Canal Pavablog no Youtube

Posts tagged JK Rowling

J.K. Rowling escreve carta emocionante para fã

0
Twitter

Twitter

Publicado no E! Online

Como não amar?

J.K. Rowling continua fofa como sempre! Após escrever uma carta para a sobrevivente de um massacre, Rowling mandou uma carta emocionante para um fã que disse sempre ser ignorado por ela no Twitter. Como não amar?

“Alguém se sente como um bruxo órfão quando J.K. Rowling tuita para outros fãs e não para você?“, publicou Johnny, o fã da escritora que disse sempre ser ignorado, em junho do ano passado. Coitadinho!

Porém, em julho, os dois não só se encontraram enquanto J.K. assinava as cópias do livro O Bicho-da-Seda, como Johnny também entregou um livro com as ilustrações de Jason Cockcroft (o mesmo que fez as capas dos livros de Harry Potter) e dentro dele se encontrava um texto do fã dizendo como a série de livros do bruxinho mudou a sua vida.

A escritora não deixou barato e mandou uma carta no mês seguinte, com o selo da Câmera Secreta, para a casa de Johnny, dizendo:

Querido Johnny,

Você escreve muito bem. Isso não é a coisa mais importante que eu tenho para falar para você, mas eu acho que devia comentar – Sou perita nisso.

Agora vamos para o que importa:

O que você disse sobre Harry te ajudar a passar pelo o que foi claramente um momento difícil em sua vida, significa mais para mim do que eu possa facilmente expressar. Eu confesso publicamente que detesto bullying e o jeito que as escolas “lidam” com ele.

A sua experiência é chocante e perturbadora e ver que você se tornou uma pessoa boa, com compaixão e altamente motivado, é uma grande prova de sua coragem. Você é da Grifinória, querido… Obrigada pelo lindo livro. Eu amei ele.

Essa carta parece ser tão impessoal, mas vamos quebrar o padrão: Eu tenho família em Ayshire – Arran, para ser mais precisa. E eu nunca fui para lá. Constrangedor, né? Não diga isso aos nacionalistas. Eu tenho certeza que vamos nos encontrar de novo. Enquanto isso, eu vou falando com você pelo Twitter.

Com amor,

Jo.

Vale dizer que, após a carta, Rowling manteve contato com o fã e responde a todas as perguntas e dúvidas que ele tem. Fofa!

Harry Potter continua rendendo livros fantásticos

0

Carol Botelho, no Portal It

As criaturas fantásticas dos livros e dos filmes do bruxinho inglês Harry Potter ainda estão rendendo pano pra manga, ou melhor, páginas de livros. E não somente para J.K. Rowling, a criadora do bruxo mais famoso do cinema e da literatura, mas também para outros escritores que, de tão aficcionados pelas histórias, acabaram resolvendo eles mesmos escrever seus próprios livros inspirados em Harry.

Harry Potter continua rendendo livros fantásticos

O Livro das Criaturas de Harry Potter, de Jody Revensen (208 páginas, R$ 65,84, Editora Galera Record), lançado mês passado, sem dúvida deve atiçar a curiosidade dos fãs do bruxinho que aprendeu truques de magia na Escola Hogwarts.

Elfos domésticos, assustadores dementadores, dragões, lobisomens, sereias nada convencionais, corujas, hipogrifos (seres metade cavalo, metade pássaros). Impossível esquecer desses personagens, criaturas mágicas que, principalmente nos filmes, onde foram materializadas em terceira dimensão, faziam das aventuras de Harry, Hermione e Rony algo muito mais fantástico.

Harry Potter continua rendendo livros fantásticos

A obra traz perfis detalhados de várias criaturas, ilustrações, fotografias de bastidores e segredos cinematográficos para tornar possível retirar do papel as criações de Rowling. Com capa dura e belas fotografias e ilustrações, o livro ainda traz um pôster com todas as criaturas, além de um catálogo interativo do Empório das Corujas. Publicação indispensável para qualquer fã que se preze, e ainda uma leitura relax para os dias de dolce far niente da galera geek.

Na telona, está sendo esperado para 2016 o próximo filme inspirado no universo do bruxinho: Animais Fantásticos e Onde Habitam. Que bom que vem mais por aí. Esperamos que chegue ao Brasil com a velocidade de uma potente vassoura Nimbus!

Série baseada em romance policial de JK Rowling será produzida pela BBC

0

Roteiro será inspirado em ‘O chamado do cuco’ e ‘O bicho de seda’

Publicado em O Globo
RIO — Os livros lançados por JK Rowling sob pseudônimo de Robert Galbraith serão adaptados para uma série de TV produzida pela BBC. O primeiro livro, “O chamado do cuco” (2013), e sua continuação, “O bicho de seda” (2014), serão base do roteiro centrado na vida do do veterano de guerra e detetive Cormoran Strike, que conta com a ajuda de sua assistente Robin Ellacott para tentar solucionar o brutal assassinato de um escritor.

Os detalhes sobre início das filmagens, elenco e direção ainda não foram divulgados, nem a previsão de estreia.

A emissora, em parceria com a HBO, vai exibir, a partir de fevereiro, uma minissérie de três episódios baseada em “Morte súbida”, lançado pela autora em 2012. Este foi o primeiro livro lançado por Rowling após o final da saga “Harry Potter”. A história se passa na pequena Pagford e acompanha das diversas disputas existentes na aparentemente tranquila cidade. O livro vendeu mais de seis milhões de cópias em todo o mundo. A autora assina a produção executiva da série. O roteiro será de Sarah Phelps e a direção de Jonny Campbell.

rowling

O disfarce da autora foi descoberto pelo jornal “Sunday Times”, em 2013, depois que um escritório de advocacia britânico deixou a informação vazar. Após o segredo ser revelado, o livro pulou para o topo de todas lista dos mais vendidos ao redor do mundo. A escritora justificou ainda a razão de ter usado um pseudônimo depois de “Harry Potter”. Ela temia que recepção dos livros fosse baseada em sua reputação.

