junowerlang13)

Mas a verdade é que o tema pegou muita gente de surpresa, e teve um pessoal que comemorou em não estar fazendo o Enem este ano.

É, o tema foi bem fora que do que a maioria pensava (Foto: Reprodução/Twitter/lucasaguiar)

É, o tema foi bem fora que do que a maioria pensava (Foto: Reprodução/Twitter/lucasaguiar)

Vamos tentar…
A prova de matemática sempre é um desafio para os candidatos do Enem. Tinha gente não querendo se perder.

Calma, Zileide, está tudo sob controle (Foto: Reprodução/Twitter/lalagot)

Calma, Zileide, está tudo sob controle (Foto: Reprodução/Twitter/lalagot)

Alguns pediram uma ajudinha do além.

Chico, ajuda aí (Foto: Reprodução/Twitter/QueroNaao)

Chico, ajuda aí (Foto: Reprodução/Twitter/QueroNaao)

E a rapper Nicki Minaj até tentou ajudar…

Um, dois, três, quatro... (Foto: Reprodução/Twitter)

Um, dois, três, quatro… (Foto: Reprodução/Twitter)

O ator Jim Carey também.

Segura a caneta! (Foto: Reprodução/Twitter)

Segura a caneta! (Foto: Reprodução/Twitter)

desespero foi grande, tanto que hoje virou o…

‘Dia Nacional do Chute’
Desde a manhã, candidatos do Enem se refugiaram nas redes sociais para desabafar sobre os dois grandes medos da prova deste domingo: as provas de matemática e de redação.

Candidato sugere que o segundo dia de prova do Enem caia sempre no feriado do Dia Nacional do Chute (Foto: Reprodução/Twitter/ramonedidi)

Candidato sugere que o segundo dia de prova do Enem caia sempre no feriado do Dia Nacional do Chute (Foto: Reprodução/Twitter/ramonedidi)

A candidata preocupada com a redação teve uma abordagem mais religiosa (Foto: Reprodução/Twitter/pequenaraylla_)

A candidata preocupada com a redação teve uma abordagem mais religiosa (Foto: Reprodução/Twitter/pequenaraylla_)

‘Mãe Dinah do Enem’
Horas antes da prova, um tuíte foi publicado por uma usuária que disse que faria o Enem. Ele viralizou durante a tarde porque, nela, a garota adivinhou o tema da prova da redação:

Mensagem publicada no Twitter na manhã deste domingo adivinhou tema da redação do Enem, que seria divulgado horas depois (Foto: Reprodução/Twitter)

Mensagem publicada no Twitter na manhã deste domingo adivinhou tema da redação do Enem, que seria divulgado horas depois (Foto: Reprodução/Twitter)

Este candidato fez outro tipo de previsão (mas esperamos que ela não tenha se cumprido!):

Candidato prevê lágrimas na prova do segundo dia do Enem (Foto: Reprodução/Twitter/DanielGessinger)

Candidato prevê lágrimas na prova do segundo dia do Enem (Foto: Reprodução/Twitter/DanielGessinger)

Veja mais aqui.

Enem 2014 teve grávida que deu à luz, presos no CE e mais de 1.500 eliminados

0

enem-2014

Publicado no UOL

O Enem 2014 (Exame Nacional do Ensino Médio), realizado neste fim de semana em todo o país, foi marcado por atrasos, faltas e eliminações. Além disso, o exame teve candidatos presos, uma grávida que entrou em trabalho de parto durante a prova e uma mulher que morreu no local em que faria o exame.

No sábado (8), os candidatos fizeram as provas de ciências humanas e suas tecnologias e de ciências da natureza e suas tecnologias, com duração de 4h30. No domingo (9), a maratona de 5h30 teve provas de linguagens e códigos, matemática e redação. O UOL e o Curso e Colégio Objetivo realizaram nos dois dias de prova a correção comentada do Enem 2014.

De acordo com o MEC (Ministério da Educação), cerca de 2,5 milhões de candidatos inscritos no Enem 2014 faltaram às provas deste ano –28,6% dos 8.721.946 inscritos.

No domingo, a candidata Maria Valdenia Alves Vieira entrou em trabalho de parto durante a prova e sua filha, Júlia, nasceu em Caucaia (CE). No sábado, a candidata Edvânia Florinda de Assis, 31, morreu minutos depois de entrar no Colégio Santa Emília, no bairro de Jardim Atlântico, onde realizaria a prova em Olinda (PE). Segundo laudo do IML (Instituto Médico Legal), ela foi vítima de um edema agudo pulmonar.

