Canal Pavablog no Youtube

Posts tagged Fan Pages

Editoras mais populares no Facebook (14)

0

facebookcover

Sérgio Pavarini

Que as redes sociais são altamente viciantes, ninguém tem dúvida. No entanto, há situações que envolvem riscos para terceiros e extrapolam o bom senso.

Pesquisa encomendada pela AT&T revelou que 27% dos motoristas norte-americanos com idade entre 16 e 65 anos disseram usar o Facebook ao volante. Alguns gravam vídeos (oi?) e outros tiram selfies no momento em que deveriam estar concentrados em dirigir.

De acordo com o Conselho Nacional de Segurança dos EUA, o número de acidentes com motoristas que estavam digitando responde atualmente por 6% do total. Lembrando o bordão, “para que tá feio”.

Vamos ao nosso ranking, Todas as editoras permaneceram estacionadas nas posições de abril, com exceção da Leya, que subiu uma posição e agora está em 12º lugar.

Mês que vem estamos de volta. 🙂

 

Ranking Maio

.
1.   2.307.000 Chiado

2.      901.000 Intrínseca

3.      850.000 Saraiva

4.      670.000 Record

5.      531.000 Arqueiro

6.      476.000 Rocco

7.      442.000 Cia das Letras

8.      370.000 Darkside Books

9.      327.000 Novo Conceito

10.    251.000 Sextante

11.    209.000 Universo dos Livros

12.    197.000 Leya Brasil

13.    195.000 Impetus

14.    181.000 CPAD

15.    169.000 Suma de Letras

16.    163.000 Casa Publicadora

17.    153.000 Mundo Cristão

18.    141.000 Galera Record

19.    138.000 L&PM Editores

20.    119.000 Hagnos

ranking atualizado em 21/5

Editoras mais populares no Facebook (12)

0

fb00Sérgio Pavarini

Março é mês de faxina no Facebook. A rede está apagando curtidas feitas por perfis deletados ou inativos. O objetivo é apresentar dados mais confiáveis sobre a popularidade das empresas.

Outra notícia anunciada nesta semana é a possibilidade de enviar dinheiro para os amigos pelo Facebook Messenger, sem cobrança de tarifas. Como sempre acontece, inicialmente apenas os usuários dos Estados Unidos vão experimentar a novidade.

Vamos ao nosso ranking de março. Várias editoras perderam likes, mas o número não foi significativo. Tivemos somente duas alterações: A Leya avançou duas posições e está em 12º lugar. A Suma também subiu e agora ocupa a 15ª posição.

Em abril estaremos de volta. 🙂

Abraços

 

Ranking março

#1:   2.251.000 Chiado

#2:      867.000 Intrínseca

#3:      820.000 Saraiva

#4:      671.000 Record

#5:      511.000 Arqueiro

#6:      460.000 Rocco

#7:      439.000 Cia das Letras

#8:      333.000 Novo Conceito

#9:      305.000 Darkside Books

#10:    233.000 Sextante

#11:    204.000 Universo dos Livros

#12:    189.000 Leya Brasil

#13:    188.000 Impetus

#14:    178.000 CPAD

#15:    164.000 Suma de Letras

#16:    163.000 Casa Publicadora

#17:    152.000 Mundo Cristão

#18:    133.000 L&PM Editores

#19:    137.000 Galera Record

#20:    117.000 Hagnos

ranking atualizado em 19/3

Editoras mais populares no Facebook (11)

0

Facebook Settlement

Sérgio Pavarini

Não é novidade que as redes sociais proporcionam possibilidades quase infinitas de aprimoramento da comunicação das empresas. No entanto, às vezes aparecem algumas notícias que surpreendem pela combinação eficiência + criatividade.

No ano passado, o supervisor do cemitério municipal da cidade de Guariba (SP) começou a usar o Facebook para divulgar quem havia morrido. As notas de falecimento traziam dados pessoais e até foto dos mortos.

Com o aumento do interesse da população, o perfil atingiu o limite de 5 mil participantes e, antes de transformá-lo em fan page, o gestor criou grupos no WhatsApp para ampliar o alcance da ‘agenda dos mortos’. Atualmente, são 5 grupos com cerca de 100 inscritos cada. Rápido, fácil e barato, três pilares da comunicação digital.

A primeira edição do ranking de popularidade no Facebook em 2015 traz apenas uma mudança. A Universo dos Livros subiu 4 posições e agora está no 11º lugar.

Mês que vem tem mais. 🙂

 

Ranking fevereiro

#1:   2.186.000 Chiado

#2:      859.000 Intrínseca

#3:      797.000 Saraiva

#4:      660.000 Record

#5:      506.000 Arqueiro

#6:      455.000 Rocco

#7:      430.000 Cia das Letras

#8:      330.000 Novo Conceito

#9:      228.000 Darkside Books

#10:    222.000 Sextante

#11:    203.000 Universo dos Livros

#12:    187.000 Impetus

#13:    182.000 CPAD

#14:    178.000 Leya Brasil

#15:    167.000 Casa Publicadora

#16:    164.000 Suma de Letras

#17:    153.000 Mundo Cristão

#18:    134.000 L&PM Editores

#19:    132.000 Galera Record

#20:    118.000 Hagnos

Concurso Cultural Literário (102)

0

Promoção Guga

Em um relato absolutamente sincero, empolgante e emocionante, Guga revela através de seus sentimentos as passagens mais marcantes de sua vida. Ele descreve as memórias de sua infância e adolescência com o mesmo estilo modesto e divertido que o caracteriza como jogador.

A forte base familiar, a inspiração no pai, a admiração pelo irmão tenista, o apoio irrestrito da mãe, a paixão pelo irmão caçula e a confiança inabalável do treinador são peças fundamentais em sua história, a base que o levou a superar a falta de incentivo, a descrença em si mesmo e os adversários mais temidos de sua época.