J. K. Rowling afirmou que deseja escrever mais do que sete livros da sua trama policial. O segundo livro do personagem (“O bicho de seda”) ficou no topo da lista dos mais vendidos do “Sunday Times” em junho.

Advogado é multado por revelar pseudônimo de JK Rowling

0

Sócio do escritório de advocacia que representava a autora de Harry Potter revelou um dos maiores segredos do mundo editorial para a melhor amiga de sua mulher, que falou para jornalista

Publicado no Estadão

O advogado responsável por revelar que JK Rowling era a verdadeira autora de um romance policial vendido sob o pseudônimo de Robert Galbraith foi multado em 1.000 libras esterlinas (1.650 dólares) e recebeu uma advertência por escrito de um órgão britânico de supervisão do Judiciário.

Autora de Harry Potter teria ficado furiosa com revelação - AP

Autora de Harry Potter teria ficado furiosa com revelação – AP

Chris Gossage, sócio do escritório de advocacia Russells Solicitors, que representava a autora de Harry Potter, revelou um dos maiores segredos do mundo editorial para a melhor amiga de sua mulher, que, em seguida, mandou um tuíte para um jornalista revelando a verdadeira identidade de Galbraith.

 

Rowling, escritora de maior vendagem da Grã-Bretanha, ficou furiosa ao descobrir que fora um sócio do escritório de advocacia que a representava, com sede em Londres, quem havia vazado a informação de que ela era a autora de “The Cuckoo’s Calling”.

 

O material de divulgação do livro o descrevia como obra de estreia de Galbraith, um policial militar aposentado.

 

Depois de tomar medidas legais contra Gossage e sua amiga Judith Callegari, Rowling aceitou o pedido de desculpas do escritório de advocacia, que pagou os custos do processo e fez uma doação substancial, de valor não revelado, a uma instituição de caridade de sua preferência, a Soldier’s Charity.

 

A Autoridade de Regulamentação da Advocacia informou em uma sentença divulgada esta semana que Gossage recebeu uma advertência por escrito e uma multa de 1.000 libras esterlinas por revelar informação confidencial de um cliente para uma terceira pessoa.

 

Ninguém do Russells Solicitors estava disponível de imediato para comentar o assunto. O nome de Gossage ainda consta como sócio da firma, a qual deixou claro que revelar o nome de Rowling foi um erro e não uma jogada de marketing.

 

Na época, Rowling, de 48 anos, disse que havia sido “maravilhoso” publicar sem alarde ou expectativa e ouvir comentários sobre o livro, sob um nome diferente, mesmo que isso tenha significado que algumas editoras rejeitassem a obra, como também havia acontecido quando ela tentou publicar os primeiros da série Harry Potter.

(Reportagem de Belinda Goldsmith)

dica do Chicco Sal

Os 20 livros mais “esquecidos” em quartos de hotéis

1

Carlos Willian Leite, na revista Bula

E. L. James

O jornal inglês “The Guardian” publicou uma lista dos principais livros que os hóspedes da rede de hotéis Travelodge — uma das maiores redes hoteleiras do mundo — esqueceram em seus quartos. Um total de 22.648 livros foi abandonado nos últimos 12 meses.

A autora de romances eróticos — e escritora com o maior faturamento do ano — E. L. James está no topo da lista: “Cinquenta Tons de Liberdade” é o livro recordista de abandonos. E. L. James aparece três vezes na lista com a trilogia “Cinquenta Tons”, assegurando a primeira posição com 1.209 cópias abandonadas no ano. A segunda colocada é a escritora Sylvia Day, com os títulos “Toda Sua”, “Para Sempre Sua” e “Profundamente Sua”. Em terceiro lugar aparece a escritora Jennifer Probst, autora da  trilogia erótica “Billionaire”. A quarta posição fica com “Garota Exemplar” de Gillian Flynn, e a quinta com “Morte Súbita”, de JK Rowling.

As três principais razões para se abandonar um livro, segundo o levantamento do Guardian são: “Terminei de ler e deixei para que outras pessoas possam ler”, seguida de “perdi ou esqueci” e “fiquei entediado”. Há três autobiografias de celebridades na lista: “My Time”, do ciclista ganhador do ouro olímpico, Bradley Wiggins;  “My Story” da cantora Chery Cole;  e “Camp David”, biografia do comediante David Williams. “O Grande Gatsby”, de F. Scott Fitzgerald, de 1925, aparece na 20ª posição.

1— Cinquenta Tons de Liberdade — E. L. James
2 — Toda Sua — Sylvia Day
3 — The Marriage Bargain — Jennifer Probst
4 — Garota Exemplar —Gillian Flynn
5 — Morte Súbita — JK Rowling
6 — Cinquenta Tons de Cinza — E. L. James
7 — Profundamente Sua — Sylvia Day
8 — My Time — Bradley Wiggins
9 — Para Sempre Sua — Sylvia Day
10 — Cinquenta Tons Mais Escuros — E. L. James
11 — My Story — Chery Cole
12 — The Marriage Trap —  Jennifer Probst
13 — Camp David — David Williams
14 — Call the Midwife — Jennifer Worth
15 — Antes de Dormir —  S. J. Watson
16 — The Marriage Mistake  — Jennifer Probst
17 — The Racketeer — John Grisham
18 — The Carrier — Sophie Hannah
19 — Oh Dear Silvia — Dawn French
20 — O Grande Gatsby — F Scott Fitzgerald
Go to Top