Posts tagged eventos

Esta é a 1ª vez em 15 anos que a Flip será mais negra e feminina

0

Evento literário acontece entre os dias 26 e 30 de julho, em Paraty (RJ).

Andréa Martinelli, no HuffpostBrasil

Conceição Evaristo, Djaimilia Pereira de Almeida, Scholastique Mukasonga, Ana Maria Gonçalves.

Estes são alguns dos nomes de mulheres escritoras que estarão em destaque na programação da Flip 2017. Com a jornalista e especialista em literatura Josélia Aguiar no comando, o evento deste ano terá, em sua programação, um número de autoras supera o de autores.

Divulgação A escritora mineira Conceição Evaristo é uma das convidadas da Flip 2017.

Divulgação
A escritora mineira Conceição Evaristo é uma das convidadas da Flip 2017.

 

Esta é a primeira vez em 15 anos que o evento consegue trazer um número maior de mulheres do que homens entre seus convidados e também a primeira vez em dez anos que a feira tem uma mulher como curadora. Neste ano, serão 22 mesas com 46 autores, dos quais 22 são homens e 24 são mulheres.

Segundo o UOL, em conversa com jornalistas nesta terça (30), Josélia disse que procurou um diálogo com os movimentos sociais para buscar diversidade e representatividade nesta edição.

“Foram dois movimentos paralelos de ativismo. Precisamos repensar a representatividade nestes eventos. Não dá mais para ter uma programação toda de homens brancos, com uma mesa de mulheres, uma de negros, uma de indígenas”

E parece que deu certo.

Mesmo com ainda pouca representatividade, segundo a organização, além do homenageado Lima Barreto, autor de livros icônicos da literatura nacional como O Triste Fim de Policarpo Quaresma e O Homem Que Sabia Javanês, o evento deste ano terá 30% de autores negros na programação entre homens e mulheres.

o-LIMA-BARRETO-570

Reprodução Lima Barreto aos 33 anos em sua primeira internação no Hospício Nacional.

A escolha de Barreto cumpre um desejo antigo de Joselia Aguiar – que há três anos promoveu uma campanha para que ele fosse escolhido. E também atende a uma demanda que chegou a seu ápice na edição de 2016 Flip. À época, o então curador do evento, Paulo Werneck, mesmo homenageando a poeta Ana Cristina Cesar, foi amplamente criticado pela a ausência de mulheres e negros.

Segundo a Revista CULT, Josélia disse:

“Estamos trazendo autores que há muito tempo já poderiam ter vindo, mas que talvez por fugirem do padrão e por trabalharem com editoras independentes não vieram. São autores que estão aí já presentes, e que a gente pode redescobrir. É como entrar numa livraria e ir ali para baixo na prateleira, ou então em cima – e não apenas ver o que está só ali na frente como proposta”

Ainda de acordo com o UOL, a curadora ainda conseguiu firmar uma parceria com o Grupo Intelectuais Negras da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) para o lançamento do projeto Intelectuais Negras, um catálogo de informações biográficas e profissionais de mulheres.

Os ingressos custarão R$ 55 e começam a ser vendidos no dia 13 de junho.

Você pode ver a programação completa clicando aqui.

Jojo Moyes, de ‘Como Eu Era Antes de Você’, vem para o Brasil em maio

0
Jojo Moyes é uma das mais famosas autoras de best-sellers hoje Divulgação

Jojo Moyes é uma das mais famosas autoras de best-sellers hoje
Divulgação

 

A autora, responsável pelo livro mais vendido no País em 2016, vai participar de dois eventos em livrarias

Publicado no JC Online

Jojo Moyes, autora do romance Como Eu Era Antes de Você (Intrínseca), vai vir para o Brasil em maio deste ano. A escritora britânica vai participar de dois eventos no Brasil: no dia 8 de maio, irá passar pelo Rio de Janeiro, no dia 9, vai para São Paulo.

Os encontros vão ser restritos a 200 fãs cada. Na ocasião, Jojo Moyes vai autografar seus livros nas livrarias Saraiva.

A best-seller já vendeu mais de 2 milhões de exemplares no Brasil e tem 10 títulos publicados por aqui – o último foi Paris para Um e Outros Contos. No mundo, a circulação de Jojo Moyes chega a 29 milhões de livros.

NOVO LIVRO

Neste ano, Jojo Moyes já anunciou também o seu próximo livro da série sobre Louisa Clark, protagonista de Como Eu Era Antes de Você e Depois de Você. A previsão é de que o livro saia em 2018.