Segurança

Segundo o MEC, 1.519 candidatos inscritos no Enem foram eliminados da prova por diversos motivos neste ano. Deste total, 236 por uso indevido de celular ao realizar a avaliação. Muitos postaram fotos em redes sociais.

Em Teresina, o pai de um candidato conseguiu entrar no prédio por volta das 16h (horário local) e filmou pessoas usando telefone celular nas dependências do prédio.

No Ceará, dois candidatos foram presos pela Polícia Federal durante a realização do Enem em Juazeiro do Norte. Um dos presos estava utilizando aparelho celular para o recebimento de gabaritos, enquanto o outro envolvido na fraude ficava do lado de fora do local de prova, passando informações ao candidato na sala.

Uma candidata de Minas Gerais afirma ter sido eliminada por usar um lápis para marcar as respostas no gabarito. No Paraná, candidatos saíram antes do horário permitido pelas regras do exame.

Situações inusitadas

O primeiro dia de provas foi marcado pelos atrasos. Teve candidata que chorou, grávida que pulou o muro de escola e marido querendo derrubar portão de local de prova. Em Brasília, duas candidatas que chegaram atrasadas pularam o muro e foram eliminadas do exame.

Em São Paulo, um homem de 34 anos desmaiou na escadaria de um colégio por não ter conseguido passar pelos portões da instituição a tempo de fazer a prova do Enem.

No Rio, uma jovem chegou ao local de prova com o filho de dois meses e não pôde prestar o exame. Ela não levou um acompanhante para tomar conta do bebê.

Mas o Enem não foi feito apenas de situações ruins. Em Maceió, uma candidata resolveu passar uma mensagem de otimismo e distribuiu abraços antes da prova. Do lado de fora, tinha mãe fazendo crochê e pais que viraram amigos enquanto esperavam os filhos realizarem o exame.

O primeiro candidato a deixar um local de prova em Belo Horizonte disse que saiu cedo porque estava de ressaca.

As provas do Enem que seriam aplicadas na Escola das Dunas, em Extremoz (região metropolitana de Natal), foram canceladas neste domingo por causa da falta de energia elétrica. A nova data das novas provas ainda não foi definida pelo Inep.
Prova cansativa e redação surpreendente

Os candidatos ouvidos pelo UOL neste fim de semana consideraram a prova do Enem 2014 extensa e cansativa. Muitos se surpreenderam com o tema da redação (“publicidade infantil em questão no Brasil”). O único que parece ter saído contente da prova foi John Experdião, 17, que ‘previu’ tema de redação do Enem.

Para os professores, o tema proposto foi considerado atual coerente com as últimas propostas do exame. De um modo geral, dizem, a prova exigiu o domínio dos conteúdos e uma grande capacidade de interpretação dos candidatos.

Jovem dedica 11h diárias para Enem: ‘Passo o dia com livros nas mãos’

0

José Neto, 17, pretende ter boa nota para cursar engenharia aeronáutica.
Além de aulas do ensino médio, ele segue rotina de estudos em casa, em GO.

jose-neto

Fernanda Borges, no G1

Com o objetivo de cursar engenharia aeronáutica, o estudante José Neto Costa Mota, de 17 anos, estuda cerca de 11 horas por dia para tirar uma boa nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Morador de Goiatuba, no sul de Goiás, ele percorre 50 km para frequentar o curso técnico em agropecuária, integrado ao ensino médio, no campus Morrinhos do Instituto Federal Goiano (IF Goiano). “Passo o dia com os livros nas mãos, pois estudo em período integral e, à noite, ainda dedico meu tempo a fazer testes para o Enem”, contou ao G1.

No IF Goiano, o rapaz estuda das 7h às 11h e das 13h às 17h. Em casa, conta que continua com os estudos entre 19h e 22h. “É uma rotina pesada, deixei de fazer academia e de ter muitas horas de lazer, mas estou focado nos estudos. Aos finais de semana, tento diminuir um pouco o ritmo, descansar a cabeça, mas tiro um tempo para estudar mesmo assim. Todo o sacrifício será compensado depois”, afirma.

José conta que, apesar de cursar o técnico em agropecuária, seu objetivo é a área de aviação. “Participei de um projeto de iniciação científica no IF Goiano e me identifiquei muito. Por isso, estou me esforçando ao máximo para obter um bom desempenho no Enem. Ele me ajudará a abrir as portas que preciso, já que não tenho muitos recursos financeiros para custear o curso”, relatou.

O estudante pretende prestar vestibular na Universidade Federal de Uberlândia (UFU), que utiliza a nota do Enem como processo seletivo. “Ser aprovado será a realização de um sonho, pois poderei estudar para a área que me identifico e que vai me ajudar a ter a realização profissional”.

