Canal Pavablog no Youtube

Posts tagged livro mais vendido

Flica 2018: Conceição Evaristo e Djamila Ribeiro são campeãs de venda

0

Autoras tiveram obras esgotadas durante a festa; livraria totalizou R$130 mil em vendas

Publicado no Correio 24 Horas

A filósofa Djamila Ribeiro, 38, é a autora do livro mais vendido da Festa Internacional de Cachoeira (Flica). Quem Tem Medo do Feminismo Negro? foi a obra mais requisitado pelo público que foi à cidade do recôncavo baiano e passou pela LDM, livraria oficial do evento.

A homenageada do festa, a mineira Conceição Evaristo, 71, por sua vez, foi a autora que mais vendeu livros nos quatro dias de evento – que aconteceu de quinta (11) até a manhã deste domingo (14). Sua obra que mais saiu foi Olhos D’Água. Ambas as escritoras tiveram exemplares esgotados.

Segundo balanço da gerente de eventos da LDM Luana Maldonado, a livraria registrou aumento de cerca de 30% nas vendas em comparação com a edição anterior – totalizando mais R$ 130 mil no caixa.

“A nossa avaliação da oitava edição da Flica é super positiva. Além de termos ampliado a equipe nesse ano, tivemos uma kombi intinerante na frente da Fliquinha (que recebe a programação infantil do evento), o que também fez com que nossas vendas dos livros para a criançada aumentassem”, avaliou.

‘Como eu era antes de você’ é o livro mais vendido no Brasil em 2016

0
Cena da adaptação cinematográfica de 'Como eu era antes de você' (foto: Alex Bailey/Warner Bros)

Cena da adaptação cinematográfica de ‘Como eu era antes de você’ (foto: Alex Bailey/Warner Bros)

 

Obra de Jojo Moyes vendeu mais de 350 mil exemplares. ‘O diário de Larissa Manoela’ aparece à frente de ‘Harry Potter e a criança amaldiçoada’ em ranking

Publicado no UAI

Levantamento feito pelo site PublishNews, especializado no mercado editorial brasileiro, apontou que o best-seller Como eu era antes de você, da britânica Jojo Moyes, foi o mais vendido dos livros no Brasil em 2016.

Como eu era antes de você, publicado pela editora Intrínseca, vendeu 352.330 unidades no ano passado, número fortalecido pela adaptação cinematográfica. A continuação, Depois de você, ficou com o terceiro lugar da lista com 228.073 exemplares vendidos. O segundo lugar ficou com Ruah, do Padre Marcelo Rossi, com 228.232 exemplares.

Em quarto lugar ficou a obra O diário de Larissa Manoela, da atriz mirim Larissa Manoela com 178.936 livros. O livro da saga do bruxo mais famoso do mundo, Harry Potter e a criança amaldiçoada, considerado o oitavo livro da série idealizada por J.K Rowling, ficou em quinto com pouco mais de 170 mil livros vendidos, o que pode ser considerado um tremendo sucesso já que a obra (a versão brasileira) foi lançada em outubro.

Confira a lista completa:
1 – Como eu era antes de você, Jojo Moyes (Intrínseca) – 352.330
2 – Ruah, Padre Marcelo (Principium) – 228.232
3 – Depois de você, Jojo Moyes (Intrínseca) – 228.073
4 – O diário de Larissa Manoela, Larissa Manoela (HarperCollins Brasil) – 178.936
5 – Harry Potter e a criança amaldiçoada, J.K Rowling (Rocco) – 170.130
6 – AuthenticGames, Marco Túlio (Astral Cultural) – 144.053
7 – Orfanato da Srta. Peregrine para crianças peculiares, Ransom Riggs (LeYa) – 133.776
8 – Ansiedade, Augusto Cury (Saraiva) – 129.580
9 – A coroa, Kiera Cass (Seguinte) – 110.899
10 – Muito mais de 5inco minutos, Kéfera Buchmann (Paralela) – 104.548
11 – Dois mundos, um herói, RezendeEvil (Suma de Letras) – 101.730
12 – Segredos da Bel para meninas, Bel/Fran (Única) – 99.565
13 – Grey, E.L James (Intrínseca) – 99.008
14 – O poder da ação, Paulo Vieira (Gente) – 98.298
15 – Philia, Padre Marcelo (Principium) – 97.957
16 – O diário de Anne Frank, Mirjam Pressler/Otto H.Frank (Record) – 95.315
17 – Lava Jato, Vladimir Netto (Primeira Pessoa) – 80.931
18 – O homem mais inteligente da história, Augusto Cury (Sextante) – 78.965
19 – Herobrine: A lenda, Pac e Mike (Geração Jovem) – 78.233
20 – A garota no trem, Paula Hawkins (Record) 77.581

Qual era o livro mais vendido no ano em que você nasceu?