Como Eu Era Antes de Você também foi adaptado recentemente para os cinemas e teve uma receita de mais de 200 milhões de dólares.

Confira a programação completa da 24ª Bienal Internacional do Livro de SP

0

bienal

Publicado na Exponews Brasil

A Bienal Internacional do Livro de São Paulo, realizada pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), chega à sua 24ª edição, com atrações multiculturais voltadas para celebrar a leitura. O evento que ocorre entre 26 de agosto e 4 de setembro de 2016, no Anhembi, reunirá as principais editoras, livrarias e distribuidoras, e trará ao público atrações exclusivas, com presença de autores nacionais e internacionais, lançamentos de livros, tardes de autógrafos, oficinas, brincadeiras e debates.

Em sua última edição, em 2014, a Bienal do Livro se reinventou, trazendo para o público um evento democrático, diverso e multicultural, indo muito além da “feira de livros”. Com o tema “Histórias em Todos os Sentidos”, este ano o evento reafirma esse posicionamento e convida o visitante a vivenciar as muitas histórias que a Bienal do Livro pode contar, de acordo com seus interesses.

“Existem várias Bienais dentro da Bienal do Livro e queremos que cada visitante descubra a sua. Para os mais cults, conversas com autores conceituados no Salão de Ideias, para os mais jovens, presença de best-sellers de literatura Young Adults na Arena Cultural; para os fãs de gastronomia, oficinas no Cozinhando com Palavras; para as crianças, muita diversão e literatura infantil no Espaço Mauricio de Sousa e BiblioSesc, e por aí vai” afirma Luiz Antônio Torelli, presidente da CBL.

Para a criação da programação cultural, além da própria Câmara Brasileira do Livro, o evento contará novamente com a curadoria do SESC São Paulo e do Itaú Cultural. Juntas, as instituições serão responsáveis pela programação do Salão de Ideias, que contemplará discussões atuais e de amplo interesse com escritores, pensadores e artistas, abordando temas de relevância social e cultural.

Na Arena Cultural, os visitantes terão o contato com autores de best-sellers, nacionais e internacionais, em bate-papos e palestras exclusivas. Nomes como Lucinda Riley, Ava Dellaira, Jennifer Niven, Amy Ewing, Tarryn Fisher e Marian Keyes estarão presentes nesse que é o maior espaço do evento.

Focado no público infantil, o Espaço Mauricio de Sousa trará diversas atividades interativas, com brincadeiras, teatro de fantoches, pinturas e desenho, além de uma exposição sobre os 80 anos do criador da Turma da Mônica.

O Auditório Edições Sesc São Paulo traz uma programação ligada ao universo do livro e conta com atividades interativas para crianças e adultos, encontros com youtubers, profissionais da área de edição, e apresentações de teatro e música. O SESC São Paulo também trará para o evento duas unidades móveis do BiblioSesc: Praça da Palavra e Praça da História, caminhões-biblioteca com uma programação que vai de contação de histórias a espetáculos de música e literatura, sempre buscando o prazer de ler e de ouvir uma boa narrativa.

Para os amantes da gastronomia, o Cozinhando com Palavras chega à sua 4ª edição na Bienal do Livro. Com curadoria do chef André Boccato, o espaço une culinária, literatura e cultura, em uma verdadeira gourmet experience, estilo sarau.

Para discussões sobre o setor editorial, o Espaço Ignácio de Loyola Brandão trará debates institucionais sobre temas como, direitos autorais, políticas públicas, lei brasileira de inclusão, produção e vendas no setor e a pesquisa Retratos da Leitura no Brasil. O espaço foi pensado e criado especialmente para homenagear o escritor que completa 80 anos esse ano, vencedor de vários Prêmios Jabuti e que recentemente foi agraciado com o Prêmio Machado de Assis da Academia Brasileira de Letras.

Em parceria com a Câmara Cearense do Livro, o Espaço Cordel e Repente dá visibilidade a rica literatura regional, trazendo dois dos principais movimentos artísticos culturais do Nordeste, que também servem de inspiração para outras artes. O Espaço apresentará cordelistas e repentistas para debates e apresentações.

Os fãs também terão a chance de conhecer e pegar autógrafos de seus autores preferidos. Serão três espaços: a Arena de Autógrafos, que receberá os escritores da Arena Cultural, e a Área de Autógrafos 1 e 2 com autores convidados pelos expositores do evento. Para maior conforto do público, as senhas para autógrafos da Arena e da Área de Autógrafos serão distribuídas gradualmente pelo site da Bienal do Livro, dias antes do evento começar.