Além disso, ele pretende concorrer a uma vaga no Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA). “Apesar da nota do Enem não valer no ITA, o exame será uma boa oportunidade para testar meus conhecimentos”, destacou José.

Bolsa em cursinho

Filho de pais separados, ele conta que mora com a mãe, que é professora. Em função da renda familiar ser baixa, não pôde fazer um cursinho preparatório pago. Mesmo assim, conseguiu uma bolsa de estudos de uma instituição do Ceará.

jose-neto2

“Tem um conhecido meu que trabalha nesse cursinho e contou a minha história para os responsáveis. Eles me deram uma bolsa integral para um curso online e me enviaram o material didático há cerca de dois meses. Com isso, além das aulas no colégio, onde aproveito para tirar as dúvidas com os professores, também tenho esse suporte em casa”, diz.

O estudante afirma que também usa as provas de anos anteriores do Enem para fazer simulados. “Pesquisei as provas passadas e as faço com o mesmo rigor de tempo que será no dia. Tudo isso me ajuda a entender a dinâmica do exame e fico mais tranquilo em saber que vou dar conta”.

Ele afirma que, por enquanto, ainda tem dúvidas em relação aos conteúdos de química. “Nessa reta final estou me concentrando mais nessa disciplina, pois é a que acho a mais difícil, mas os professores estão me ajudando e acho que vai dar certo”, ressaltou.

ENEM, uma prova de resistência

0

Quer garantir o acerto de algumas questões a mais no Exame Nacional do Ensino Médio? Então, além do estudo dos conteúdos mínimos e do desenvolvimento das competências e habilidades propostas pela prova, faça exercícios físicos nos dias anteriores ao exame.
ENEM-2013
Mateus Prado, Estadão

Quem já fez o ENEM sabe muito bem ele, além de uma prova que avalia capacidades e conhecimento de alguns conteúdos, é um teste de resistência, quase uma maratona. Em geral, a cada dia, a maioria dos alunos se sente cansada ao chegar entre as questões 65 e 70 (são 90 por dia). Exauridos, não conseguem manter o desempenho no resto da prova, mesmo quando sabem responder as últimas questões.

Se fosse possível analisar dois alunos com exatamente o mesmo acúmulo de conteúdos e o mesmo desenvolvimento das competências e habilidades cobradas pelo Enem e um deles fizesse um pouco mais que uma hora de caminhada por dia, enquanto o outro se mantivesse sedentário, o número de questões acertadas pelos dois seria diferente. Certamente, o candidato que se prepara fisicamente consegue chegar a um resultado mais condizente com a preparação que fez em toda a vida, dentro da escola e fora dela.

Mesmo que mais fáceis que as dos vestibulares convencionais, as 90 questões do primeiro dia do Enem exigem grande resistência e capacidade de concentração. Elas apresentam textos longos e cobram a utilização de capacidades cognitivas para interpretação, interpolação e extrapolação de suas propostas. Já no segundo dia, quando o candidato chega mais cansado, sem saber o que significa o resultado que teve no dia anterior, é exposto a uma situação pior.

No domingo, as questões de linguagens são as que possuem os textos mais extensos e as de matemática exigem que o candidato faça vários cálculos, mesmo sendo a maioria deles muito simples. São simples, mas, no seu conjunto, dão muito trabalho, levam muito tempo e exigem bastante concentração do aluno. Demora muito mais fazer a prova do segundo dia que a do primeiro. Além disso, é neste dia que está a redação, e o estudante só tem uma hora a mais de prova, tempo insuficiente para fazer tudo bem feito.

Para os candidatos sabatistas, como é o caso dos adventistas, a maratona fica ainda mais cansativa. Eles precisam chegar ao local de prova, no sábado, no mesmo horário dos demais, mas esperam até o começo da noite para iniciarem a prova e chegam em casa já na madrugada de domingo, dia em que terão de fazer uma nova prova.

Além de a prática de exercícios físicos ajudar o aluno no preparo para uma prova que também é de resistência, a caminhada, por exemplo, pode ajudar a manter a atenção, o que só melhora o desempenho.

Pesquisa

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Illinois, entre eles Charles Hillman, desenvolveu um trabalho com alunos de nove anos de idade. As crianças eram submetidas, em alguns dias, a caminhadas de 20 minutos em esteiras motorizadas. Em outros, apenas descansavam. Testes aplicados nos alunos mostram que, quando faziam caminhada, ficavam mais atentos, compreendiam melhor os textos e imagens, apresentavam melhor desempenho nas atividades escolares e melhor resultado nos testes. O estudo foi publicado em 2009, na edição de número 159 da Neuroscience.

Go to Top