1

Livraria_0

Compilamos os best-sellers dos últimos 40 anos no Brasil e nos Estados Unidos

Pamela Carbonari, na Superinteressante

Você já deve ter lido por aqui que quem lê vive mais. Ok, leitura não garante longevidade, mas pode diminuir suas chances de morrer se você mantiver o hábito de ler livros durante toda a vida – e não apenas jornais ou revistas (não há nenhuma ressalva se você ler Superinteressante, então continue conosco). Por isso e pelos outros tantos benefícios da leitura, não é novidade para nenhum leitor que a atividade seja primordial desde muito cedo.

Não importa se você é leitor desde o berço ou se adquiriu o hábito depois de adulto: se você pudesse comprar um livro no ano em que nasceu, que livro seria?

Compilamos os maiores best-sellers de ficção: para selecionar os hits literários no Brasil recorremos à lista dos mais vendidos da revista Veja. Também utilizamos a lista do The New York Times para encontrar as obras mais compradas pelos americanos nas últimas quatro décadas. Boa leitura!

1975

Brasil – Gabriela, Cravo e Canela, Jorge Amado

Estados Unidos – A Saga do Colorado, James Michener

1976

Brasil – Araceli, Meu Amor, de José Louzeiro

Estados Unidos – Triniy, Leon Uris

1977

Brasil –

Estados Unidos – Pássaros Feridos, Colleen McCullough

1978

Brasil- Conversa na Catedral, Mario Vargas Llosa

Estados Unidos – A Herdeira, Sidney Sheldon

1979

Brasil – Farda, Fardão, Camisola de Dormir, Jorge Amado

Estados Unidos – O círculo Matarese, Robert Ludlum

1980

Brasil- A Falta que Ela me Faz, Fernando Sabino

Estados Unidos- A identidade Bourne, Robert Ludlum

1981

Brasil- Crônicas de uma morte anunciada, Gabriel García Márquez

Estados Unidos- Os Rebeldes, James Michener

1982

Brasil – O Analista de Bagé, Luis Fernando Veríssimo

Estados Unidos – O Mosaico de Parsifal, Robert Ludlum

1983

Brasil – A Velhinha de Taubaté, Luis Fernando Veríssimo

Estados Unidos – A Garota do Tambor, John Le Carré

1984

Brasil – Tocaia Grande, Jorge Amado

Estados Unidos – Operação Aquitânia, Robert Ludlum

1985

Brasil – A Insustentável Leveza do Ser, Milan Kundera

Estados Unidos – Tripulação de Esqueletos, Stephen King

1986

Brasil – A Insustentável Leveza do Ser, Milan Kundera

Estados Unidos – A Coisa, Stephen King

1987

Brasil – As Brumas de Avalon, Marion Zimmer Bradley

Estados Unidos – O Preço do Amor, Danielle Steel

1988

Brasil – As Brumas de Avalon, Marion Zimmer Bradley

Estados Unidos – O Cardeal do Kremlin, Tom Clancy

1989

Brasil – As Areias do Tempo, Sidney Sheldon

Estados Unidos – A casa da Rússia, John Le Carré

1990

Brasil – Diário de um Mago, Paulo Coelho

Estados Unidos – O Ônus da Prova, Scott Turow

1991

Brasil – O Alquimista, Paulo Coelho

Estados Unidos – Scarlett, Alexandra Ripley

1992

Brasil – O Alquimista, Paulo Coelho

Estados Unidos- O Dossiê pelicano, John Grisham

1993

Brasil – Noite sobre as Águas, Ken Follett

Estados Unidos – As Pontes de Madison, Robert James Waller

1994

Brasil – Brida, Paulo Coelho

Estados Unidos – A Profecia Celestina, James Redfield

1995

Brasil – Comédias da Vida Privada, Luis Fernando Veríssimo

Estados Unidos – A Profecia Celestine, James Redfield

1996

Brasil – O Mundo de Sofia, Jostein Gaarder

Estados Unidos – Segredos do Poder, Joe Klein

1997

Brasil – O Mundo de Sofia, Jostein Gaarder

Estados Unidos – A Montanha Gelada, Charles Frazier

1998

Brasil – O Livro das Virtudes para Crianças, William j. bennett

Estados Unidos – O Advogado, John Grisham

1999

Brasil – O Homem que Matou Getúlio Vargas, Jô Soares

Estados Unidos – O Testamento, John Grisham

2000

Brasil – Harry Potter e a Pedra Filosofal, J.K Rowling

Estados Unidos – A Confraria, John Grisham

2001

Brasil – Harry Potter e a Pedra Filosofal, J.K. Rowling

Estados Unidos – O diário de Suzana para Nicolas, James Patterson

2002

Brasil – Harry Potter e a Câmara Secreta, J.K. Rowling