Além da programação multicultural, a Bienal do Livro quer trazer aos seus visitantes mais conforto e segurança. Este ano, a área de circulação será maior, com ruas mais largas de até 10 metros. Para receber as sessões de autógrafos, foram criados mais dois espaços, além da Arena de Autógrafos, que havia na última edição.

Marian Keyes

Marian Keyes

 

O evento será completamente acessível, com rampas de acesso em todo o pavilhão. A área de alimentação aumentou em 30%, além de carrinhos volantes e vending machines.

O evento conta ainda com 280 expositores, autores e editoras independentes. Entre os nomes confirmados estão: Grupo Autêntica, Companhia das Letras, Editora Cortez, Distribuidora e Edições Loyola, Editora Melhoramentos, Editora Moderna, Editora Novo Século, Panini, Grupo Record, Editora Rocco, Saraiva e Sextante.

Programação:

Arena Cultural BNDES
Participação de autores best-sellers, nacionais e internacionais, para bate-papos e palestras.

Entre os destaques internacionais da programação, estão a romancista Lucinda Riley, as autoras para Young Adults, Ava Dellaira e Jennifer Niven, Amy Ewing e Tarryn Fisher, a best-seller de “Melancia”, Marian Keyes e o autor de literatura infanto-juvenil Mac Barnet. Grandes nomes nacionais como Mauricio de Sousa, o historiador Leandro Karnal e o filósofo Mário Sérgio Cortella, além de youtubers que passaram para o universo literário como Kéfera, Jout Jout e Lucas Rangel.

Também estão confirmadas as presenças de: Leonardo Boff, Luiz Felipe Pondé, Iberê Thenório, Mariana Fulfaro, Jen Sterling, Isabela Freitas, Carina Rissi, Pam Gonçalves, Francisco Cuoco, Bruno Gouveia, Maju Trindade, Becky Albertalli, Bel e Fran, Megam Mawell, Raphael Draccon, Carolina Munhoz, ManyCandy, Chris Melo, PC Siqueira, Alexandre Matias, Thalita Rebouças, Paula Pimenta, Bruna Vieira, Babi Dewet e RezendeEvil.

um-ano-inesquecivel

Cozinhando com Palavras
Com curadoria do chef André Boccato o espaço une gastronomia, literatura e cultura.

A programação trará o colombiano Dagoberto Torres, do restaurante Suri; Mauricio Schuartz, criador da Feirinha Gastronômica de São Paulo e apresentador do programa Chefs de Rua, do Canal Sony, o chef Jefferson Rueda, do tradicional A Casa do Porco e a chef Morena Leite, do renomado Capim Santo.

O espaço também trará: Angelo Sabatino Perrella, Myriam Castanheira Perrella, Luiz Farias, Patrícia Souto Maior, Raul Lody, Stevan Paul, Carlos Ribeiro, Tereza Paim, Paulo Machado, Ana Rita Dantas Suassuna, Alexandre Staut e Arcelia Gallardo.

Salão de Ideias SESC São Paulo e Itaú Cultural
Com curadoria CBL, SESC São Paulo e Itaú Cultural, o espaço trará discussões atuais com questões de relevância social e literatura.

Entre os destaques da programação estão: a ilustradora alemã Stefanie Harjes, trazendo uma conversa sobre imagem e texto na literatura; o economista Ladislaw Dowbor, refletindo sobre a economia brasileira atual; a historiadora e feminista Margareth Rago, abordando o feminino na literatura; e, o antropólogo Roberto Damatta e o filósofo Oswaldo Giacoia Junior, para discutir os referenciais éticos dos dias atuais.

O espaço também receberá para debates: Ignácio de Loyola Brandão, Kim Doria, Braulio Tavares, Martinho da Vila, Julio Medaglia, Angela Lago, Miriam Leitão, Sergio Amadeu de Oliveira, Conceição Evaristo, Jessé de Souza, Oswaldo Giacoia Junior, Wharrysson Lacerda, Luiz Bagolin, Tarcila Lucena, Vitor Caffagi, Alexandre Martins Fontes, Isabel Gretel María Eres Fernández, Dolores Prades, Paulo Markun, Arlene Clemesha, Reginaldo Nasser, Heródoto Barbeiro, Stefan Cunha Ujvari, Denise Bernizzi de Sant´Anna, Mary del Priore e Bruno Paes Manso.