Essa jornada sem igual, passando pelos torneios juvenis e profissionais, o tricampeonato de Roland Garros, a chegada ao topo do ranking mundial, entre outras conquistas, é contada a partir da visão única do menino que nasceu para ser campeão e cativou o coração de todos os brasileiros.

Em parceria com o blog Memories of the Angel, vamos sortear 1 exemplar autografado de “Guga – Um brasileiro“, lançamento da Sextante.

Para participar, basta responder quantas vezes e em quais anos Guga foi eleito o melhor jogador da América do Sul?

Envie a resposta para o e-mail [email protected] Respostas na área de comentários serão desconsideradas e apagadas.

Aproveitamos para sugerir que curtam as páginas dos promotores deste concurso:

O resultado será divulgado dia 4/11 neste post.

Participe! 🙂

***

E quem leva o livro “Guga – Um brasileiro” autografado é………. Cláudia Rosane Monteiro! \o/

Parabéns! Por gentileza enviar seus dados completos para [email protected] em até 48 horas.

Jovem gosta de ler, sim! Conheça as escritoras pop star que conquistaram legiões de fãs adolescentes

0

Sucesso de vendas, Thalita Rebouças e Paula Pimenta provam o poder do público teen

Thalita Rebouças e seu "Fala Sério, Amiga!", e Paula Pimenta, autora de "Fazendo meu Filme" Barbara Raso/Divulgação/Reprodução

Thalita Rebouças e seu “Fala Sério, Amiga!”, e Paula Pimenta, autora de “Fazendo meu Filme”
Barbara Raso/Divulgação/Reprodução

Marcella Franco, no R7

Nesta semana, uma notícia correu o Facebook: J. K. Rowling, autora de Harry Potter, teria confirmado presença na Bienal do Livro, que acontece no fim deste mês, no Rio de Janeiro. Fãs do país inteiro se animaram, mas, infelizmente, a visita da escritora não passou de um boato.

Engana-se, no entanto, quem pensa que os adolescentes brasileiros só consomem literatura estrangeira, e que tem como ídolos apenas figuras como o bruxo Harry e os vampiros da série Crepúsculo, da americana Stephenie Meyer.

Já há alguns anos, as escritoras Thalita Rebouças e Paula Pimenta começaram a fazer sucesso entre os leitores de 10 a 16 anos, e criaram com eles uma relação digna de astros de rock e atores da novela das nove.

Os jovens enlouquecem nas suas sessões de autógrafos, ficam mais de cinco horas nas filas para tirar fotos com as ídolos, curtem as fan pages, seguem no Twitter e acompanham cada passo das autoras.

“Os adolescentes são intensos, e agem assim com todos os seus ídolos, sejam da música, da TV, dos esportes. Não teria porque ser diferente com a literatura”, acredita a carioca Thalita, que escreve para o público jovem há dez anos. Neste período, ela lançou 12 títulos, e já vendeu mais de um milhão de exemplares.

A mineira Paula Pimenta lançou seu primeiro título em 2008. De lá para cá, escreveu mais outros sete, e ao todo vendeu 250 mil livros.

“A primeira editora para a qual levei meu livro, por exemplo, disse que não o publicaria porque ele era muito grosso, e que os jovens não liam muito”, avalia Paula. “Mas, a partir do Harry Potter e do Crepúsculo, as pessoas descobriram que os adolescente leem, sim.”

A identificação dos leitores com as histórias – aquela sensação de que o que acontece nos livros poderia acontecer com eles também – é, na opinião das autoras, uma das maiores chaves do sucesso.

“É o dia a dia dos jovens brasileiros. Eles estavam muito acostumados a ler livros americanos, quase sempre voltados para aquela dinâmica do high school, que não é nossa realidade”, explica Paula. “No meu livro, os personagens andam de ônibus, comem pão de queijo e vão ao shopping.”

Thalita também aponta o humor como um ingrediente importante para prender a atenção do público. “Às vezes o jovem olha aquele livro, implica com ele, mas então resolve dar uma chance e ler. Quando dá a primeira risada, ele está entregue.”

No começo, tanto ela quanto Paula sentiam que a maioria dos leitores era de meninas. Com o tempo isso mudou, e os meninos foram começando a gostar das histórias de títulos como Fala Sério, Mãe, de Thalita, e Fazendo meu Filme, de Paula.

“Às vezes eles chegam aos livros por conta própria, às vezes vêm porque a escola indicou. Mas sempre acabam curtindo”, acredita Paula.

“Eles viam as irmãs e namoradas lendo meus livros, e se perguntavam por que elas gostavam tanto, por que riam. Daí pegavam para ler e também gostavam. Ainda assim, eles me disseram que sentiam falta de um personagem masculino, e por isso no livro novo o protagonista é um menino”, conta Thalita, que vai lançar na Bienal do Livro Ela Disse, Ele Disse – O Namoro.

Aliás, essa relação próxima entre autoras e leitores é algo que as duas procuram cultivar. Seja ouvindo as sugestões dos fãs, seja distribuindo o maior número de senhas possível nas sessões de autógrafos, elas garantem que estão sempre ligadas no que seus eles pensam.

“Penso sempre que poderia ser eu do lado de lá, tentando contato com um ídolo meu”, conta Paula, que entra todos os dias no Twitter ao menos uma vez para responder e comentar coisas que os jovens tenham postado. “Tento também responder todas as mensagens do Facebook, e aos mais de 50 emails que recebo por dia.”

Thalita, por sua vez, já chegou a ter câimbras de tantos autógrafos que deu em um só dia, mas nada que tenha sido um problema para a autora. “Acho tudo isso lindo!”, confessa.

Go to Top