Estados Unidos – The Lovely Bones, Alice Sebold

2003

Brasil – Onze Minutos, Paulo Coelho

Estados Unidos – O Código da Vinci, Dan Brown

2004

Brasil – Budapeste, Chico Buarque

Estados Unidos – O Código da Vinci, Dan Brown

2005

Brasil – Fortaleza Digital, Dan Brown

Estados Unidos – O Corretor, John Grisham

2006

Brasil – Quando Nietzsche Chorou, Irvin D. Yalom

Estados Unidos – For One More Day, Mitch Albom

2007

Brasil – A Cidade do Sol, Khaled Hosseini

Estados Unidos – A Cidade Do Sol, Khaled Hosseini

2008

Brasil – A Menina que Roubava Livros, Markus Zusak

Estados Unidos – O Recurso, por John Grisham

2009

Brasil – A Cabana, William Young

Estados Unidos – O Símbolo Perdido, Dan Brown

2010

Brasil – A Cabana, William P. Young

Estados Unidos – A Rainha do Castelo de Ar, Stieg Larsson

2011

Brasil – A Guerra dos Tronos, George R. R. Martin

Estados Unidos – A Resposta, Kathryn Stockett

2012

Brasil – A Escolha, de Nicholas Sparks

Estados Unidos – Cinquenta Tons de Cinza, E. L. James

2013

Brasil – Inferno, Dan Brown

Estados Unidos – Um Porto Seguro, Nicholas Sparks

2014

Brasil – A Culpa é das Estrelas, John Green

Estados Unidos – O Pintassilgo, Donna Tartt

2015

Brasil – O Pequeno Príncipe, Antoine de Saint-Exupéry

Estados Unidos – A Garota no Trem, Paula Hawkins

Biografia de Edir Macedo liderou venda de livros no Brasil em 2014

0
Segundo ranking do site "PublishNews", foram comercializadas 753 mil cópias do livro Foto: Reprodução

Segundo ranking do site “PublishNews”, foram comercializadas 753 mil cópias do livro Foto: Reprodução

Publicado no NE10

“Nada a Perder – Volume 3” (editora Planeta), biografia do bispo Edir Macedo, foi o livro mais vendido no Brasil em 2014. Segundo ranking do site “PublishNews”, que monitora as vendas de 25% a 35% das livrarias do país, foram comercializadas 753 mil cópias do livro.

No ano passado, o segundo volume da biografia, escrita por Macedo e Douglas Tavolaro, também liderou a lista do site, com cerca de 850 mil livros vendidos.

No ranking de 2014, logo após “Nada a Perder” vêm “A Culpa É das Estrelas” (editora Intrínseca), de John Green, e “Ansiedade: Como Enfrentar o Mal do Século” (editora Saraiva), de Augusto Cury.

O primeiro vendeu quase 640 mil cópias. O segundo, 346 mil.

O norte-americano John Green foi o escritor que mais vendeu livros no Brasil neste ano. Ele também ocupa o quinto (“Quem É Você, Alasca?”, editora WMF Martins Fontes) e sétimo (“Cidades de Papel”, editora Intrínseca) lugares da lista dos dez mais do ano do “PublishNews”.

Entre as editoras, a campeão foi a Intrínseca, com cinco livros na lista.

Uma curiosidade é a presença do clássico infantil “O Pequeno Príncipe”, em nono lugar. Publicado em 1943, o livro ainda é um best-seller, com quase 124 mil exemplares vendidos neste ano.

A lista dos dez livros que mais venderam, segundo o site “PublishNews”:

1) “Nada a Perder – Volume 3”

Editora: Planeta

Autores: Edir Macedo e Douglas Tavolaro

Vendas: 752.973 exemplares

2) “A Culpa É das Estrelas”

Editora: Intrínseca

Autor: John Green

Vendas: 639.502 exemplares

3) “Ansiedade: Como Enfrentar o Mal do Século”

Editora: Saraiva

Autor: Augusto Cury

Vendas: 346.543 exemplares

4) “Destrua Este Diário”

Editora: Intrínseca

Autor: Keri Smith

Vendas: 332.940

5) “Quem É Você, Alasca?”

Editora: WMF Martins Fontes

Autor: John Green

Vendas: 161.954 exemplares

6) “Se Eu Ficar”

Editora: Novo Conceito

Autor: Gayle Forman

Vendas: 158.189 exemplares

7) “Cidades de Papel”

Editora: Intrínseca

Autor: John Green

Vendas: 143.404 exemplares

8) “Não se Apega Não”

Editora: Intrínseca

Autora: Isabela Freitas

Vendas: 130.054 exemplares

9) “O Pequeno Príncipe”

Editora: Agir

Autor: Antoine de Saint-Exupéry

Vendas: 123.576 exemplares

10) “A Menina que Roubava Livros”

Editora: Intrínseca

Autor: Markus Zusak

Vendas: 121.876 exemplares

Go to Top