Espaço Infantil Mauricio de Sousa e BIC – Programação dedicada ao público infantil.
As crianças poderão se divertir com atividades interativas no Espaço Infantil Mauricio de Sousa e BIC.

A área temática “No Mundo das Histórias em Quadrinhos” conta com 500 m² de atrações sobre o autor.
Os pequenos serão recebidos por uma Mônica de três metros de altura, além de um globo terrestre apontando a presença da Turminha no mundo. As crianças também poderão brincar no famoso escorregador de rolinhos, que marcou gerações no Parque da Mônica, parede de escalada, teatro de fantoches e espaço para colorir.

O espaço também terá uma atividade inovadora: o processo de personalização e produção de uma publicação. Os participantes poderão optar pela produção de um livro no valor de R$39,90 ou um pôster gratuito. Por meio de um toten interativo, o público poderá customizar um avatar que fará parte de uma história com a Turma da Mônica e imprimir a publicação. Para completar, a Exposição Mauricio 80’ trará uma linha do tempo com os melhores momentos da vida do ilustrador. Os fãs poderão comprar os lançamentos do autor e acompanhar o trabalho de artistas da Maurício de Sousa Produções em um estúdio montado especialmente para o evento.

leandro_karnal

Historiador Leandro Karnal

 

BiblioSescs (Praça da Palavra e Praça da História)
Com curadoria do Sesc, os espaços foram especialmente pensados para valorizar o livro e incentivar a leitura com espetáculos de música, literatura e contação de histórias.

Entre os destaques na programação estão os Cordelíricos – um duelo de MC’s que mistura rap com embolada comandado por Lirinha, do grupo Cordel do Fogo Encantando, e Gaspar, poeta e integrante do grupo Z’África Brasil, Pequenos Sambistas com o ator e compositor Cristiano Gouveia, que apresentará histórias inspiradas na obra de grandes sambistas brasileiros, e Contação de Histórias – Brincando com Pessoas ao comando do ator e contador de histórias William Gama, com brincadeiras e histórias de tradição oral com as obras de Fernando Pessoa.

O espaço contará também com Intervenção artística – Nas abas do meu cordel, da Cia. da Matilde, uma intervenção em que os artistas se misturam ao público com (mais…)

Balada Literária de São Paulo ganha edição em Salvador

0
O escritor pernambucano Marcelino Freire é um anfitrião da Balada Literária (foto/divulgação)

O escritor pernambucano Marcelino Freire é um anfitrião da Balada Literária (foto/divulgação)

 

Publicado no Correio 24Horas

Um dos eventos de destaque do calendário literário paulista, a Balada Literária chega aos dez anos expandindo suas fronteiras. O evento criado pelo escritor Marcelino Freire – que acontece sempre em novembro, no boêmio bairro da Vila Madalena -, ganha uma edição prévia em Salvador, nesta quinta (6) e sexta (7), no Espaço Cultural da Barroquinha. Bate-papos, sarau, lançamentos e performances se misturam na versão baiana do evento, bem no clima descontraído que é a marca registrada da Balada.

A programação será aberta na sexta, às 17h, com a exibição do documentário SP Solo Pernambucano, do cineasta e escritor Wilson Freire. Com 37 minutos de duração, o filme conta um pouco da trajetória de Marcelino Freire, importante nome da prosa contemporânea nacional, autor de livros premiados como Contos Negreiros (conto, 1995) e Nossos Ossos (romance, 2014). A exibição será seguida de conversa entre Wilson e Marcelino, ambos pernambucanos. Na sequência, o grupo adolescente Este Tal Recital apresenta edição especial compacta do Sarau Bem Legal, incluindo textos de Sérgio Vaz, Arnaldo Antunes, Paulo Leminski, além de micro-contos escritos pelos integrantes do grupo, a partir de oficina com Marcelino.

A noite termina com uma mesa sobre os 10 Anos da Balada Literária – que este ano acontece entre 18 e 22 de novembro, tendo como homenageada a cineasta Suzana Amaral (A Hora da Estela). Marcelino Freire conversa com a jornalista Ana Cristina Pereira, com a professora da UFBA Milena Britto e com a psicanalista Ana Bárbara Neves sobre este festival, que transita entre nomes alternativos, revelações e autores consagrados da literatura e flerta com várias linguagens artísticas.

