Publicado no Papo de Cinema

George Clooney assinou contrato com a Netflix para dirigir e estrelar a adaptação de Good Morning, Midnight, best-seller escrito por Lily Brooks-Dalton, apontado pelo Chicago Review of Books como um dos melhores livros de 2017. A história de ficção científica segue os cotidianos paralelos de Agustine (Clooney), cientista solitário no Ártico que se recusa a deixar a sua estação de pesquisa, e do astronauta Sullivan, a bordo da espaçonave Aether, tentando voltar para casa depois de uma missão pioneira a Júpiter. Isso tudo ocorre em meio a um evento possivelmente apocalíptico se desdobrando em vários cantos do planeta Terra.

Mark L. Smith (O Regresso, 2015) é o roteirista responsável pela adaptação do livro. Aliás, seu trabalho foi entusiasticamente elogiado por Clooney no comunicado oficial divulgado à imprensa: “Há muito tempo admiro Mark, e o seu roteiro para esse filme é verdadeiramente assombroso. Estou animado para trabalhar com os meus amigos na Netflix, também”. O último filme dirigido pelo astro foi Suburbicon: Bem-Vindos ao Paraíso (2017). Mais recentemente ele conduziu dois episódios da série Catch-22 (2019), minissérie do Hulu (inédita no Brasil) em que também atuou como coadjuvante.

A produção de Good Morning, Midnight (embora não esteja confirmado se o título do livro será mantido) começa em outubro deste ano.