O segundo dia também começa às 17h, com a exibição de outro documentário de Wilson Freire: Miró – Preto, Pobre, Poeta e Periférico, sobre o poeta pernambucano, que estará presente e falará um pouco sobre sua trajetória. Após a exibição, o poeta Chicco Assis conversará com o Wilson e Miró, que também fará uma performance, declamando alguns de seus poemas marcantes e que desvendam paisagens e personagens marginais de cidades como Recife e São Paulo. Na sequência, é a vez de Marcelino mediar uma mesa com autores que já estiveram na Balada Literária, em diferentes anos. Ele troca ideias com a mineira Ana Maria Gonçalves, o brasiliense Lima Trindade e o paranaense Nelson Maca – todos residentes em Salvador – além do pernambucano Wilson Freire.

A cantora Mariela Santiago fará uma performance especial para a noite de encerramento (foto/divulgação)

A cantora Mariela Santiago fará uma performance especial para a noite de encerramento (foto/divulgação)

A Pré-Balada será encerrada com show, única atividade paga, com três diferentes performances: da cantora Mariella Santiago, que faz uma apresentação num formato especial, acompanhada pelo DJ Bandido; Marcelino Freire traz o Cantos Negreiros, no qual interpreta alguns textos do livro Contos Negreiros, na parceria luxuosa de Aloísio Meneses, que interpreta músicas de temática negra; e Nelson Maca, que apresenta o Candomblackesia, no qual seus poemas ganham o acompanhamento do percussionista Jorjão Bafafé, do trompetista João Teoria e do DJ GUG, o Afro Power Trio.

Ns dois dias, acontece uma feira literária na área externa da Barroquinha, onde os autores participantes e outros convidados assinam seus livros.

Serviço: Espaço Cultural Baroquinha (Praça Castro Alves, Centro). Quinta (6) e Sexta (7). Ingresso R$ 40 | R$ 20, somente para o show de encerramento. As demais atividades são gratuitas.

PROGRAMAÇÃO

Sexta (06.11)

17h:30 – Documentário SP Solo Pernambucano, de Wilson Freire (PE) – 2013 (37’)

Bate papo com Wilson Freire e Marcelino Freire

19h – Sarau Bem Legal com grupo Este Tal Recital
19h:30 – Mesa Balada Literária: Ana Bárbara Neves (psicanalista), Ana Cristina Pereira (jornalista) e Milena Britto (professora e crítica literária) conversam com Marcelino Freire

*A partir das 15h, acontece uma feira literária com autores da programação e outros convidados para assinar seus livros.

Sábado (07.11)

17h – Documentário Miró: Preto, Pobre, Poeta e Periférico, de Wilson Freire (PE) – 2008 (22’); Chicco Assis Conversa com Wilson Freire e Miró, e recital com Miró
18h – Mesa Escritores que participaram da Balada Literária: Marcelino Freire conversa com Lima Trindade, Ana Maria Gonçalves, Nelson Maca e Wilson Freire
20h – Show de encerramento

Cantos Negreiros: Aloísio Menezes & Marcelino Freire
Mariella Santiago e Dj Bandido
Candomblackesia: Nelson Maca e Afro Power Trio

*A partir das 15h, acontece uma feira literária com autores da programação e outros convidados para assinar seus livros.

Biblioteca Mário de Andrade passa a funcionar 24 horas por dia

0

01

Para comemorar a novidade, o espaço recebe uma programação em homenagem ao cineasta italiano Pasolini

Publicado no Catraca Livre

Está sabendo a novidade? A partir desta sexta-feira, dia 9 de outubro, a Biblioteca Mário de Andrade, na Consolação, vai manter suas portas abertas 24h por dia, todos os dias. A entrada é Catraca Livre.

Entre os livros, os frequentadores buscam tranquilidade para estudar, ler ou usar o wi-fi gratuito, disponível desde agosto do ano passado. Com essa mudança para período integral, a ideia é atrair ainda mais jovens em uma região que possui vida cultural efervescente.

Biblioteca Mario de Andrade

Além das portas abertas full-time e a contratação de novos funcionários para garantir a segurança e o atendimento, uma série de eventos preenche a maior biblioteca pública de São Paulo.

Na estreia, dia 9, um Sarau Erótico é realizado no terraço a partir das 22h. Integrantes do grupo teatral Sensus prometem deixar todos arrepiados com sussurros de trechos picantes de obras do cineasta italiano Pier Paolo Pasolini no ouvido do público. Logo após, uma festa toma conta do lugar até às 4h da manhã.

Ainda, no mesmo dia, ocorre a abertura da exposição “Imersão Pasolini”, com instalações de Lourival Cuquinha, Monica Piloni e Osvaldo Piva ocupando o hall de entrada principal da biblioteca.

Go to Top